Afinal, as sondas Viking podem ter destruído microorganismos no solo marciano que analisavam

Um estudo recente indica que, afinal, o solo marciano pode conter alguns elementos essenciais às formas de vida baseadas em carbono, isto apesar das análises realizadas na década de 70 pelas sondas Viking terem então indicado o contrário.

Com efeito, os planetólogos ficaram espantados com o facto das análises ao solo feitas pelas Viking não terem registado nenhum composto orgânico. Mas um novo estudo – inspirado numa análise ao solo realizada pela defunta sonda Mars Phoenix Lander – considera que a maior parte do clorino encontrado pela Phoenix estava na forma de percloratos e não sob formas salinas, como se esperava. Ora os percloratos são agentes oxidantes que quando aquecidos, se quebram em fragmentos muito reativos que destroem os compostos orgânicos junto de quem se encontram… Assim, os únicos compostos orgânicos encontrados pelas Viking: clorometano e diclorometano e que na época foram interpretados como contaminação terrestre nos instrumentos dos Landers, podem de facto ser o resultado dessa reação química muito destrutiva que pode ter destruído os vestígios orgânicos que procuravam.

É claro que a presença de compostos orgânicos não quer dizer que exista vida em Marte… apenas condições insuspeitas até agora para que possa ser suportada ou que tenha existido no passado. Mas é mais indício… ou melhor, mais uma possibilidade de um indício.

Fonte:
http://www.sciencenews.org/view/generic/id/63137/title/Mars_organics_get_new_lease_on_life

Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

%d bloggers like this: