O OGE2013 parece ter sido desenhado intencionalmente para falhar.

Vítor Gaspar (http://economico.sapo.pt)

Vítor Gaspar (http://economico.sapo.pt)

O OGE2013 parece ter sido desenhado intencionalmente para falhar. O otimismo alucinado das previsões macro-económicas não encontra paralelo nem na História recente nem nos dados da orçamental deste ano, nem parece ter em linha de conta com o tremendo aumento da carga fiscal em 2013. Tudo se passa como se o ministro das Finanças tenha concebido um OGE que tem que falhar, levando à ativação “automática” de um “plano B” que estará já elaborado pela troika.

Através de declarações recentes do ministro das finanças “existe uma distância enorme entre o Estado que os portugueses querem ter e o que querem pagar” e do Primeiro Ministro quanto à refundação do “Memorando de Entendimento” com a troika é possível antever uma intenção para reduzir profundamente as funções sociais do Estado. Tal reorganização das competências e missões do Estado na sua vertente social não pode ser realizada sem a devida sustentação constitucional, ou seja, sem uma revisão Constitucional. Mas tal operação – sem o PS – não pode ser realizada, logo estamos aqui na antecâmara de uma massiva violação constitucional.

Anúncios
Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | 2 comentários

Navegação de artigos

2 thoughts on “O OGE2013 parece ter sido desenhado intencionalmente para falhar.

  1. voza0db

    Olá… Basta ler o relatório, e nem é preciso ler todo, para qualquer pessoa não alienada nem com o cérebro em modo televisão, ser capaz de entender que os dados macro são miragem projectada…

    Tudo está a correr como planeado… Ainda falta cortar muito pois a classe média ainda tem poder de compra sobrante!

    Abraço

    • Nao são é ja muitos… a maioria dos cidadaos estaa entorpecida pelo Medo e por doses massivas de televisao e nem limita as suas acoes de protesto ao sofa, escritorio e facebook (idealmente no escritorio)
      Bovinocracia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: