Pedro Cipriano: “A capacidade de pensamento crítico sofreu um declínio durante o último século. (…) a disponibilidade de informação não parece contribuir para uma abertura de horizontes. É claro que a educação contribui de maneira decisiva para a castração do pensamento”

“A capacidade de pensamento crítico sofreu um declínio durante o último século. (…) a disponibilidade de informação não parece contribuir para uma abertura de horizontes. É claro que a educação contribui de maneira decisiva para a castração do pensamento (…) A religião, com os seus dogmas; a cultura, com a sua massificação; a sociedade com a sua alergia à mudança e a educação, com sua componente fortemente cartesiana, contribuem para o adormecimento das mentes, anestesiando-as para a realidade.”
Pedro Cipriano
Revista Nova Águia, número oito

A Educação e o sistema educativo têm, com efeito, contribuído para tornar a sociedade repetitiva, previsível e – globalmente – decadente. Em muitos campo, nos setores culturais e tecnológicos assiste-se já a uma certa estagnação e espírito de repetição e de baixa propensão para a inovação e para o risco, fenómenos que se registavam igualmente no Baixo Império Romano depois da pequena “idade de ouro” dos Antoninos e que indiciam que uma civilização entrou em fase de declínio…

O papel da Educação é aqui crucial: em lugar de formar excelentes memorizadores (ou cabuladores…) a Escola deve procurar estimular a inteligência e a criatividade, abandonar os programas extensos, a acumulação absurda de cadeiras e disciplinas concentrando-se no essencial: português e matemática e abrir o resto da carga horária letiva à descoberta e à criatividade.

Anúncios
Categories: Educação, Nova Águia, Portugal | 2 comentários

Navegação de artigos

2 thoughts on “Pedro Cipriano: “A capacidade de pensamento crítico sofreu um declínio durante o último século. (…) a disponibilidade de informação não parece contribuir para uma abertura de horizontes. É claro que a educação contribui de maneira decisiva para a castração do pensamento”

  1. Gisela

    Este problema é muito bem colocado, estamos perante uma involução da civilização que teve a educação como instrumento. Essa tomada de consciência deve ser levada a serio para colocarmos em prática propostas que já existem mas estão engavetadas ou localizadas em núcleos locais a título experimental, tais como: as propostas educacionais de Agostinho da Silva, a Escola da Ponte, o ensino terapêutico de Luciara Avelino etc.

    • A Educação é o Nó Gordio qur urge desatar… não ha duvidas de que a força de um sistema educativo forte e dinamico esteve sempre por deras de todas as grandes civilizacoes do passado, nem de que a presente bovinizacao da sociedade (pelo Medo e pela via dos Media de Massas) tem muito a ver com o presente estado de decadencia global.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: