Daily Archives: 2010/08/19

Quids S20: Que quadro é este?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados  entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 3 comentários

No concurso indiano MMRCA, o Typhoon e o Rafale levam vantagem…

Dassault Rafale, o provável vencedor do MMRCA indiano (http://defense-update.com)

Dassault Rafale, o provável vencedor do MMRCA indiano (http://defense-update.com)

A força aérea indiana já concluiu a sua avaliação técnica dos seis aparelhos que lhe foram submetidos a concurso no âmbito do “Medium MultiRole Combat Aircraft” (MMRCA) que há de levar à aquisição de 126 aviões por 10 biliões de dólares, com a opção para mais 63.

Os seis aviões em concurso eram o Typhoon, o Rafale, o MiG-35, o Gripen E/F, o Super Hornet F/A-18 E/F e o F-16 E/F Fighting Falcon.

Segundo algumas fontes, os indianos terão classificado o Rafale e o Typhoon como seus eleitos, tendo ficado o Super Hornet como “opção marginal”. O Gripen foi considerado redundante em relação ao programa indiano Tejas. O MiG-35 e o F-16 foram rejeitados porque se baseavam em “plataformas obsoletas”.

Existe na Índia uma longa tradição de uso de aviões franceses, pelo que a opção Rafale é bem provável e poderia aumentar as possibilidades de vitória da construtora francesa no Brasil, tornando simultaneamente o Rafale de um dos aviões menos exportados do mundo num dos mais… a EADS precisa de compensar as recentes reduções de encomendas anunciadas pelos governos britânico e italiano (num total, menos 90 aparelhos!) e assim financiar com esta encomenda o desenvolvimento do Typhoon Tranche 3.

A decisão final quanto ao vencedor do MMRCA será conhecida apenas depois de 2011 com as primeiras entregas a decorrerem logo em 2012 ou 2013.

Fonte:
http://www.defence-update.net/wordpress/20100810_mmrca_shortlist_typhoon_rafale.html

Categories: Brasil, DefenseNewsPt, Política Internacional | Etiquetas: , , | 18 comentários

Quids S20: Como se chamava o chefe desta rapariga?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados  entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 4 comentários

Fernando Nobre: “O Homem é mais importante do que os números dos parâmetros económicos”

Fernando Nobre (http://www.ionline.pt)

Fernando Nobre (http://www.ionline.pt)

“O Homem é mais importante do que os números dos parâmetros económicos. É mais importante saber se os homens vivem melhor e são mais felizes do que estarmos sempre preocupados com o lucro, a competitividade e a produtividade. Reparem, meus queridos amigos, nunca se acumulou tanta riqueza, nunca se produziu tanto como hoje na História da Humanidade, mas também é verdade que nunca como hoje as disparidades foram tão brutais.”
Fernando Nobre
Gritos contra a Indiferença

A Globalização neoliberal produziu melhorias substanciais nas métricas estatísticas de muitos países no mundo, mas muito particularmente na China e na Índia mas não é líquido que tenha havido uma melhoria na qualidade de vida da maioria dos seus cidadaos. Bem pelo contrário, há indicadores de que ainda que a média de rendimentos tenha subido, a disparidade e o fosso entre as camadas mais ricas e as mais pobres se agravou… é esta realidade que se impôs como “única” e sem alternativas que importa atacar e substituir. Buscar formas de organização económica e social mais justas e equilibradas, mais locais e menos globais, mais reais e produtivas do que virtuais e estéreis. Precisamos de uma revolução económica que humanize as relações entre os Homens e que devolva ao espaço da cidadania tudo o que as multinacionais e os interesses financeiros lhe furtaram nos últimos anos. E comecemos por um passo decisivo para retomar a democracia aos grupos que a raptaram e que a detêm hoje refém elegendo um candidato verdadeiramente independente e livre das pressões a que a partidocracia se verga tão facilmente: elegendo Fernando Nobre.

www.fernandonobre.org

Categories: Fernando Nobre, Política Nacional, Portugal | 2 comentários

Venda da Vivo pela PT: zero impostos. Tugas: bem mais que zero

Passos Coelho prestando vassalagem aos seus donos espanhóis (http://wehavekaosinthegarden.blogspot.com)

Passos Coelho prestando vassalagem aos seus donos espanhóis (http://wehavekaosinthegarden.blogspot.com)

Depois de semanas a debater a venda da parte que a Portugal Telecom detinha da operadora brasileira de telemóveis Vivo e todos aqueles milhões que eram esgrimidos daqui para lá, não deixa de ser espantoso que o valor com que afinal o negócio acabou por ser realizado esteja… livre de impostos! Tal estranheza não é novidade, sendo bem conhecida de todos os Especuladores e dos nossos políticos: ainda não há muito tempo Américo Amorim, por exemplo, realizou uma autêntica fortuna ao entrar no capital da Galp e não pagou impostos…

Graças a estas leis “permissivas” ou – pior – intencionalmente feitas para safar amigos e cúmplices das suas obrigações fiscais uma série de “empresários” ou “investidores” mais ou menos próximos do Poder não param de enriquecer sem nunca gerarem riqueza efetiva ou Emprego.

No caso desta muito lucrativa venda da Vivo (que os Acionistas venderam com mira apenas no lucro de curto prazo) os impostos perdidos pelo Estado ascendem a centenas milhões de euros e depois de tanta voracidade fiscal sobre os nossos (“nossos” de cidadãos comuns, não de Berardos e Amorins) resulta estranhíssimo que a Lei continue a conservar esta permeabilidade… uma estranheza que só pode resultar de cumplicidades conhecidas entre o Poder Político e o Económico, tradicional financiador das faustosas campanhas eleitorais do primeiro, percebe-se bem porquê, certo?

Fonte:
http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=438865

Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | 2 comentários

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade