Angola vai ter um satélite em órbita em 2015, o Angosat

O primeiro satélite angolano, o Angosat, construído por um consórcio russo liderado pela RSC vai ser lançado para o Espaço em 2015. O anúncio coube ao secretário de Estado das Telecomunicações e Tecnologias de Informação angolano, Alcides Safeca. O Angosat irá custar cerca de 40 mil milhões de kwanzas (315 milhões de euros) e será financiado por bancos russos.

O Angosat deverá estar operacional durante 15 anos possuindo 22 transponders oferecendo serviços de suporte a telecomunicações, banda larga e de televisão a este país africano de expressão oficial portuguesa.

O governo angolano pretende lançar mais satélites do mesmo tipo nos próximos anos.

Fonte:

http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=2959609&seccao=CPLP&page=2

Anúncios
Categories: Lusofonia, SpaceNewsPt | Etiquetas: | 1 Comentário

Navegação de artigos

One thought on “Angola vai ter um satélite em órbita em 2015, o Angosat

  1. Eu gostaria de exprimir a minha gratidão aos membros do executivo Angolano, em particular ao Sr. presidente da república na materialização dum projeto como tal. O meu muito obrigado, espero que o camarada continue a trabalhar nesta senda.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: