tQuids S1

tQuids S1: Do Latim às Línguas Nacionais, Lluís V. Aracil

http://www.livrariaminho.pt/

1. Por volta do ano 600, na Europa a “língua latina” é designada por “latim dos pássaros ou”…
2. Quando foi fundada a primeira “escola catalana” de Eusebi Guell para os filhos dos trabalhadores da sua empresa?
3. Este livro procede da transcrição de um seminário ministrado originalmente em Ourense, em 1988 em que língua?

Continuar a ler

Anúncios
Categories: tQuids S1 | 4 comentários

tQuids S1: Portugal: Os Números, Maria João Valente Rosa e Paulo Chitas

1. Esta frase “evolui-se de 3,2 filhos por mulher, em 1960, para 1,4 filhos por mulher em 2008” surge neste livro?
2. Quantos, em cada 3 jovens (entre os 18 e os 24 anos) não estão a estudar e deixaram assim por alcançar o ensino secundário em 2009?
3. Em 1990 havia 6 mil pensionistas com menos de 60 anos. Quantos havia em 2008?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 6 comentários

tQuids S1: As Estrelas são dos Homens, James Blish

As Estrelas são dos Homens, James Blish

1. A que tetralogia pertence esta obra?
2. Este livro foi publicado pela primeira vez em
3. Como se chama a empresa farmacêutica que comprou a amostra ao astronauta Paige?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 4 comentários

tQuids S1: Agostinho da Silva, Textos Pedagógicos I

1. Como se chamava a criadora do “método Montessori”?
2. Onde estava Pestalozzi quando em novembro de 1755 os abalos que destruíram Lisboa chegaram à Suíça?
3. A que autor, se refere Agostinho na passagem: “A revolução obriga a um dispêndio de energias que não estão de modo algum em relação com os resultados obtidos; a ilusão de todos os revolucionários da Historia tem sido a de que, depois do movimento, se encontrariam num mundo perfeito; absolutamente de acordo com a construção teórica”

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 4 comentários

tQuids S1: Léonard, Génio Civilizado

 Léonard, Génio Civilizado (http://www.leiloes.net/)

Léonard, Génio Civilizado (http://www.leiloes.net/)

1. Qual é a dupla responsável por esta obra de BD?
2. Com que titulo trata o Mestre o seu ajudante?
3. Que frase em latim está escrita na cama do ajudante do Mestre?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 4 comentários

tQuids S1: Ó Alexandria (Alix), Jacques Martin

Ó Alexandria (Alix), Jacques Martin (http://images.portoeditora.pt)

Ó Alexandria

1. Qual era a faraó que escondeu de Tutmósis o tesouro oferecido por Punt?
2. Como se chama o salvador de Enak e Alix, o mesmo que usa o leopardo Jor para os levar para as montanhas?
3. Como se chama o antigo vizir preso no antigo santuário de Tebas?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: Claudio Magris, Ilações sobre um Sabre

Claudio Magris, Ilações sobre um Sabre (images.portoeditora.pt)

Claudio Magris, Ilações sobre um Sabre (images.portoeditora.pt)

1. As tropas causasianas estacionadas em Paluzza incluíam soldados pertencentes a quantos grupos linguísticos diferentes?
2. A que tenente-general cossaco ofereceu o atamã um relógio?
3. Os factos históricos a que se refere este romance tiveram lugar na Carnia entre que dois anos?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: Ir à Índia sem abandonar Portugal / Considerações / Outros Textos; Agostinho da Silva

Agostinho da Silva (http://www.cm-sintra.pt)

Agostinho da Silva (http://www.cm-sintra.pt)

1. “Porque X é que me educou, não me deu instrução, aliás, nem a instrução educa ninguém, só prepara para uma profissão, às vezes um sujeito até escapa com educação, apesar da instrução, não é?”
Onde (local X) recebeu Agostinho a “educação básica”?

2. “tem de ser independente da Península e uma pedra no seu mosaico. Como tem de ser a Catalunha, como tem de ser o Algarve, como têm de ser os Açores ou as Canárias, exactamente isso.”
A que nação peninsular se refere Agostinho?

3. “Portugal como uma rede municípios republicanos e democráticos, cada um com sua constituição adequada às características locais, confiando-se a representação ou convivência de todos eles a delegados que se reuniam em Cortes, sem prazo fixo, e aí discutiam dos problemas particulares ou comuns do Reino”
Quem coordenava esta rede municípios republicanos e democráticos, nesta visão de Agostinho?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 3 comentários

tQuids S1

Para aceder ao último Quid (A Mentira Sagrada, Luís Miguel Rocha), clicar AQUI.

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: Os Portugueses na Índia, M. N. Pearson

Os Portugueses na Índia, M. N. Pearson (http://www.mediabooks.com)

Os Portugueses na Índia, M. N. Pearson

1. Em meados do século XVI, partiam todos os anos para o ultramar entre
a. 1 a 2 mil portugueses
b. 3 a 4 mil portugueses
c. 6 a 10 mil portugueses

2. Nos começos do século XVII no Algarve os escravos chegaram a constituir quantos % da população?

3. Quem disse que “O descobrimento da América e o da passagem para as Índias Orientais pelo Cabo da Boa Esperança são os dois maiores acontecimentos registados na história da humanidade”

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 3 comentários

tQuids S1: As Aventuras de Hergé, Bocquet, Fromental e Stanislas

As Aventuras de Hergé (http://images.portoeditora.pt)

As Aventuras de Hergé (images.portoeditora.pt)

1. Bob de Moor encontrou Hergé em 1950. Trabalhou na remontagem de alguns álbuns e depois nos cenários dos seguintes. Desapareceu em 1992 sem realizar o sonho da sua vida, desenhar o último album de Tintin:
2. Quem é que Hergé vai receber ao aeroporto de Zaventem em 1981?
3. Como se chamava a colorista que entrou nos Estúdios Hergé em 1956 e em 1977 haveria de casar com o autor?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: Visões de Agostinho da Silva, Renato Epifânio

Agostinho da Silva (http://www.cm-sintra.pt)

Agostinho da Silva (http://www.cm-sintra.pt)

1. “paradoxalmente, apenas haverá um Quinto Império se não existir um X (…) o tal Império do Espírito Santo que, no fim de contas, não é império nenhum”
o que, ou quem, é X?

2. “capacidade de vir a liderar o futuro humano, quando se desembaraçar de tudo o que lhe foi útil na educação europeia e exercer, com o esplendor e a vigorosa força de criação que pode demonstrar as suas capacidades de simpatia humana, de imaginação artística, de sincretismo religioso, de calma aceitação do destino, de inteligência psicológica, de ironia, de apetência de viver, de sentido da contemplação e do tempo”
a que se refere Agostinho?

3. “Não creio que a situação económica de Portugal melhore, por maior que seja a “política de austeridade”, a rede de imposto, os empréstimos estrangeiros que só comprometem o país com um mundo rico e podre; Portugal nunca se aguentou por si próprio, embora talvez tenha atingido com Dom Dinis um certo equilíbrio na pobreza, o que hoje ninguém quer”. Em que ano escreveu Agostinho esta carta dirigida a António Quadros?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 3 comentários

tQuids S1: Os Portugueses na Índia, M. N. Pearson

Os Portugueses na Índia, M. N. Pearson (http://www.mediabooks.com)

Os Portugueses na Índia, M. N. Pearson

1. Como se chamava o almirante turco que entre 1551 e 1552  saqueou Mascat com 23 galés?
2. Uma descrição das receitas de Goa em 1545 terminava dizendo: “isto foi o que Goa produziu no ano passado, além do que foi”…
3. De 50 governadores de Goa, até 1656 22 faleceram durante o mandato ou quando regressavam à pátria, 14 morreram na Índia, um em Malaca. Destes, quantos morreram em batalha junto a um rei e que rei seria este?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: O último cabalista de Lisboa, Richard Zimler

O último cabalista de Lisboa, Richard Zimler (http://www.almedina.net)

O último cabalista de Lisboa, Richard Zimler (www.almedina.net)

1. “Os médicos feitos à pressa de el-rei Dom Manuel acharam que o gado era o ideal para absorver as essências que pairavam no ar, e a que atribuíam a…
2. “O tempo é como um selo a atestar a existência. E, tal como o selo, é artificial. Como meu tio costumava dizer o passado, o presente e o futuro são realmente versos do mesmo poema. O nosso fim é traçar a disposição da sua rima de regresso a…
3. “Simão não consegue falar. Ou talvez já não valha a pena. Repousa nos braços de Farid e despede-se do mundo com os olhos. Uma adaga com um punho de ébano enfiada nas costelas separa-lhe agora o corpo da alma. Por sinais, digo a Farid: “Mais um que não verá o ??? de hoje à noite.

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: “In Memoriam de Agostinho da Silva”, Vários

Agostinho da Silva (http://www.cm-sintra.pt)

Agostinho da Silva

1. “Nós fomos feitos para o impossível. Deixe o possível para os X. O possível, com grande magnimidade eu deixou para os X e para os Y! Nós o que temos que cumprir é o impossível!”
quem eram os X e os Y?

2. “Se eu tiver número de contribuinte fico na obrigação de ver o que é que o Governo faz do dinheiro dos Contribuintes. E aí entro em conflito com Portugal, o que não quero. Porque estou gratíssimo a Portugal por me ter deixado nascer nele”
Destes: bilhete de identidade, cartão de visita, passaporte e número de contribuinte, qual era o único que Agostinho alguma vez teve?

3. Agostinho da Silva criticava a disposição das salas de aula. Tradicionais, carteiras incomodas, a posição do professor e a distancia do aluno, assim, ele nunca ocupava a cátedra preferindo antes:
a. dar as aulas ao ar livre
b. sentar-se numa cadeira entre os alunos
c. fazer círculos em torno do professor com os alunos sentados em almofadas

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: As Aventuras de Hergé, Bocquet Fromental Stanislas

As Aventuras de Hergé (http://images.portoeditora.pt)

As Aventuras de Hergé

1. Quem teria sido o atrevido que frequentava o castelo de Dudzeele e que seria o suposto pai de Hergé?
2.Quantas vezes foi preso por “colaboracionismo”, Hergé?
3. Em 1971, na Mayo Clinic disseram a Hergé que os seus problemas de fadiga e de eczema se curariam com…

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 14 comentários

tQuids S1: A Ciência em Portugal, Carlos Fiolhais

 Carlos Fiolhais (http://aeiou.expresso.pt)

Carlos Fiolhais (http://aeiou.expresso.pt)

1. A Junta de Energia Nuclear (JEN) foi fundada em 1954 e dispôs de um reator nuclear de investigação em Sacavém a partir de…
2. Portugal está em número de estudantes de doutoramento em áreas de ciência e tecnologia, à frente da média da Europa a 27. Nomeadamente, da Irlanda, Dinamarca, Bélgica e Itália. Verdadeiro ou Falso?
3. A percentagem de alta tecnologia nas exportações nacionais está acima da Grécia, Espanha e Noruega, sendo em 2006 de…

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: O Demónio da Torre Eiffel, Adèle Blanc-sec

O Demónio da Torre Eiffel (http://www.leiloes.net)

O Demónio da Torre Eiffel (http://www.leiloes.net)

1. A peça a que Adèle Blanc-sec assiste na página 10 chama-se
2. Na página 22, Adèle entra num subterrâneo sob o rio Sena através de uma entrada secreta na
3. Como se chama o “irmão” da seita de adoradores de Pazuzu que vigia as escadas?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: Portugal e o Mar, Tiago Pitta e Cunha

1. Atualmente, a frota pesqueira e as capturas têm vindo a reduzir-se até ao ponto atual em que mais de X % do pescado consumido em Portugal é importado
2. Em 2009, Portugal importou em produtos do pescado mais de X milhões de euros
3. Portugal gera uma riqueza do setor do Mar que é mais de três vezes inferior ao valor gerado pela (Alemanha, Bélgica, ou Holanda)?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 9 comentários

tQuids S1: Os Sarcófagos do 6º Continente, Blake e Mortimer

1. Blake e Mortimer viajam para o pólo sul no começo do segundo volume num avião do fabricante
2. O comandante da base polar britânica de Halley era o
3. O arquivilão neste álbum é o imperador

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 4 comentários

tQuids S1: Economia Portuguesa, as últimas décadas, Luciano Amaral

Luciano Amaral (http://www.jornaldenegocios.pt)

Luciano Amaral (www.jornaldenegocios.pt)

1. Portugal é hoje (2010) o terceiro país mais desigual da UE (apenas ultrapassado pelos casos extremos da Bulgária e da…)
2. Portugal tem a nível dos países europeus desenvolvidos, a ter a menor proporção de mão-de-obra com formação escolar secundária e superior, com percentagens respetivas de…
3. Em 1975, os salários em Portugal aumentaram próximo de X num só ano:

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: O Estoicismo, Jean Brun

Marco Aurélio (http://www.imperivm.org)

Marco Aurélio (http://www.imperivm.org)

1. o fundador do estoicismo foi:
2. o estóico Cleanto deixou-se morrer de fome porque:
3. o filósofo Séneca nasceu em:

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 6 comentários

tQuids S1: Múmias Loucas, Tardi

Múmias Loucas (http://images.portoeditora.pt)

1. Como se chama o assassino contratado com uma obsessão por gatos?
2. Adéle Blanc-Sec recebe uma oferta de um bilhete – na qualidade de passageiro convidado – enviado por
3. A entrada para o subterrâneo onde reuniam as seitas coligadas de Pazuzu e dos adoradores de Satanás ficava no

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 4 comentários

tQuids S1: Corto Maltese, A Casa Dourada de Samarcanda, Hugo Pratt

A Casa Dourada de Samarcanda (http://www.leiloes.net)

1. Quem diz esta frase: “O belo marinheiro continua atentamente desconfiado da razão, e com aversão à lógica. Está apaixonado pela ideia de estar apaixonado. Do género nostalgia e melancolia adocicada!

2. Neste álbum, o batalhão soviético que ataca o forte turco é de etnia…

3. Neste álbum, Corto começa na ilha de Rodes procurando um manuscrito de Byron que estaria escondido “sob a…”

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 8 comentários

tQuids S1: O Cristianismo Celta, Jean Markale

O Cristianismo Celta (http://images.portoeditora.pt)

O Cristianismo Celta

1. S. Brendam de Clonfert partiu em busca do Paraíso. A Navigatio Brendani narra que Brendam recebeu um dia a visita de um monge que regressava de uma peregrinação com um tal de Mernoc. Esse monge chamava-se…
2. O número três é sagrado para os celtas, como podemos ver pela utilização de símbolos ternários com a espiral tripla chamada de…
3. Na Bretanha armoricana, o último morto do ano que passou, encarregado de juntar as almas no seu carro que range chama-se…

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 6 comentários

tQuids S1: Os Cantores do Tempo, Frederik Pohl e Jack Williamson

Frederik Pohl (http://www.hour25online.com)

Frederik Pohl (www.hour25online.com)

1. “O chefe pássaro da trovoada” era a forma humana do título…
2. Em quantos sistemas estelares estava presente a Irmandade?
3. Todos os dias a Irmandade colocava em órbita dezenas de milhar de matérias-primas por meio de um…

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 6 comentários

tQuids S1: O Sábio Louco, Tardi

O Sábio Louco, Tardi (http://www.leiloes.net)

O Sábio Louco, Tardi (www.leiloes.net)

1. Quem trouxe o pitecantropo de uma expedição à Sibéria?
2. Quem se veste de demónio Pazuzu?
3. Quem está dentro da máquina que acaba por matar o pitecantropo?

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 2 comentários

tQuids S1: Economia, Moral e Política, Vítor Bento

Economia, Moral e Política, Vítor Bento (http://www.almedina.net)

Economia, Moral e Política, Vítor Bento (almedina.net)

1. Quem escreveu esta frase: “não é da benevolência do talhante, do cervejeiro ou do padeiro que esperamos o nosso jantar, mas da sua preocupação pelo seu próprio interesse
2. a permanência média de um CEO num terço das empresas norte-americanas não excede os…
3. Quem escreveu a frase: “o objeto da Economia é maximizar a felicidade comprando prazer, digamos assim, com o menor custo em termos de desprazer

Continuar a ler

Categories: tQuids S1 | 3 comentários

Site no WordPress.com.

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

Moradores do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Moradores do Areeiro

AMAA

Associação de Moradores e Amigos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

Parece piada... fatos incríveis, estórias bizarras e outros micos

Tem cada coisa neste mundo... e todo dia surge uma nova!