“Até nos resgates financeiros a Europa um princípio escrito por George Orwell no Triunfo dos Porcos: todos são iguais, mas uns são mais iguais que outros”

“Até nos resgates financeiros a Europa um princípio escrito por George Orwell no Triunfo dos Porcos: todos são iguais, mas uns são mais iguais que outros. A ajuda a Espanha é mais favorável do que o apoio a Portugal. O empréstimo de cem mil milhões à Banca espanhola, à taxa de juro de 3%, não obriga à draconiana austeridade portuguesa, com exames regulares.” (…) “não há razões para o resgate dos vizinhos ser melhor que o nosso.”
Armando Esteves Pereira
11 de junho de 2012
Correio da Manhã

Ainda não se conheciam os detalhes do resgate espanhol e já o Primeiro Ministro Passos Coelho vinha repetir o seu estafado mantra: “não renegociamos”. Passos Coelho deu assim mostras de uma teimosia e de um autismo que tem um – je ne sais pas quois – de socrático, já que os irlandeses (menos socráticos que Passos) se apressaram a vir a terreno anunciar que queriam as mesmas condições muito favoráveis dos espanhóis.

As condições do empréstimos português são absurdas: a “ajuda” cobra juros agiotas, muito superiores aos dos resgate espanhol e, sobretudo, exigindo um pagamento num prazo mais compacto… e, sobretudo, os espanhóis não terão associado a este resgate nenhum pacote adicional de austeridade.

Obviamente, agora, com o exemplo espanhol, há que renegociar o empréstimo português. A única razão para não o fazer passa por este estar a ser usado (e a austeridade que lhe está associada) como pretexto para neoliberalizar a nossa sociedade e destruir o Estado Social…

Anúncios
Categories: Economia, Europa e União Europeia | Etiquetas: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: