Os piratas somalis estão a mudar as suas táticas…

Os piratas somalis têm conhecido no último ano serias dificuldades para levarem a bom porto (literalmente…) as suas operações devido à intensificação das operações das marinhas presentes nos seus mares. Uma das suas respostas foi levaram as suas operações para ainda mais longe, para perto da Índia e, para sul, quase até Moçambique (onde deveriam ter esperando-os navios portugueses ou brasileiros). Mas recentemente, estão a usar outra estratégia: à semelhança dos alemães em 1942 estão a reunir-se em grandes grupos e a realizarem assim as suas ações de pirataria.

Este comportamento já foi observado pelo menos duas vezes. Na última (ao largo da costa eritreia) uma frota de sete embarcações aproximaram-se primeiro de um cargueiro, dois, depois separaram-se do grupo principal, tendo cada um entre 3 a 5 piratas armados, aproximando-se do cargueiro a alta velocidade. O cargueiro conseguiu aumentar a velocidade enquanto a tripulação (com excepção do pessoal da ponte) se juntava numa “sala segura”. Na ocasião, a rapidez da reação permitiu evitar a captura do navio. No primeiro ataque, também junto à Eritreia doze embarcações com 5 a 8 piratas cada  aproximou-se de um cargueiro. A tripulação respondeu lançando foguetes de sinalização, o que não dissuadiu os piratas, que só largaram a presa quando os seguranças do navio dispararam munições reais de aviso. Nao sem que disparassem também e seguissem o navio ainda durante algumas milhas.

A nova tática é potencialmente muito perigosa e está a ser usada – aparentemente – por um grupo de piratas ativo no mar da Eritreia. Outra mudança de atitude foi registada com ataques a navios em condições de mar difícil, o que também é uma novidade com a pirataria somali e pode indicar um aumento da sua atividade durante os próximos meses…

Segundo uma ONG internacional em meados de agosto os piratas somalis tinham sob o seu jugo 18 navios e 355 reféns aguardando resgate já que… salvamentos, esses têm havido poucos.

Fonte:
http://www.defpro.com/news/details/27057/

Categories: DefenseNewsPt, Política Internacional | Etiquetas: | 3 comentários

Navegação de artigos

3 thoughts on “Os piratas somalis estão a mudar as suas táticas…

  1. Odin

    Mas o governo de Moçambique autoriza navios militares brasileiros em suas águas?
    Agora, a situação vai se complicar e vai se ampliar pelo Oceano Índico. 😦

    • Se autoriza sul-africanos… Ja existe muita cooperacao militar na cplp (exercicios felino, p.ex.) e havendo vontade brasileira, Mocambique nao negaria, certamente.
      Portugal, ja colabora neste cenario, de facto, ja que neste momento a fragata Francisco de Almeida navega ja nas aguas somalias.

  2. Viriato

    Ponham navios russos e chineses a patrulhar aquelas águas. Não fazem prisioneiros… isso é que desmotiva os piratas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: