Daily Archives: 2013/05/10

Não ao Federalismo Europeu

“Se rumar para a Europa – esta Europa tão do agrado dos tecnocratas – Portugal perderá a independência de novo, chegará a mais curto ou a mais longo prazo à situação de 1580. Na Europa do Mercado Comum, e numa futura, hipotética, Europa política, a economia dos grandes espaços forjara uma Península Ibérica unificada, e seguramente com a capital económica em Madrid, que de capital económica se transformara, a mais curto ou a mais longo prazo, em capital política.ora este seria um resultado contra natureza, na medida em que nunca existiu, nem existe, uma unidade de civilização na Península Ibérica.
Assim, perante a encruzilhada a Europa ou o Atlântico, como única condição para que Portugal reencontre a sua individualidade, a sua especificidade, a sua genuidade, medieva e renascentista. Ora esta opção passa forçosamente pela formação de uma autêntica Comunidade Luso-Brasileira.
(…)
Propomos portanto a criação de uma autêntica Comunidade Luso-Brasileira, e, se possível, uma futura Comunidade Luso-Afro-Brasileira. Nela todas as partes se reencontrariam na mais genuína individualidade linguística e civilizacional.
(…)
Na historia, existem uma curta, uma média e uma longa durações. Isto é: os regimes políticos, e até os sociais, ficam.”

Joaquim Barradas de Carvalho,
Rumo de Portugal, a Europa ou o Atlântico?, 1979.

Portugal não pode, não deve, ter lugar numa europa (com “e” pequeno) que exige o seu brutal empobrecimento e que aplica sobre a sociedade doses massivas de austeridade vindicativa e imposta apenas para agradar ao cruel e ignorante eleitorado germânico. Esta não é a nossa europa. Não é aquela Europa solidária a que aderimos nos idos de Oitenta e não é certamente aquela Europa que estava nos espírito dos pais fundadores do projeto europeu do pós-guerra.

Esta europa não interessa. Mas a “nova” europa que se forja hoje nas chancelarias do norte, uma europa federal, regida e comandada a partir do norte ainda será pior: imaginem uma democracia limitada, cerceada por “instituições europeias” não democráticas ou controladas pelas maiorias racistas do norte da europa, impondo um estatuto permanente de menoridade e protetorado aos povos do sul? É esta a “solução federal” que querem para resolver as múltiplas doenças da europa de hoje?

Categories: Economia, Europa e União Europeia, Política Internacional, Política Nacional, Portugal | 5 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy