Fernando Pessoa: O Quinto Império será “de outra ordem” e “nós o atribuímos a Portugal”

“O Império espiritual da Grécia, origem do que espiritualmente somos. E, sendo esse o Primeiro Império, o Segundo é o de Roma, o Terceiro o da Cristandade, e o Quarto o da Europa – isto é, da Europa laica, depois da Renascença. Aqui o Quinto Império terá que ser outro que o inglês, porque terá de ser de outra ordem. Nós o atribuímos a Portugal, para quem o esperamos.”
Fernando Pessoa

Nestas palavras proféticas de Pessoa, o Quarto Império seria a Europa “laica”, isto é, a Europa da União Europeia. E após esse “império” seguir-se-ia um “império” de “outra ordem”, supõe-se que menos materialista, militar ou económico que aquele imposto ao resto do continente pelos países do norte. E que esse Quinto Império seria não o “de” Portugal, mas “Portugal”.

Obviamente que Pessoa, esse grande vate da cultura portuguesa e lusófona não entreve um futuro em que as legiões de Portugal derramam sobre o continente europeu e demais áreas adjacentes o seu poder militar ou económico. O tempo desses impérios terminara com o quarto, precisamente o da “União Europeia”, braço do capitalismo financeiro global (não confundir com “capitalismo económico”) e cujo ocaso vivemos hoje.

Categories: Lusofonia, Mitos e Mistérios, Movimento Internacional Lusófono, Portugal | 3 comentários

Navegação de artigos

3 thoughts on “Fernando Pessoa: O Quinto Império será “de outra ordem” e “nós o atribuímos a Portugal”

  1. Melhor arranjar outro nome pois “IMPÉRIO” nem na própria concepção poderá ser, aenas nas mentes absurdas!

    (Miguel Martins de Menezes)

    Post-Scriptum: desculpo Fernando Pessoa, pois nessa época era normal pensar desse modo, nem o MIL é actual, os portugueses por trás do MIL não querem servir Portugal pelo que vi, mas sim outros interesses que o público que aqui ocorre não percebeu ainda…A eminência parda de quem pensa deste modo é a massa cinzenta portuguesa a que sucedeu uma ditadura vermelha seguida por outra com luvas de veludo azuis e vermelhas cheias de estrelas amarelas.

  2. Pingback: Fernando Pessoa: O Quinto Império será “de outra ordem” e “nós o ... | Paraliteraturas + Pessoa, Borges e Lovecraft | Scoop.it

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: