Bio-reatores de bio-óleo em Alicante

Bio-reatores de bio-óleo em Espanha (http://main.omanobserver.om)

Bio-reatores de bio-óleo em Espanha (http://main.omanobserver.om)

Um grupo de cientistas espanhóis ergueu uma pequena floresta artificial de tubos de bio-óleo perto de Alicante. A instalação de tubos de oito metros de altura irá produzir bio-óleo a partir de uma mistura de algas com dióxido de carbono. Os 400 tubos contêm milhões de pequenas algas e recebem através de uma tubagem o CO2 de uma fábrica de cimento vizinha

O objetivo é criar nestes bio-reatores as condições que levaram à formação do petróleo que hoje exploramos com tanta avidez… O líquido produzido nestes tubos é extraído, filtrado e transformado em bio-óleo. Um sistema destes apresenta ainda outra vantagem: a redução das emissões de CO2…

Segundo estes investigadores, uma instalação com 50 km de extensão poderia produzir até 1.25 milhões de barris de bio-óleo por dia. Um valor muito notável, especialmente se compararmos, por exemplo, com os 2.2 milhões de barris diários produzidos por Angola. Esta tecnologia está hoje a ser desenvolvida em vários países do mundo e é uma das abordagens mais promissoras já que ao contrário de uma rede de transportes elétricos, como aquela que está a ser lançada em Portugal, o bio-óleo pode usar a rede de distribuição de combustível já existente, apenas com pequenas alterações. E provavelmente seria uma aposta mais razoável do que a do governo Sócrates…

Fonte:
http://www.google.com/hostednews/afp/article/ALeqM5gVfiWAaxkedUjrwBCEUhE_fDVIew?docId=CNG.7cd965e6acedf0092b81962b8499b71c.311&index=1

Categories: Ecologia, Economia, Política Internacional | 2 comentários

Navegação de artigos

2 thoughts on “Bio-reatores de bio-óleo em Alicante

  1. Fenix

    muito bom sim senhor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: