Daily Archives: 2012/12/23

A Apple regressa aos Estados Unidos? Para grande desagrado dos especuladores…

Apple iMac

Apple iMac

O grande problema do Ocidente foi ter aberto as fronteiras comerciais à China, cedendo às pressões dos teóricos do neoliberalismo sem receber reais contrapartidas dessa abertura desbragada de fronteiras. Sem limites morais, ambientais, laborais ou de respeito pelos padrões de Direitos Humanos as empresas chinesas arrasaram com a indústria no Ocidente.

Algumas multinacionais começaram finalmente a perceber que se continuassem a esvaziar Emprego no Ocidente, sem o criar a Oriente (devido ao modelo de baixos salários) a curto prazo levariam ao colapso do seu mercado consumidor principal. Uma dessas empresas foi a Apple que começou agora a distribuir alguns dos seus novos iMacs com a etiqueta “made in the USA“. Esta etiqueta – segundo os regulamentos federais em vigor – significa que estes computadores não foram simplesmente montados nos EUA com peças fabricadas no estrangeiro (“assembled in the USA”, nesse caso) mas que incorporam uma significativa parcela de fabricação local.

A Apple, segundo o seu CEO, Tim Cook, tem agora a estratégia de relocalizar uma parcela cada vez maior da produção, mas as fábricas que planeia vir a construir serão fábricas muito robotizadas, pelo que não serão grandes geradoras de emprego… por outro lado, os Mercados financeiros não parecem ter gostado mesmo nada desta decisão: nos dias seguintes a esta declaração de Tim Cook a ações da Apple (geralmente muito apreciadas pelos especuladores) tiveram um rombo estrondoso… aparentemente os Mercados não gostam de ver o Ocidente a reindustrializar-se…

Fonte:
http://appleinsider.com/articles/12/12/02/some-new-imacs-marked-as-being-assembled-in-america

Categories: Ciência e Tecnologia, Economia, Informática, Política Internacional | 5 comentários

O Brasil como “Quinto Império” ou “Império do Espírito Santo”

Dom João VI (http://www.jbrj.gov.br)

Dom João VI (http://www.jbrj.gov.br)

“Assim como no ano de 1808 Dom João VI com a sua corte fugiram dos ataques dominadores do ambicioso imperador Napoleão refugiando-se em terras brasileiras, agora que Portugal perde a sua soberania para a “Comunidade Europeia” (mais propriamente para a França, Alemanha e Inglaterra), a alma portuguesa, com os seus ideias mais caros do Quinto Império ou Império do Espírito Santo será salva e revivida no Brasil.”

Claudia Pacheco
História Secreta do Brasil

Essa é também a minha convição. Mas trata-se aqui de um objetivo de longo prazo. A curto, não há condições para alicerçar tal união: a esmagadora maioria dos brasileiros não se revê conscientemente nos ideais do “Quinto Império” ou, melhor, do “Império do Espírito Santos” e o mesmo se pode dizer – em boa verdade – dos portugueses.

Existe um tremendo trabalho de sapa, lento, paciente, mas objetivado para apresentar a portugueses que o seu futuro a longo prazo não está unicamente na Europa, mas também, no além Mar, num Brasil continental que foi criado por si, a partir dos melhores dos seus durante séculos para que o “Projeto Áureo” de Dom Dinis pudesse ser concretizado. E que não foi pela deriva ultra-católica de Dom João III. Mas a situação de grave crise financeira e o desnorte europeu na condução da mesma podem levar os portugueses a procurarem soluções inovadoras e a refundação das ligações com a lusofonia na América pode ser uma delas…

Do outro lado do Mar Oceano há um trabalho ainda mais gigantesco a cumprir: a maioria dos brasileiros não se sente “lusófona”, nem encara os portugueses como irmãos ou pares (na melhor das hipóteses vê-os como um avó que nunca conheceu). As ligações económicas e culturais são quase vestigiais e há aqui um imenso campo por explorar… para tornar viável qual reaproximação ao “reino duplo” perdido em 1822 há que reaproximar, primeiro, nos campos culturais, económico e diplomático. Usar essa magnifica plataforma de entendimento que é a CPLP para criar espaços de partilha e comunhão de experiências, recursos e projetos e partir daqui em diante para uma verdadeira “união” (aprendendo com todos os erros da “união” europeia) e criando assim condições para que os dois pés desse “Império do Espírito Santo”: Brasil e Portugal, possam erguer-se e seja recriado essa entidade multicultural, pluricontinental e espantosa que seria uma união Portugal-Brasil. Antecâmara de uma “União Lusófona” de ainda maior escala e ambição…

Categories: Brasil, História, Movimento Internacional Lusófono, Portugal | 16 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade