O que fazer se numa entrevista de emprego é confrontado com perguntas agressivas ou moralmente duvidosas

http://pembertonjobsearch.synthasite.com

pembertonjobsearch.synthasite.com

Não tenha dúvidas: o primeiro passo para conseguir um determinado emprego é garantir uma entrevista. Por isso, tudo o que nela se passar será absolutamente crucial para o bom sucesso desta tentativa de sair da situação de desemprego…

Ora nestas entrevistas há recrutadores que podem colocar questões muito incomodas… isto acontece tendencialmente com entrevistadores muito experientes e do mesmo sexo que o entrevistado e raramente nos casos opostos, pelo que conhecer previamente a idade e a carreira do entrevistador é sempre avisado… e é algo onde o linkedin pode contudo ajudar…

Mas sejamos concretos: se durante a entrevista, o recrutador perguntar algo de inconveniente ou – até – ilegal, do tipo: “dormiria comigo para conseguir este emprego”, “qual foi o maior erro da sua carreira”, “está disposto a trabalhar mais que dez horas por dia? “o que fazer? Obviamente, não existe uma “resposta certa” e tudo depende de quem pergunta e de quem pergunta, mas há sempre que manter a calma e a descontração já que alguns entrevistas usam perguntas intencionalmente agressivas para testar o comportamento do candidato quando confrontado em situações de stress, uma condição com a qual um utilizador em situação de atendimento ao público ou em profissões de elevado stress deve ser capaz de lidar com alguma fleuma e calma.

Para além disso, o candidato deve ter sempre preparadas algumas respostas a possíveis perguntas “difíceis”… por exemplo “qual foi o seu maior erro no emprego anterior?” Deve certamente ter uma resposta preparada e especialmente focada naquilo que fez para o resolver e evitar a sua recorrência.

Se já está no desemprego há muito tempo, por exemplo, a “pergunta incomoda” pode ser essa… prepare a resposta e justifique com razoabilidade e sem omissões temporais. Se a pergunta for claramente ofensiva (“já levou algo do escritório sem autorização?”) Ou ainda pior “já teve um relacionamento sexual com uma chefia” podem estar a testar a sua moral e padrões éticos. Obviamente, responda em conformidade ao que se espera de si. E se perguntarem se trabalharia dez ou mais horas por dia, apresente as suas reais disponibilidades para tal ou opte por uma saída bem-disposta do tipo “algures terei que dormir e comer, certo? ” que sempre tem a vantagem de arrancar um sorriso no entrevistador.

Categories: Job Searching | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: