Daily Archives: 2011/09/11

Ministra do Trabalho da Alemanha: “a crise da zona euro só pode ser superada fortalecendo a união política do continente com a criação dos “Estados Unidos da Europa”

Ursula von der Leye (www.abendblatt.de)

Ursula von der Leye (www.abendblatt.de)

A máscara começa a cair… A ministra do Trabalho da Alemanha disse recentemente que “a crise da zona euro só pode ser superada fortalecendo a união política do continente com a criação dos “Estados Unidos da Europa”. A alemã acrescentou ainda que “o meu objetivo são os Estados Unidos da Europa, seguindo o exemplo de outros estados federais como a Suíça, Alemanha ou os Estados Unidos de América”.

A ministra entende que esta “federação” permitiria executar políticas financeiras, fiscais e económicas únicas, presume-se que a partir das orientações alemães, presume-se… A ministra germânica acrescentou ainda que concordava com a exigência finlandesa segundo a qual os países da União Europeia que recebem “ajuda” (a bons juros, acrescente-se!) devem dar garantias e cauções na forma de reservas de ouro… disse a alemã, salivando enquanto pensava em todas aquelas toneladas de ouro português (aquela metade que o idiota do Constâncio não vendeu ao desbarato) entrando nos cofres subterrâneos de Berlim.b  Quem fala não é uma ministra qualquer… É Ursula von der Leye, ministra do Trabalho e apontada por muitos analistas como a provável sucessora de Merkel após a sua certa derrota nas próximas eleições.

É seguro que Leye fala apenas como “testa de ferro”, lançando uma sondagem para a Europa, procurando saber a reação dos povos da europa. As presentes dificuldades do Euro e das finanças de muitos países da União Europeia podem ser assim apenas aparentes e serem parte de um plano para preparar as mentes dos cidadãos da Europa para a imposição por formas não democráticas de uma “federação europeu” dominada pelo par França-Alemanha, com predomínio da segunda, claro.

Na verdade não há condições de mentalidade ou cultura para criar uma verdadeira “federação” na Europa: os exemplos da maioria dos cidadãos finlandeses, holandeses, dinamarqueses, alemães, austríacos, etc. que multiplicam as expressões xenófobas e de falta de solidariedade indicam que tal “federação” se traduziria numa plataforma para que estes países “superiores” possam exercer sobre os demais o seu império.

Fonte:    
http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=1963515&seccao=Europa

Categories: Uncategorized | 75 comentários

No Brasil, uma norma “punitiva” está a resolver os atrasos nos tribunais de São Paulo… Um exemplo a seguir?

Embora Portugal esteja habituado a procurar os seus exemplos lá para as bandas das florestas húmidas e negras do norte da Europa, seria importante ter em conta pelo menos o exemplo do Tribunal de Justiça de São Paulo que há alguns meses decidiu lançar uma norma punindo (sim, o termo é mesmo “punir”) todos os magistrados que sejam “improdutivos”. Em resultado, nos primeiros cinco meses do ano houve uma redução notável do número de processos pendentes nos tribunais do Estado: mais 23% do que mesmo período do ano passado, e isto sem aumentar o número de juízes desembargadores.

Segundo a norma, os juízes que acumulem um certo número de processos parados são removidos dos mesmos e são obrigados a justificar a causa da paragem. A norma obriga também todos os magistrados com produtividade igual ou inferior a 70% da média de seus pares a explicarem esse desfasamento. O desempenho dos magistrados com mais atrasos é monitorizado pelos colegas com melhor desempenho, uma vez que são estes que acabam por receber os processos que os primeiros não conseguiram resolver… As respostas punitivas previstas são a reforma compulsória e o afastamento simples da funções (mas com remuneração parcial).

Ora aí está uma política a ponderar… apesar de todas resistências que a corporação judicial não deixará certamente de criar.

Fonte:
http://www1.folha.uol.com.br/poder/963164-sob-risco-de-punicao-magistrados-de-sp-aceleram-processos.shtml

Categories: Brasil, Justiça, Política Internacional, Política Nacional, Portugal | 17 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade