Daily Archives: 2014/12/02

Uma visão de Transparência

Precisamos de:
Mais transparência para:
Uma decisão politica por parte dos cidadãos de maior qualidade
Uma governação em permanente duplo feedback, entre ciclos eleitorais
Mais transparência para aumentar a exposição dos processos políticos e reduzir margem de manobra à corrupção e à fraude.
Existem quatro vertentes de um Governo Aberto:
1. Administração Eletrónica
2. Open Data (dados abertos)
3. Politica 2.0
4. Democracia 2.0
Temos que colocar de lado as nossas divergências passadas para podemos vencer e enfrentar o inimigo comum
Esse inimigo comum é a abstenção e inércia
Os partidos precisam de mais amadorismo e de menos profissionalismo
Menos amestramento
Menos marketing politico
Menos treinamento
Mais espontaneidade
Mais proximidade
Mais cidadania
A insatisfação de um número crescente de cidadãos para com a atual democracia representativa liberal tem solução e essa solução pode passar por um Governo Aberto em que os cidadãos participam de uma forma mais intensa e extensa na gestão da República. Esta solução inspira-se diretamente nos modelos de democracia direta da Antiguidade Clássica e torna hoje a ser possível devido à existência da Internet e das novas tecnologias.
Categories: COTS: Corrente de Opinião Transparência Socialista | 1 Comentário

“A descentralização é a chave-mestra da reforma do Estado”

“A descentralização é a chave-mestra da reforma do Estado”
#ÁlvaroBeleza
Ter em conta que a descentralização municipalista e o reforço das áreas metropolitanas são dois pontos da declaração de princípios da http://www.cots-ps.org

Categories: COTS: Corrente de Opinião Transparência Socialista | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy