Porque é importante fazer parte de uma Corrente de Opinião no PS?

Porque é importante fazer parte de uma Corrente de Opinião no Partido Socialista? Porque é importante admitir a diferença de opinião independente, estimular e promover a sua aparição e desenvolvimento, porque quando toda os cidadãos que se integram num colectivo pensam da mesma forma, então esse colectivo está morto, incapaz de pensar ou de sentir, apenas de seguir ou servir. As Correntes de Opinião (ou “Tendências” noutros partidos que não o PS) servem de campo de gestação de novas ideias e propostas, frequentemente contrárias, ou até opostas, às defendidas e veiculas pela direção de um partido. Uma Corrente de Opinião é assim um espaço de contradição e divergência convergente. Um espaço onde se desenham novos caminhos, ideias e propostas que ainda que possam colidir com o curso presente de uma direção partidária, não estão, não podem e não devem estar contra os princípios do partido onde existe e a que pertence a Corrente.

Uma Corrente de Opinião é assim um espaço de confronto, sem conflito nem contradição, é um espaço de gestação e desenvolvimento de novos caminhos e percursos antes destes serem dominantes e maioritários. É um espaço de crítica e debate de novas ideias, de representação e identificação de todos os que se não se revêm em absoluto em directivas que emanam de um qualquer “topo superior” de uma pirâmide, mas que buscam e desejam o pensamento autónomo como regra principal de vida.

Uma Corrente de Opinião é um espaço para ter razão antes dos outros, para não temer e aceitar a diferença. Para não ter medo de não ser aceite e onde o pensamento original e radical pode surgir.

Mas uma Corrente de Opinião – no Partido Socialista – não é uma organização sem limites de pensamento e ação. É uma forma de organização interna, que agrega militantes no âmbito do 2º artigo dos estatutos do Partido e que “possibilita a formação de correntes de opinião interna compatíveis com os objetivos do Partido e a liberdade de expressão pública de cada militante no respeito pela disciplina partidária”.

Rui Martins [um texto pessoal]
http://www.cots-ps.org

Fonte:
http://www.ps.pt/partido/estatutos-do-partido-socialista.html?layout=artigoimagemlivre#sthash.7CGvDJNM.dpuf

Anúncios
Categories: COTS: Corrente de Opinião Transparência Socialista, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

Moradores do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Moradores do Areeiro

AMAA

Associação de Moradores e Amigos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

Parece piada... fatos incríveis, estórias bizarras e outros micos

Tem cada coisa neste mundo... e todo dia surge uma nova!

O Vigia

O blog retrata os meus pensamentos do dia a dia e as minhas paixões, o FLOSS, a política especialmente a dos EUA, casos mal explicados, a fotografia e a cultura Japonesa e leitura, muita leitura sobre tudo um pouco, mas a maior paixão é mesmo divulgação científica, textos antigos e os tais casos ;)

%d bloggers like this: