Daily Archives: 2013/03/26

O Outro Papa Bergoglio

Papa Bergoglio

Papa Bergoglio

Se bem se lembram, os comentadores do meio diziam antes de saber quem seria o novo Papa que este seria um Reformista ou um Ultra-conservador (como os dois Papas anteriores). Agora, com a eleição do Papa Bergoglio, deixaram de falar disso, mas é evidente que ganhou um Papa extremista e ligado às correntes mais ultra-conservadores da Igreja Católica.

Isso mesmo transparece das ligações de Bergoglio com a Ditadura Militar argentina e, mais especificamente, com o sequestro de dois menos alinhados com a ditadura militar. Aas ligações são tudo menos surpreendentes já que as ligações entre a Igreja argentina e o regime militar são amplamente conhecidas. E não falamos aqui de um regime militar qualquer. Falamos de um regime que instituiu uma autêntica “Guerra Suja” contra os seus opositores, comunistas ou democratas, raptando-os na calada da noite, executando-os sem julgamento, atirando-os no oceano, e vendendo os seus filhos a famílias abastadas, na Argentina e no estrangeiro. Alguns destes desaparecidos pertenciam inclusivamente ao clero, mas nem isso levou para fora de um silêncio cúmplice e criminoso a hierarquia católica argentina, que, como Bergoglio, preferiu manter-se do lado do regime a preferir o lado dos desaparecidos (trinta mil!), perseguidos e oprimidos.

Como se não bastasse este silêncio gritante, uma entrevista do antigo ditador Jorge Videla deixa entrever que as ligações entre o regime militar e a hierarquia católica poderiam ser mais fortes do que a mera cumplicidade: segundo Vilela, a Igreja foi “consultada” durante toda a repressão. E por “consultas” entendia Vilela o desencorajamento dado pelos padres e ordenado pela hierarquia de que as famílias procurassem os seus familiares desaparecidos. Existe mesmo, a este propósito uma queixa de um advogado argentino, lançada em 2005 acusando Bergoglio de cumplicidade no rapto de dois padres jesuítas argentinos.

Num clima em que os Media propagam até à exaustão a imagem do Papa Bergoglio vendo-o – numa muito bem urdida e longamente preparada (fosse qual fosse o Papa) como um “homem simples, do povo”, por oposição ao anterior (conhecido golpe dos técnicos de marketing), um “intelectual e um homem do aparelho pontifício”, a verdade é que temos que manter o nosso sentido crítico. Este Papa Bergoglio é como o Papa Ratz, um radical de extrema direita (na melhor das hipóteses) ou um cobarde empedernido, que escolheu manter um silêncio cúmplice durante toda a ditadura, enquanto muitos dos seus próprios correligionários se insurgiam e pagavam com a própria vida essa insurgência. Este é o Papa Bergoglio por detrás do Branqueamento mediático em curso. E a Igreja Católica que nada aprendeu.

Fontes:
http://www.perfil.com/sociedad/Bergoglio-y-los-70-las-explicaciones-sobre-su-rol-en-la-dictadura-20130313-0038.html
http://pt.globalvoicesonline.org/2013/03/16/denuncias-vinculam-o-papa-francisco-a-guerra-suja-da-ditadura-argentina/

Anúncios
Categories: Política Internacional | 12 comentários

Na Suíça foi alcançado um novo recorde no número de Iniciativas Cidadãs

A 15 de fevereiro termina o prazo para a recolha de subscrições para uma iniciativa de cidadãos que defende a introdução de um novo imposto sobre heranças milionárias. Além desta, outras cinco iniciativas semelhantes estão agora em fase de recolha de assinaturas, o que reflete um aumento da utilização desta ferramenta e, logo, uma intensificação da Democracia Participativa num dos país que, no mundo, mais adotaram as metodologias da Democracia Direta e Participativa. Depois da iniciativa para taxar heranças acima de 2 milhões de francos suíços, será submetida uma iniciativa para limitar os salários das grandes corporações empresariais, o fim dos incentivos fiscais oferecidos a residentes estrangeiros milionários e… introduzir um salário mínimo (que não existe na Suíça), uma petição que já recolheu 70 da 100 mil assinaturas necessárias.

Em primeiro lugar, note-se que a maioria das iniciativas cidadãs terão um impacto positivo nos orçamentos dos cantões suíços, não se traduzindo em despesa, mas em receita (até no caso do ordenado mínimo, que levará a uma maior cobrança fiscal), em segundo lugar, existe uma inclinação por parte dos suíços para repartir melhor os sacrifícios, estendo-os até aos mais abastados, que em Portugal (país de Democracia Representativa). Por último lugar – e mais importante – estamos perante um número recorde de petições, jamais registado pela Chancelaria Federal. A fase seguinte do processos em curso passa agora pela sua discussão pelo Governo e Parlamento.

A Suíça segue sendo um farol mundial para quem defende a Democracia Direta e Participativa e aqui esta variante de Democracia não só não esmorece, como até se aprofunda. Um exemplo a seguir.

Fonte:
http://www.swissinfo.ch/por/politica_suica/Suicos_lutam_nas_urnas_por_igualdade_social_.html?cid=34928260

Categories: Democracia Participativa, maisdemocracia.org, Política Internacional, Política Nacional, Portugal | Etiquetas: | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade