Daily Archives: 2012/10/19

Rui Pereira: “Para sair da crise é necessário encarar de frente e sem preconceitos ideologicos a sua origem, que radica, sobretudo, na ganância, usura e especulação do sistema financeiro”

Rui Pereira (http://copy.pnn.pt)

Rui Pereira (http://copy.pnn.pt)

“Para sair da crise é necessário encarar de frente e sem preconceitos ideologicos a sua origem, que radica, sobretudo, na ganância, usura e especulação do sistema financeiro e não tanto nos desperdicios do Estado providencia ou nas corruptelas da classe politica. É necessário assumir que a solução para os nossos problemas de desenvolvimento está cá “dentro”, implicando uma reorganizacao da estrutura produtiva. E é necessário converter a justiça na repartição de sacrifícios num programa de ação permanente, não a usando como slogan descartável.”

Rui Pereira

Correio da Manhã, 19 de julho de 2012

A questão está assim em saber como se irão efetivamente repartir esses sacrificios. A carga fiscal não tem parado de subir, ano após ano, e a Troia parece insaciável no seu apetite fiscal voraz que tudo parece querer aglutinar sendo as tão propaladas “reformas” pouco mais que cosméticas.

A questão está em que não estamos perante um “problema português”: parcelas crescentes da riqueza foram transferidas (pelo processo de tercializacao das economias ocidentais) para o tenebroso e isento de impostos “mundo da especulacao financeira”, para “paraísos fiscais”, alguns bem perto de nos (Suíça, Suécia, Holanda, Reino Unido, etc). Fala-se de mais de 21 mil milhões de euros desaparecidos nestas caixas negras e sonegados ao dever social do pagamento de impostos… é aqui que se devem buscar os sacrifícios que importa dividir por todos. Mas tal justiça será impossível de cumprir pelas proclamacoes ocas das grandes cimeiras! Os países, os políticos de todo o mundo têm que se concertar e – a começar na União Europeia – acabarem com estes paraísos fiscais.

Esse é o movimento de justiça social e economica que devia estar no centro das prioridades da Comissão Europeia, não o prosseguimento cego desta política austeritaria que já mostrou (em Portugal e na Grécia) que não resolve problema nenhum.

Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade