Daily Archives: 2012/08/27

Os rebeldes sírios do “Exército Livre Sírio” receberam o primeiro carregamento de mísseis anti-aéreos Stinger

Os rebeldes sírios do “Exército Livre Sírio” receberam o primeiro carregamento de mísseis anti-aéreos Stinger. Com estas novas armas, os rebeldes adquirem a capacidade de abater helicópteros e aviões governamentais que estejam a operar a baixa altitude.

Esta primeira entrega consiste em 14 mísseis e foi realizada através da fronteira turca. A notícia significa que a maior vantagem do governo de Assad (o controlo absoluto do ar) sofre um golpe e o recente derrube de um MiG-23 pode ser apenas um isolado golpe de sorte ou o resultado de uma avaria, mas os Stinger já são outra coisa… talvez não consigam abater nenhum avião governamental, mas a simples ameaça latente da sua existência, vai obriga-los a voar muito mais alto e a reduzirem em muito a eficácia dos seus bombardeamentos, o que num conflito onde o controlo do ar tem sido tão determinante pode vir a ser muito importante.

Fonte:
http://defensetech.org/2012/08/20/report-syrian-rebels-acquire-stingers/#ixzz248HCygJV

Categories: DefenseNewsPt, Política Internacional | 3 comentários

O primeiro MiG-29KUB aterra no porta-aviões indiano INS Vikramadity

O primeiro avião de treino (ou “treinador” para o Otus 😉 ) RAC MiG-29KUB pilotado por pilotos de teste russo aterrou a bordo do porta-aviões indiano INS Vikramaditya. De seguida o avião descolou usando o “sky jump”. Estes testes bem sucedidos são um passo decisivo para a operacionalização do porta-aviões indiano (o antigo Almirante Gorshkov) depois de vários anos em obras de modernização em estaleiros russos. Só quando o navio entregue aos indianos é que pilotos indianos começarão a aterrar no navio, algo que deve acontecer em finais de 2012.

A Índia já recebeu todos os doze MiG-29K comprados à Rússia e encomendados em 2004. Existe uma segunda encomenda de 34 aparelhos deste modelo, mais recente, mas os aviões ainda não começaram a ser entregues.

Fonte:
http://www.flightglobal.com/news/articles/indian-navy-confirms-mig-29kub-landing-aboard-vikramaditya-374864/

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Mario Monti, o Sátrapa europeu em Itália e a “chatice” da democracia

Mario Monti, o Sátrapa (http://imediata.org)

Mario Monti, o Sátrapa (http://imediata.org)

É preciso estar muito atento a todas as entrelinhas daquilo que é dito no decurso da atual crise europeia… é quase sempre muito difícil o que pertence a um “plano” longamente gisado e pleno de pequenos passos, consequentes e previstos e aquilo que resulta da descoordenação, incompetência ou nacionalismos anacrónicos, mas nesta confusão há que estar especialmente atento a Mário Monti. Antigo quadro do tenebroso Goldman Sachs – considerado por alguns como parte do “governo secreto” mundial – Monti quando abre a boca não fala sozinho: repercute o pensamento desses “grandes interesses” que movem o mundo e que hoje governam Itália por sua própria interposta pessoa.

Assim, quando Monti diz que “para garantir a “sobrevivência da União Europeia os governos devem ser capazes de dispensar a ligação aos seus parlamentos nacionais”, não fala apenas em seu nome, mas derrama uma gota da torrente que vem aí e que faz parte do “plano” que gisaram para nós e que nos estão a apresentar como saída “inevitável” para a atual crise europeia. O sátrapa italiano (nomeado indiretamente pela CE) disse ainda mais exprimindo um nítido desconforto perante as “chatices” da democracia e desabafando que “se se tivesse prendido às considerações do parlamento italiano não teria sido possível acatar com as decisões já tomadas em sede europeia.”

Estas afirmações perfeitamente notáveis – e que não mereceram entre nós grande eco, por causa dos ronaldismos e pintocostismos do costume – são de uma extrema gravidade e num país realmente democrático deveriam ter conduzido a uma demissão automática e a uma negação veemente por parte da Comissão Europeia. Mas Itália, como Portugal, a Grécia e a muito desgovernada Espanha de Rajoy já não são “países a sério”, no sentido em que já não gozam dos mesmos níveis de soberania dos países do norte (que lançam sobre eles o protetorado da Troika) e não passam hoje de ensaios para um federalismo desequilibrado que se lança hoje sobre a Europa.

Se esta Europa “passa melhor” sem a chatice dos parlamentos, dos representantes eleitos, das democracias e da cidadania, então não quero esta europa e desafio os europeístas a saíram agora em defesa das declarações deste sátrapa norte-europeu.

Fonte:
Elisabete Joaquim
http://economico.sapo.pt/noticias/o-preco-do-federalismo_150517.html

Categories: Política Internacional, Política Nacional, união europeia | 7 comentários

Agostinho da Silva: “Nas Universidades da Alemanha (sobre cuja capacidade técnica ninguém tem a menor dúvida) onde os alunos vivem no desespero porque para eles não há carreira universitária possível, pois há sempre um catedrático velhíssimo que teima em não morrer e que já tem diante dele dez ou vinte assistentes quase tão velhos quanto ele, de maneira que a fila não se vai esgotar antes que esse aluno envelheça, morra também e perca os seus ideais”

Agostinho da Silva (http://www.cenif.com)

Agostinho da Silva (http://www.cenif.com)

“Nas Universidades da Alemanha (sobre cuja capacidade técnica ninguém tem a menor dúvida) onde os alunos vivem no desespero porque para eles não há carreira universitária possível, pois há sempre um catedrático velhíssimo que teima em não morrer e que já tem diante dele dez ou vinte assistentes quase tão velhos quanto ele, de maneira que a fila não se vai esgotar antes que esse aluno envelheça, morra também e perca os seus ideais.”
Depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito
Agostinho da Silva

A situação descrita por Agostinho a propósito das universidades alemãs não é – não se pense – muito diversa daquela que hoje assola a maioria esmagadora das universidades portuguesas… pelo menos aquelas que eu conheço melhor (a Clássica e a Luís de Camões) padecem desse mal e não há razões para duvidar que tal funesto fenómeno não ocorra também nas demais. De facto, as Universidades modernas enfermam quase todas do mesmo mal: a sua inépcia em recrutar os Melhores, deixando o seu quadro reservado a uma gerontocracia que bloqueia e dissuade muitos jovens de entrarem nessa carreira e que deixa noutras espaço para os muito nefandos “acumuladores de tachos”, professores que leccionam simultaneamente em várias universidades garantindo nessa dispersão uma ma qualidade de ensino e bloqueando assim a admissão na carreira académica de muitos jovens promissores.

De facto, a questão tem que ser atacada nas duas frentes: não somente devem ser criados mecanismos que permitam que os académicos de maior idade se afastem (reformando-se ou abrindo posições consultivas ou honorários nas universidades) deixando espaço para os mais jovens e, sobretudo, impedindo pela via legislativa que alguns professores acumulem vários cargos, lectorados e cadeiras em várias universidades e impedindo assim a entrada na carreira de potenciais grandes valores que veem assim o seu futuro cerceado.

Categories: Agostinho da Silva, Europa e União Europeia, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade