Daily Archives: 2012/08/13

É sustentável ter em Portugal 3 milhões de pessoas na direta dependência do Estado?

Apesar de desde 2011 e março de 2012 o Estado ter reduzido em mais de 54 mil o seu volume total de empregados continua a ter que pagar salários e pensões a mais de um milhão de pessoas (a um salário médio de 1400 euros e com pensões médias de 1000 euros). A estes números, há ainda que somar 1.8 milhões de reformados do setor privado… o que dá três milhões de pessoas na direta dependênciaÉ do Estado como principal fonte de rendimentos.

Tendo em conta que Portugal tem uma das mais baixas taxas de substituicao demografica do mundo desenvolvido (1.2 filhos por casal) a situacao só tendera a agravar-se mais e mais nos próximos anos… e é insustentável, já que a via seguida desde 2009 de reduzir progressivamente as contribuicoes sociais e aumentar explosivamente a carga fiscal se esgotou na sua eficácia, como prova a queda das receitas do IVA no primeiro semestre de 2012. As despesas sociais têm que continuar a ser contidas, assim como o decréscimo do funcionalismo público tem que prosseguir, mas realizar estes dois exercícios sem os conjugar com uma política séria e corajosa de estímulo à demografia e sem estabelecer uma “reforma social única” que nivele no mesmo patamar, segundo as necessidades e nao segundo as carreiras contributivas passadas é uma outra resposta de mais alto fôlego que tem também que ser equacionada.

Fonte:
http://www.agenciafinanceira.iol.pt/economia/funcao-publica-estado-corte-de-funcionarios-agencia-financeira/1363763-1730.html

Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

A NASA selecionou os vencedores do seu programa “Commercial Crew”

O avião espacial proposto pela Sierra Nevada Corp (http://www1.pcmag.com)

O avião espacial proposto pela Sierra Nevada Corp (http://www1.pcmag.com)

A NASA selecionou os vencedores do seu programa “Commercial Crew”. As empresas vencedoras irão receber mil milhões de dólares nos próximos 21 meses por forma a desenvolverem as suas propostas de construirem naves espaciais capazes de transportar astronautas até à Estação Espacial Internacional (ISS). A Boeing irá receber 460 milhões de dólares para terminar o desenvolvimento da sua cápsula CST-100 que será lançada por um foguetão Atlas V da “United Launch Alliance” (uma parceria entre a Boeing e a Lockheed Martin), por seu lado, a SpaceX vai receber 440 milhões para concluir o desenvolvimento de uma versão tripulada da já lançada (por duas vezes) cápsula Dragon. Além destas duas empresas mais conhecidas, também uma terceira – menos mediática, mas aparentemente igualmente credível para a NASA – a “Sierra Nevada Corp” receberá 212.5 milhões de dólares para prosseguir os seus trabalhos no Dream Chaser, um avião espacial a lançar (também) do Atlas V e que ainda não realizou nenhum voo de teste.

Fontes:
http://www.reuters.com/article/2012/08/03/us-space-spaceships-idUSBRE8720SC20120803
http://www.nasa.gov/offices/c3po/home/

Categories: SpaceNewsPt | 2 comentários

“O tricentenário Barclays e outros bancos (como o Deutsche Bank) estão envolvidos num caso de falsas informações para a formação da taxa Libor”

Barclays, Banco Bankster (http://socialmediainfluence.com)

Barclays, Banco Bankster (http://socialmediainfluence.com)

“O tricentenário Barclays e outros bancos (como o Deutsche Bank) estão envolvidos num caso de falsas informações para a formação da taxa Libor” (…) o JP Morgan está a ser investigado por suspeitas de transações menos ortodoxas e de tentar ocultar prejuízos. O ramo americano do HSBC, com sede em Londres, reconheceu não ter impedido lavagem de dinheiro proveniente do tráfico de droga e do terrorismo.
Parece assim que os banqueiros voltaram às loucuras e irresponsabilidade que, em 2008, puseram o mundo à beira do colapso financeiro. Talvez por causa da mudança de mentalidades que o explosivo crescimento do setor financeiro antes da crise provocou, mesmo nos bancos mais tradicionais e respeitáveis. (…) a banca de investimento representava há vinte anos apenas dez por cento da atividade do Barclays, quando hoje representa praticamente metade.
Para travar esta tendência de jogar no alto risco e no vale tudo para obter lucros, volta a falar-se em separar totalmente os bancos de investimento dos bancos de retalho. Na Grande Depressão os EUA fizeram isso mesmo: a lei Glass-Steagall, de 1933 proibiu os bancos de retalho de fazerem operações próprias dos bancos de investimento, separando drasticamente os dois tipos de bancos. Esta separação durou até 1999 (…) vivia-se então na euforia do capitalismo triunfante. Que, embora hoje menos triunfante, tende a tornar-se capitalismo selvagem.”

Francisco Sarsfield Cabral
SOL de 27 de julho de 2012

A multiplicação de notícias recentes sobre casos semelhantes indicam que a moral continua a ser um grande ausente da mentalidade dos gestores da Banca. Não só não aprenderam nada desde os desnortes de 2008, como aprenderam que as “ajudas” dadas pelos governos de todo o mundo para impedir falências em série na Banca significaram que estavam à rédea solta e que se tornassem a asneirar “alguém” (os nossos impostos), os haveriam de salvar.

A impunidade reforçou este vício do risco e apetite descontrolado pelos lucros elevados e rápidos. Agora, devia estar a fazer-se o que não se fez desde 2008. Urge repor a separação perdida entre Banca de Investimento e Banca da Retalho, aplicar penas severas e rápidas a todos os transgressores e sobretudo, reencontrar na Banca um perdido sentido de responsabilidade e de decência, algo que só pode ser feito com a existência de um sistema policial e de justiça competente e vigilante…

Categories: Economia, Política Internacional, Portugal | Deixe um comentário

A Rússia quer voltar à Lua

O Lander soviético que nunca chegou a ser lançado na década de 60 (http://lh6.ggpht.com)

O Lander soviético que nunca chegou a ser lançado na década de 60 (http://lh6.ggpht.com)

A Agência Espacial russa Roscosmos está empenhada em regressar de forma permanente à Lua. A ambição russa é a de estabelecer bases permanentes no nosso satélite natural e colocar o seu primeiro astronauta na Lua até 2030. A revelação foi feita numa conferencia pública, a “Global Space Exploration Conference” onde a agência espacial japonesa Jaxa informou que também tenciona colocar astronautas nipónicos na Lua.

Fonte:
http://www.dailymail.co.uk/sciencetech/article-2149240/The-new-space-race-heats-Russia-plans-permanent-bases-moon.html#ixzz1vnjoNjr0

Categories: SpaceNewsPt | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade