Daily Archives: 2012/12/27

Nuno Ramos de Almeida: “Os governos cúmplices dos grandes especuladores financeiros lançaram um ambicioso programa que vai afetar os povos em todo o continente: caminhamos para democracias em que o voto dos cidadãos não conta e em que a economia produz lucros crescentes para muito poucos e maiores desigualdades para muitos. Reservam-nos um futuro precário”

Nuno Ramos de Almeida

Nuno Ramos de Almeida

“Pela primeira vez, a 14 de novembro, os trabalhadores perceberam que se as cangas da exploração são europeias, os instrumentos de luta também têm de ter a mesma escala e poder. A política neoliberal utiliza a crise como justificação para destruir o Estado Social, privatizar os serviços públicos e tornar as democracias nacionais reféns das imposições da troika. Os governos cúmplices dos grandes especuladores financeiros lançaram um ambicioso programa que vai afetar os povos em todo o continente: caminhamos para democracias em que o voto dos cidadãos não conta e em que a economia produz lucros crescentes para muito poucos e maiores desigualdades para muitos. Reservam-nos um futuro precário. Este programa tem como objetivo empobrecer e retirar poder aos povos da Europa, é portanto natural que as lutas para defenderem a democracia e uma economia mais justa ultrapassem as fronteiras.”

Nuno Ramos de Almeida
Jornal i
13 novembro de 2012

Mas falta ainda a coesão, a comunhão de princípios e objetivos e, sobretudo, a solidariedade dos trabalhadores dos países do norte (contribuintes líquidos da UE e quem mais tem ganho com a crise dos países do sul) para que esta “frente comum” europeia tenha real eficácia.

Não hã dúvida de que estamos hoje perante um ataque concertado e longamente planeado por parte de uma obscura mas muito poderosa teia dos Grandes Interesses contra o Estado Social, a Democracia e o Trabalho. Aproveitando a demissão da vida política e cívica por parte da maioria dos cidadãos europeus, e controlando (pela via dupla dos financiamentos de campanha e das promessas de cargos corporativos) os políticos europeus, os Grandes Interesses impuseram um “pensamento único” que visa destruir o Estado Social europeu.

Os Grandes Interesses não querem que exista uma “rede de segurança” para situações de pobreza, porque isso implica que eles terão que dar o seu contributo em impostos, nem, sobretudo, porque isso permitirá que os trabalhadores aceitem apenas salários a partir de um certo limite mínimo. Usando os Media e as televisões (que controlam direta, por propriedade, ou indiretamente, via anúncios), estes Interesses (especuladores, banqueiros e grandes senhores das multinacionais) governam o Continente europeu usando a troika ou as instituições europeias como agentes dóceis e passivos.

Cabe-nos a nós, cidadãos europeus, recusar a canga que querem deitar sobre nos e fazer alguma coisa. Enquanto podemos.

Anúncios
Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Da necessidade de desenvolver as ciclovias e o exemplo dos EUA

O aumento dos preços da gasolina tiveram um efeito notável no número de ciclistas que hoje usam as ciclovias que nas últimas duas décadas foram sendo construidas neste Estado do leste dos EUA: São Francisco registou um aumento de 71% no número de ciclistas nos últimos cinco anos. Los Angeles, um aumento de 32%. No global, existem hoje nos EUA mais 63% ciclistas que em 2000.

Algumas cidades dos EUA têm previstos grandes investimentos em ciclovias, por exemplo, Los Angeles nos próximos cinco anos vai construir mais de três mil quilómetros de ciclovias e muitos norte-americanos estão a adotar a bicicleta não somente para gastarem menos em combustíveis, mas também por razões ambientais.

Uma via a desenvolver (muito…) nas grandes cidades portugueses, todas elas muito abaixo nessa área da maioria das suas congéneres no mundo desenvolvido.

Fonte:
http://tech.slashdot.org/story/12/10/14/0430220/as-gas-prices-soar-so-does-city-biking?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+Slashdot%2Fslashdot+%28Slashdot%29

Categories: Ecologia, Política Nacional, Portugal | 5 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade