Daily Archives: 2014/05/02

Em Defesa da Função Pública

Porque é preciso sublinhar:
Ultimamente, e muito por culpa do atual Governo, tenho ouvido frequentemente críticas ao funcionalismo público e ontem, numa reuniao tornei a ouvi-las. Na altura, não reagi adequadamente (calei) mas quero escreve-lo agora:
Criticar a Função Pública, o Funcionalismo e os trabalhadores do “sector Estado” em bloco, como se fossem uma única entidade multicelular, uniforme e comandanda por uma qualquer espécie de mente coletiva é uma TONTERIA.

Não conheco todos os funcionarios públicos, pessoal e individualmente. Nem ninguém. Ninguém pode assim falar, com a devida propriedade, do que pensam, da atitude de trabalho, do empenho e do comprometimento de cada um para com a sua missão.

É verdade que tenho memória de maus funcionarios públicos: de baixas psicologicas para ir de ferias, de baixas médicas para compras de Natal, de leituras de jornal com guichets cheios, de má educação, arrogância e incompetencia crassa. Mas, sejamos claros: são exempllos antigos. Nos últimos anos (talvez pela informatizacao dos Serviços, ou pelas saidas de muitos destes maus elementos) a maioria destas histórias tornaram História Antiga. Os exemplos de atitudes de empenho e comprometimento com a missão de Serviço são múltiplos, a capacidade destas pessoas (falo apenas das que conheço) para suportarem os sucessivos e massivos cortes de rendimentos e para continuarem a trabalhar e a encaixando ainda o trabalho dos muitos colegas que saíram do Estado nos últimos anos é notável e merece todo o meu respeito.

Por isso, e desculpem-me os meus amigos que continuam a criticar o funcionalismo do Estado, mas, de facto, não estou nada, mas mesmo nada, convosco.

Categories: Política Nacional, Portugal | 1 Comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy