Daily Archives: 2010/12/08

Quids S21: Que castelo é este?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Anúncios
Categories: Quids S21 | 18 comentários

Manuel Abranches de Soveral: “Enveredámos como pacóvios no Carnaval do consumismo delirante e da dissolvência cultural”

“Enveredámos como pacóvios no Carnaval do consumismo delirante e da dissolvência cultural, globalizamo-nos alegremente, empanturrámos o litoral, desertificamos o interior, desordenamos por completo o território, demos cabo da Justiça e da Educação, estamos mais endividados do que nunca, a nossa juventude é em geral de uma ignorância pasmosa e já só a Língua, apesar dos constantes pontapés que lhe dão, nos sustém como um Povo culturalmente distinto no seio da Europa.”
Manuel Abranches de Soveral
Revista Nova Águia
número 6

Esta visão toca nos pontos essenciais da atual fase de decadência de Portugal:
Consumismo
Dissolução Cultural
Ermamento
Crise na Justiça
Crise na Educação
Endividamento

São estes os seis aspectos cruciais da presente fase de decadência de Portugal. É o insano Consumismo que tem dado aos portugueses uma malsana ilusão de riqueza material, que tem contribuído para a sua alienação social, cívica e política. É também este consumismo que está na base dos sucessivos desequilíbrios da balança comercial e tornou Portugal numa sociedade a gastar muito mais do que consome.

Portugal não vai conseguir alimentar esta espiral consumista e suicida durante muito mais tempo. Cedo ou tarde, os Especuladores irão cansar-se de financiar estes nossos crónicos défices comerciais e se o controlo deste processo for deixado unicamente nas suas mãos, este processo de ruptura, de fim desta nossa dependência nacional do crédito internacional será tão brutal como dolorosa.

Manda assim o Bom Senso (ausente nas mentes dos governantes da partidocracia) que travemos imediatamente esta espiral consumista, que imponhamos pesadas taxas de IVA a todos os tipos de artigos importados (queira a Europa ou não), que incentivemos por todas as formas a produção nacional e a consequente geração de Emprego, passando por cima do Euro – se necessário – e por cima das “Diretivas Europeias”. De permeio há que começar a forjar uma nova mentalidade… menos consumista e mais virada para a autor-realização pessoal do individuo pela satisfação das suas potencialidades criativas e de um (hoje diminuído) sentimento de pertença e partilha para com a comunidade onde este e a sua família se inserem.

A saída para esta destrutiva espiral consumista só pode assim passar pela satisfação das necessidades básicas (alimentação, higiene e saúde), de forma a que o seu humano possa substituir o estéril materialismo que tudo coisifica por uma atitude descobridora, pensadora e culturalmente produtiva que torne o homem num verdadeiro e pleno Ser Humano.

Categories: Economia, Nova Águia, Portugal | 27 comentários

A Rússia vai vender aviões Su-35 Flanker E à China

Até hoje, a Rússia sempre recusou vender os seus mais avançados aviões de combate à China. Até hoje. Tudo indica que Moscovo vai aceitar vender o mais recente avião da Sukhoi, o Su-35 à China.

O Su-35 Flanker E é propulsado por dois motores 117S com impulso vetorial, combinando assim elevada manobrabilidade com a capacidade para atacar vários alvos ao mesmo tempo. O modelo deverá começar a ser fabricado a partir de finais de 2011 e a China deverá receber os seus primeiros aparelhos entre 2011 e 2015. No total, e segundo algumas fontes, a China poderá adquirir entre 40 a 50 aviões deste modelo.

Apesar de se tratar do último modelo do Su-35, a Rússia vai vender uma “versão de exportação” o que na linguagem russa significa uma versão com menos capacidades que a versão original. Curiosamente, esta foi a versão proposta ao Brasil (no âmbito do programa F-X2) e entretanto afastada.

Esta decisão inédita pode ter sido potenciada pela patente necessidade chinesa por várias centenas de aviões de combate modernos e pela necessidade russa de manter a China como um dos seus principais clientes.

Fonte:
http://www.spacewar.com/reports/Russia_sells_Su-35s_to_China_999.html

Categories: China, DefenseNewsPt | Etiquetas: , , | 31 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade