Daily Archives: 2011/01/26

O relatório “Greco” sobre a Partidocracia portuguesa

O grande responsável pela grave situação em que se encontram hoje mergulhadas as nossas contas públicas é a partidocracia e, nela, os ditos “partidos de Poder” que nos regem desde 1975 em malsana Rotatividade ou “Alternância Democrática”. São estes agentes exclusivistas, que não toleram mais ninguém e que se apoderam de todo o espaço de intervenção cidadã que raptaram o Estado e tomaram como seu, pretendendo confundir-se com ele, guardando para si todos os benefícios que lhe conseguem extrair.

São também estes os partidos que um relatório recente do “Grupo de Estados contra a Corrupção” (Greco) sobre as contas partidárias dos partidos políticos portugueses e que segundo o Greco seriam das mais opacas da Europa… O grupo recomenda que “se tomem medidas para garantir que se torne público de forma expediente as informações apropriadas contidas nas contas partidárias anuais e das contas eleitorais”. Boa Sorte! Porque tais medidas teriam que provir dos próprios visados, os mesmos que vivem tranquilamente dessa mesma opacidade que lhes permite esconder todo o tipo de “donativos” suspeitos, gastarem fortunas doidas nas campanhas de forma a assegurarem que o Poder nunca sai das camarilhas onde está habituado a dormir e de que… os políticos reformados encontrem sempre emprego nas empresas dos maiores “doadores”.

O relatório é arrasador nas críticas que deita também sobre os crónicos atrasos na chegada das contas ao Tribunal Constitucional e recomendam que se torne obrigatória a sua divulgação durante as campanhas eleitorais, a intervalos regulares por forma a aumentar a transparência e na própria qualidade das mesmas.

O Greco critica também a aplicação das coimas aos partidos, cronicamente mal documentadas e dispersas entre as suas entidades locais e nacionais recordando que “partidos políticos já foram condenados pelo Tribunal Constitucional por não terem as contas consolidadas” o que abre margem a muita manobra contabilística de bastidores, assume implicitamente este relatório…

O relatório do Greco deixa bem claro que a partidocracia não tem feito nada para corrigir a opacidade das suas contas e admite indiretamente que esta falta de transparência tem servido para financiamentos turvos, ilegais e para camuflar uma corrupção que se sabe endémica, generalizada e cronicamente impune. Há que reformar o Sistema Político português, portanto, mas a terá a partidocracia que dele se apossou vontade, força ou energia para se reformar a sistema de que se apossou e de cujo status quo depende? É duvidoso e é por isso mesmo que o MIL: Movimento Internacional Lusófono lançou ESTA petição.

Fonte:
http://www.publico.pt/Sociedade/contas-dos-partidos-criticadas-na-europa_1470124

Categories: Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Quids S22: De quem é este iate?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S22 | 9 comentários

Rui Pedro Soares: Aumento de 1329% de 2007 para 2009

http://wehavekaosinthegarden.blogspot.com

wehavekaosinthegarden.blogspot.com

“Aumento de 1329% no ordenado
Em 2002, o gestor recebia 20 mil euros. Em 2007, passou para um milhão e em 2009 para um milhão e meio de euros.
(…) Zeinal Baiva preferiu coloca-lo na subsidiaria PT Investimentos Internacionais, para tratar das relações com os países de língua portuguesa. Oficialmente, a PT diz que não é director mas segundo noticiou o Correio da Manhã, ganha 10 mil euros mensais, tem direito a carro da empresa e a secretária pessoal.”

Sol 3 de dezembro de 2010

A história deste Boy do PS não é – infelizmente – única. Houve, há e haverá por aí, muitos “Ruis Pedros Soares”. Não é aqui mais espantoso que depois de tudo o que se disse e escreveu sobre este Boy ele esteja ainda nos quadros da PT gozando um faustoso vencimento e acumule luxuosas regalias. O que é mais espantoso é que os portugueses continuem nas sondagens a escolherem em massa os dois partidos que repartem entre si as prebendas do Poder, distribuindo-os pelos Boys mais fiéis.

Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | 2 comentários

A empresa norte-americana “Orbital Sciences” está a propor à NASA um novo veículo capaz de levar até 4 astronautas até órbita pelo menos até finais de 2015

A empresa norte-americana “Orbital Sciences” está a propor à NASA um novo veículo capaz de levar até 4 astronautas até órbita pelo menos até finais de 2015. A proposta enquadra-se na segunda fase do programa comercial de transporte de abastecimentos e passageiros para a Estação Espacial Internacional (ISS) que deverá arrancar já em março de 2011.

O novo veículo espacial será lançado por um foguetão Atlas 5 e será capaz de atracar na ISS e deverá realizar os primeiros testes a partir de 2014. A nave será controlada remotamente e transportará 3 astronautas e um turista espacial. O veículo utilizará as tecnologias já atualmente disponíveis no mercado e terá um sistema de escape de emergência a ser usado em caso de catástrofe no momento do lançamento.

A comercialização do lugar turístico do veículo estará a cargo da Virgin Galactic, empresa que também fará testes com o seu WhiteKnightTwo.

Com esta proposta, a Orbital concorre ao contrato de 20 milhões de dólares da NASA do programa CCDev 2, fundos que serão empregues no desenvolvimento do seu projeto mais importante, o “Dream Chaser”, um veículo orbital de 6 lugares.

Fonte:
http://www.spacenews.com/civil/101213-orbital-virgin-ccdev2-bid.html

Categories: SpaceNewsPt | 1 Comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy