Finalmente, a Coreia do Norte conseguiu lançar um satélite

Unha-3

Unha-3

É oficial: a Coreia do Norte, finalmente e depois de uma sucessão de fracassos mais ou menos clamorosos, conseguiu colocar um satélite em órbita. Isso mesmo foi confirmado pelo NORAD norte-americano, que detetou o lançamento e o seguiu, confirmando a queda do primeiro andar no Mar Amarelo e do segundo no Mar das Filipinas. Segundo o NORAD: “o míssil lançou um objeto que parece ter conseguido entrar em órbita”, o que confere com declarações oficiais do regime norte-coreano segundo as quais “a segunda versão do satélite Kwangmyongsong-3 foi colocado em órbita” por um foguetão Unha-3.

Nem tudo parece ter corrido bem, contudo… segundo fontes norte-americanas, o satélite estaria fora de controlo, pouco depois de entrar em órbita. Como propósitos deste satélite estaria a “observação da Terra” e… a emissão de hinos patrióticos. Propósitos falhados, já que segundo fontes dos EUA o satélite estaria “morto”, ainda que em órbita.

Fonte:
http://feedproxy.google.com/~r/nasawatch/Aekt/~3/M7pzkRxrzy4/did-north-korea.html

Categories: DefenseNewsPt, SpaceNewsPt | Etiquetas: | 4 comentários

Navegação de artigos

4 thoughts on “Finalmente, a Coreia do Norte conseguiu lançar um satélite

  1. Superado pela Coreia do Norte…

    • Sim, é triste… o foguete coreano parece ser muito fraco (potencia a fiabilidade) e o “satélite” pouco mais que uma caixa vazia, mas conseguiram lanca-los sozinhos e isso é realmente notável.

  2. Os nossos principais entraves são uma classe política que simplesmente ignora a importância do programa espacial e uma mídia e um povo que seguem o mesmo rumo.

    • Sem duvida: se a exploracao espacial fosse sentida como uma prioridade nacional pela maioria da populacao, ja teria havido muito mais progresso nesse campo. Esse é o trabalho de sapa que cumpre ainda fazer.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: