Daily Archives: 2011/09/19

tQuids S1: As Aventuras de Hergé, Bocquet Fromental Stanislas

As Aventuras de Hergé (http://images.portoeditora.pt)

As Aventuras de Hergé

1. Quem teria sido o atrevido que frequentava o castelo de Dudzeele e que seria o suposto pai de Hergé?
2.Quantas vezes foi preso por “colaboracionismo”, Hergé?
3. Em 1971, na Mayo Clinic disseram a Hergé que os seus problemas de fadiga e de eczema se curariam com…

Continuar a ler

Anúncios
Categories: tQuids S1 | 14 comentários

A Polónia vai modernizar aviões MiG-29A e mantê-los em uso até 2030

MiG-29A polaco (http://www.kiitotie.net)

MiG-29A polaco (http://www.kiitotie.net)

A Polónia decidiu não abandonar (seguindo o exemplo de outros Países de Leste) mas manter e modernizar uma parte da sua frota de aviões MiG-29. Metade destes aparelhos construídos na ex-URSS serão modernizados e alinharão assim com os 48 F-16C/D Block 52 como o coração da força aérea polaca.

A força aérea polaca opera também 3 esquadrilhas de aparelhos SU-22, mas estes devem ser retirados em 2014.

A Polónia reservou 48 milhões de dólares para o programa de modernização de 13 MiG-29A e de 3 treinadores MiG-29UB sendo estes trabalhos realizados na fábrica estatal da WZL 2. Os aviões receberão novos computadores, aviónica e um GPS resistente a interferências. Com esta atualização os MiG-29 polacos deverão manter-se ao serviço até pelo menos 2030 tornando o país naquele que será provavelmente o último operador deste grande caça da era soviética…

Fonte:
http://www.defenseindustrydaily.com/Poland-to-Modernize-16-MiG-29s-07084/

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , , | 20 comentários

Vítor Bento: Sobre a China

“A China se souber jogar a oportunidade que tem de se constituir num importante motor da retoma mundial, revalorizando a sua moeda e utilizando as vastas reservas acumuladas para dinamizar a procura – doméstica e mundial -, poderá obter como contrapartida uma importante posição nas instâncias, formais e informais, da governação mundial.”

> Mas terá o regime ditatorial alojado em Pequim essa sabedoria e discernimento?… Pequim tem insistido em manter sua moeda, o Yuan, a níveis artificialmente baixos por forma a estimular as suas exportações e não deu sinais de querer mudar essa atitude depois da eclosão da atual crise que começou em 2008… Pequim continua com acumula coes incríveis de Capital, que reinveste apenas parcialmente e quase sempre na compra de dívida americana, de que é hoje o segundo maior detentor externo. Pequim não investe em instalações fabris ou tecnológicas fora do seu próprio território… além de África, onde está a realizar compras massivas de terrenos agrícolas, Pequim tem uma visão do desenvolvimento muito unilateral e ainda não parece ter compreendido que é impossível continuar a empobrecer todo o globo enquanto se torna na “fábrica do mundo” e reserva para si uma parcela cada vez maior dos recursos naturais do globo.

“E os países das outras grandes economias emergentes também não deixarão de aproveitar a oportunidade para reinvidicar uma maior quota de participação nessas instâncias de governação, como já se viu com a Cimeira do G-20. Como alguém terá de ceder poder, o candidato mais natural será a União Europeia.”

Entre estes “países emergentes” encontra-se, claro está, o lusófono Brasil. O modelo de distribuição de poder no Conselho de Segurança da ONU é herdeiro do quadro de vencedores da Segunda Grande Guerra e carece de revisão urgente. Não se compreende como é que potencias médias como o Reino Unido e a França têm assento permanente e com direito de veto e potencias economicamente, demográfica e até militarmente mais importantes estão ausentes. Onde está a Índia, o segundo país mais populoso do mundo? A Alemanha e a Itália, duas das maiores potencias económicas europeias? O Brasil, uma das economias emergentes e a maior nação da América do Sul? A Indonésia, a maior nação islâmica do mundo? A estrutura global de poder tem que ser atualizada de forma a ficar conforme à nossa realidade contemporânea.  Países como França e Reino Unido têm que sair, reduzindo-se à sua atual insignificância e novos Estados devem adquirir esse estatuto de membro permanente, como o Brasil, a Índia, a Indonésia, o Egito, a África do Sul e o Japão. Alternativamente, pode ser realizada uma alteração mais radical, operativa e justa… a de substituir a representação permanente de países pela representação por blocos económicos, geográficos ou políticos. Em vez de China, EUA ou Índia, poderíamos ter representantes permanentes da União Europeia, da Nafta (EUA, Canadá México), da União Africana, da Liga Árabe ou da ASEAN. E, claro… da CPLP. Desta forma original e ousada se garantiria uma maior representatividade dos povos da Terra e uma melhor defesa dos interesses de Todos e não de umas quantas “grandes nações” por muito responsáveis que os seus representantes pudessem ser.

Fonte:
Economia, Moral e Política
Vítor Bento

Categories: China, Política Internacional | 6 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade