Daily Archives: 2011/01/03

Quids S22: Quem era este homem?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Anúncios
Categories: Quids S22 | 9 comentários

Sobre as ligações dos governantes de Moçambique ao Narcotráfico

Armando Guebuza (http://macua.blogs.com)

Armando Guebuza (http://macua.blogs.com)

A embaixada dos Estados Unidos em Maputo acusa o Presidente da República de Moçambique Armando Gabuza de ter recebido entre 35 a 50 milhões de dólares em comissões no negócio da compra da Hidroeléctrica Cahora Bassa a Portugal”
(…)
“O chefe de Estado é referido como estando envolvido em todos os mega projetos de milhões de dólares do país.
Outra suspeita refere-se à amizade próxima entre Guebuza, apelidado de “escorpião”, o antigo Presidente Joaquim Chissano e os dois principais narcotraficantes do país, o empresário Mohamed Bachir Suleiman, referido por MBS e Ghulam Rassul Moti. “MBS contribuiu grandemente para encher os cofres da Frelimo (…) em troca, acredita a embaixada, saíram ordem do gabinete da Presidência para excluir certos contentores de carga das habituais vistorias de segurança do porto de Maputo”.
Nas comunicações reveladas, Portugal é considerado um dos destinos dos estupefacientes, bem como um país onde MBS detém contactos.
(…)
Moçambique é referido como o segundo país africano mais activo na rota internacional do tráfico de drogas. É notada ainda a existência de bancos e instituições financeiras em número muito superior à dimensão da economia nacional, e de uma bolha especulativa no mercado imobiliário, indícios de operações de lavagem de dinheiro.”

Jornal Sol
10 de dezembro de 2010

Os países africanos de expressão oficial lusófona parecem ter algum tipo de tendência para serem usados como eixo de distribuição de estupefacientes… Portugal cumpre esse papel na distribuição pelo sul da Europa. A Guiné-Bissau é a principal plataforma de distribuição para a Europa da droga colombiana que segue para o continente europeu e agora vem a saber-se que idêntico (e triste) papel é cumprido por Moçambique na África Oriental.

As referências do Wikileaks parecem escapar a qualquer dúvida. Um pouco por todo o mundo (e apesar de algumas patéticas tentativas de negação) o que só nos faz recordar a necessidade de uma maior cooperação nos setores da Justiça e das Polícias entre os países lusófonos, para além do desenvolvimento da força lusófona de Manutenção de Paz que poderia ser também usada neste contexto, dotando os países com menos meios materiais dos recursos suficientes para combater este flagelo do narcotráfico.

Categories: DefenseNewsPt, Defesa Nacional, Justiça, Lusofonia, Política Internacional | Etiquetas: | 3 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade