Petição: “Praça de Espanha” (Lisboa) para “Praça das Ilhas Selvagens” (Mudança da designação)

Venho por este meio reclamar a Espanha metade da vossa (anacrónica) colónia de Ceuta. A cidade foi – como Olivença – roubada a Portugal razão pela qual (sendo um pais de gente honesta e seria) não terão qualquer problema em nos entregar metade de um todo que de qualquer modo não é vosso (mas de Marrocos)
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Enviado a cog.lisboa@maec.es (Consulado-Geral de Espanha em Lisboa, envie também a sua mensagem!):
Venho por esta via, reclamar para mim, todo o edifício do consulado geral de Espanha em Lisboa. Amanhã passo por aí a buscar a chave.
Fico, contudo, satisfeito se me derem apenas metade do edifício, já que atualmente não tenho nada do dito.
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Enviado a cog.lisboa@maec.es (Consulado-Geral de Espanha em Lisboa, envie também a sua mensagem!):
Venho por esta via reclamar toda a agua que nos roubam, todos os anos e ao arrepio dos tratados, dos nossos rios internacionais. Fico contudo, já satisfeito se desviarem para as vossas culturas agrícolas (que depois nos impingem via Lidl) apenas metade desta agua. Já não seria mau se nos roubassem apenas metade do todo que é nosso e nos é devido (segundo os tratados que vocês próprios assinaram).
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Enviado a cog.lisboa@maec.es (Consulado-Geral de Espanha em Lisboa, envie também a sua mensagem!):
Venho por este meio reclamar toda a Galiza como território (que é) originalmente português. Se não a quiserem devolver por inteiro, podem dar apenas metade. Depois, reclamo metade dessa metade e depois nova metade e assim por diante, até que fiquem sem nada.
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Enviado a cog.lisboa@maec.es (Consulado-Geral de Espanha em Lisboa, envie também a sua mensagem!):
Venho pela presente mensagem reclamar que a Câmara Municipal de Lisboa altere metade do topónimo “Praça de Espanha” para “Praça das Ilhas Selvagens”, a outra metade (a feiosa) pode continuar-se a chamar “Praça de Espanha”.
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Enviado a cog.lisboa@maec.es (Consulado-Geral de Espanha em Lisboa, envie também a sua mensagem!):
Gostaria de informar que a equipa de segurança da PSP que está em permanência à porta do vosso consulado vai passar (a partir de amanhã) a estar metade do tempo à porta de minha casa, cumprindo as mesmas missões.
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Enviado a cog.lisboa@maec.es (Consulado-Geral de Espanha em Lisboa, envie também a sua mensagem!):
Venho por este meio reclamar metade dos milhões que a irmã do vosso rei Bourbon roubou aos espanhóis para a minha conta bancaria pessoal.
PS: esta vossa táctica para nos levarem metade da zona marítima das Selvagens também se aplica ao vosso território, certo?
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=Selvagens
Anúncios
Categories: Portugal | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

Moradores do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Moradores do Areeiro

AMAA

Associação de Moradores e Amigos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

Parece piada... fatos incríveis, estórias bizarras e outros micos

Tem cada coisa neste mundo... e todo dia surge uma nova!

O Vigia

O blog retrata os meus pensamentos do dia a dia e as minhas paixões, o FLOSS, a política especialmente a dos EUA, casos mal explicados, a fotografia e a cultura Japonesa e leitura, muita leitura sobre tudo um pouco, mas a maior paixão é mesmo divulgação científica, textos antigos e os tais casos ;)

%d bloggers like this: