Daily Archives: 2010/09/27

Miguel Real: Crítica Severa aos 25 anos de Cavaco Silva na Política

Membro do Conselho Consultivo do MIL: Movimento Internacional Lusófono
Citações:
“Quando Cavaco Silva chegou ao poder, há 25 anos, havia 2 milhões de pobres. Hoje, continua a haver 2 milhões de pobres”
“Manuel Alegre representa a Esquerda Imperial”
“Cavaco Silva aparece sempre no final quando todos os problemas já estão resolvidos”
“Ele que é o Presidente devia precaver para que a situação de Portugal não chegasse à beira do abismo”
“Para vir para Lisboa, passei a ter 2 auto-estradas. Um exagero.
Categories: Movimento Internacional Lusófono, Política Nacional, Portugal | 21 comentários

Quids S21: Como se chamava este homem?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S21 | 6 comentários

O que fazer quando se é vítima de Bullying?

Antes do mais importa esclarecer que não sou um especialista nesta área. Sou apenas um pai preocupado, que se tenta manter informado e que nao gosta de desperdiçar nada. Razão pela qual aqui condensarei o fruto das minhas pesquisas sobre este tema tão importante para tantos dos nossos jovens e que – naturalmente – também me afetou lá nos distantes idos de 1740, onde tive a minha juventude…

1. Falar com alguém

A primeira coisa a fazer é contar a um adulto em quem se confie. Há uma relutância natural em contar estes episódios, por timidez, por receio de crítica. Mas um caso de bullying pode facilmente tornar-se muito grave, pelo que é importante falar com alguém, logo nas primeiras ocorrências. Muitas crianças e jovens receiam falar com os pais, porque teme (justamente…) que estes numa primeira reação lhes cortem o acesso à Internet e ao telemóvel. Se assim for, explique claramente esse receio aos seus pais e trabalhem em conjunto para uma resposta que não implique a cessação total de acesso.

2. Afaste-se.

Quer seja um bullying virtual ou na vida real, esta solução é igualmente válida. Ao contrário da vida real, não é difícil desligar o computador, o telefone ou apagar uma conta no hi5 ou no facebook e focarmo-nos nos aspectos mais reais e concretos da nossa vida. Em todos os domínios, a melhor arma contra os bullies é ignorá-los.

3. Queixe-se ao seu ISP ou “Fornecedor de Serviço”.

Recolha todos os elementos sobre o bullying (datas, horas, sites afetados, suspeitos, etc) e escreva uma mensagem ao seu ISP (meo, zon, cabovisão, etc). Faça de seguinte o mesmo para o site onde aparecem essas ameaças (youtube, facebook, hi5). Estas queixas podem ter uma eficácia insuspeita…

4. Bloqueie o Bully.

Verifique se na plataforma utilizada pelo agressor existe alguma forma de bloquear abusadores seja ela uma rede social como o facebook (onde existe a opção “bloquear”) ou um telemóvel onde nos mais sofisticados há opção para rejeitar automaticamente todas as chamadas provenientes de números desconhecidos.

5. Não responder.

Ainda que possa haver um natural impulso para reagir respondendo no mesmo nível há, nesta reação mais a perder do que a ganhar. É verdade que em alguns casos fazer frente a um bully pode ser eficaz (falo por experiencia própria, mas é infelizmente bem mais provável que acabemos apenas a provocá-lo m e a aumentar a escala de gravidade de uma situação já de si bastante série para a vida de um jovem. Geralmente, a melhor opção parece ser apelar a um adulto por opinião ou por uma intervenção seja junto do próprio bully ou dos seus pais. No processo, não esquecer de fazer o maior número de registos possível de todas as agressões, seja na forma de voz (gravando) seja na Internet (écrans capturados e logs) seja na forma de vídeo ou de fotografias. Estas provas podem vir a revelar-se essenciais se mais tarde for necessário levar o caso a outros patamares…

6. Tenha cuidado quando Online

Proteja com passwords tudo o que puder e nunca grave passwords e nenhuma plataforma na Internet (mail, browsers, etc). Mude as passwords frequentemente e não escolha passwords fáceis de adivinhar. Partilhe-as apenas com os pais e nunca com irmãos ou amigos, ja que numa zanga estes poderão ter comportamentos imprevisíveis… verifique se quer mesmo colocar online as fotografias e a informação que está a colocar. Dirão a terceiros algo sobre o local onde vive? sobre você? Recorde-se que já houve vários casos de jovens que perderam empregos por causa de fotografias comprometedoras presentes na Internet…

7. Quando o ciberbully é um amigo

Em dadas circunstâncias, a fonte da agressão pode ser alguém que considera como amigo. Aborde-o diretamente, questionando-o sobre essa suspeita, de uma forma tão “suave” quanto o possível, tentando compreender as suas motivações.

8. Por fim, na defesa contra o bullying, seja ele real ou cibernético, aplicam-se também algumas regras impostas pelo mais básico senso comum: evitar andar sozinho e locais desertos ou mal iluminados, procurar amigos que sofram do mesmo problema e buscar neles a companhia e defesa mútua de que ambos precisam, contar aos pais ou aos educadores, exibir sempre confiança e determinação de forma a não assumir o papel de “vítima crónica” onde nos querem encerrar e, sobretudo, seguir em frente! Todas as crianças e jovens passaram por algum tipo de bullying no seu passado e todos os agressores foram ele próprios já alvos de idênticas experiências. Ter em conta que o que não nos mata, nos torna melhores e recorrer aos adultos (pais ou professores) porque tendo eles próprios já passado pela situação poderão dar orientações preciosas sobre como sair dela.

Fontes:
www.bullying.org
www.bullying.com.br
http://kidshealth.org/teen/school_jobs/bullying/cyberbullying.html?tracking=T_RelatedArticle#
http://apeedpedroiv.bloguepessoal.com/25330/BULLYING/

Categories: Portugal, Sociedade Portuguesa | 3 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade