Taxa de contenção numa ligação ADSL

Por “Taxa de Contenção” entende-se a relação entre a largura de banda que foi contratada e aquela que liga a central onde está ligado o cliente ao Fornecedor de Serviço Internet (ISP).

Normalmente, a taxa de contenção oscila entre os 1:20 e os 1:50, em que o primeiro numero mostra que a ligação do utilizador à central é partilhada por outros 20 utilizadores. Isto significa que quando todos estes utilizadores estiverem a fazer um uso intensivo da sua ligação à Internet a performance da mesma se degrada significativamente.

Este balanceamento permite equilibrar a partilha de linhas entre os utilizadores e garantir-lhes uma melhor experiência em circuitos virtuais (PVC) de elevada saturação na Central, já que entre a residência ou escritório onde está colocado o router e a central o lacete (cabo) é dedicado.

Não é absolutamente claro, mas os clientes do serviço ADSL Optimus Clix não têm taxa de contenção sendo que as ligações pela rede da Portugal Telecom apresentam taxas de contenção entre os 1:20 e os 1:50 (ou mais), sendo contudo os casos extremos, raros. A Zon apresenta com alguma frequência taxas de contenção elevadas, chegando até aos 1:300 quando existe uma sobrecarga de acessos… Ainda que produza muito bons resultados de performance em zonas de fraca saturação de uso.

Há alguns anos, a PT oferecia aos seus clientes empresariais três taxas de contenção: 1:1, 1:20 e 1:50, por preços diferentes.

Categories: Informática | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: