Consequências das graves dificuldades com a época de cereais europeia

A Europa do norte experimenta um dos Verões mais secos dos últimos 50 anos. As colheitas estão em risco e em França – dado o baixo nível dos rios – há também o risco de falhas generalizadas de energia porque a água que corre nos rios é insuficiente para arrefecer os reatores das centrais e algumas destas – a menos que chova muito – terão que ser desligadas.

Esta situação vai levar a um aumento mundial nos preços dos cereais e isto num contexto onde já antes a FAO previa para 2012 um aumento global do preço deste tipo de alimentos.

O governo francês está a enviar centenas de milhões de euros em subsídios para os seus criadores de gado e em mais de metade do território foram impostas capitações do consumo de água.

O problema com o reatores não é tanto que falte a água para os arrefecer, mas que como a quantidade de água nos rios é insuficiente isso vai aumentar a sua temperatura, criando catástrofe ecológicas nos vários rios franceses onde há centrais nucleares.

Uma situação semelhante ocorre na Alemanha, onde se espera uma quebra de 25% na produção de óleo de soja (a Alemanha produz 25% deste produto a nível europeu) e o risco de incêndio florestal está atualmente nos seus patamares mais altos.

Deixado para trás na agenda mediática o problema do Aquecimento Global regressa assim às nossas preocupações, recordando-nos que não desapareceu nem que foi resolvido… Estas más colheitas são também um mau sinal para as economias e para as dívidas externas europeias, já que o cereal em falta para a alimentação e para biocombustível terá que ser importado e pago com dólares.

Fonte:
http://www.scientificamerican.com/article.cfm?id=europe-braces-for-serious-crop-losses

Categories: Agricultura, Economia | 1 Comentário

Navegação de artigos

One thought on “Consequências das graves dificuldades com a época de cereais europeia

  1. Economia Européia com problemas no setor financeiro, cadeia produtiva, abastecimento energético… Olha pra quem achou que o pior da crise já havia passado, se engana, o caos esta por vir. É hora dos BRICS se UNIREM pela soberania global.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: