O Irão lançou em meados de março a última versão do seu lançador de satélites, o Kavoshgar-4

O Irão lançou em meados de março a última versão do seu lançador de satélites. O foguetão tem a designação Kavoshgar-4 e foi lançado com uma pequena cápsula com vários organismos vivos, antecipando voos futuros em que deverão ser levados macacos e, mais tarde, um astronauta.

O lançamento comprovou a fiabilidade do sistema de propulsão, da cápsula e dos sistemas eletrónicos de controlo, tendo sido também enviadas imagens de alta altitude (captadas a mais de 120 km) para a estação terrestre de controlo.

O Kavoshgar-4 é um desenvolvimento direto do Kavoshgar-3 lançado em fevereiro de 2010 e prova que o país islâmico continua empenhado no seu ambicioso programa espacial que o coloca já no restrito clube de países capazes de colocar em órbita um satélite com tecnologia própria e que – para grande nervosismo do Ocidente – poderá colocar uma ogiva militar (nuclear ou convencional) e qualquer lugar do mundo com essa mesma tecnologia.

Fonte:
http://www.aviationweek.com/aw/generic/story_channel.jsp?channel=defense&id=news/awx/2011/03/17/awx_03_17_2011_p0-297718.xml

Categories: SpaceNewsPt | Etiquetas: | 4 comentários

Navegação de artigos

4 thoughts on “O Irão lançou em meados de março a última versão do seu lançador de satélites, o Kavoshgar-4

  1. LuisM

    …e futuro transportador de plutónio ou urânio 238.

    😉

  2. No meu país esse acontecimento foi ignorado, vai se saber porquê? Bem sou grato pela informação Clavis. E LuisM eu também acho que você esta certo.

  3. paulo Alves

    Am Israel shai

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: