Daily Archives: 2010/08/09

Sobre o possível denunciamento de contrato com as Pandur

A recente “guerra” aberta (em boa hora) pelo governo português contra a empresa norte-americana que fornece as Pandur: a norte-americana General Dynamics que através da sua subsidiária austríaca Steyr ganhou o concurso de substituição das Chaimite.

Com efeito o programa de entrega destas viaturas (montadas por uma empresa portuguesa no Barreiro) está seriamente atrasado. Duas dezenas de Pandur que deviam ter sido entregues em 2009, ainda não o foram e mais 100 outras com defeito ainda não foram corrigidas

Assim, e perante o avolumar destes problemas, o governo enviou por carta um ultimato à empresa norte-americana ameaçando com uma denúncia do contrato caso estes problemas nao viessem a ser rapidamente ultrapassados.

O problema é que os veículos Pandur são fabricados quase integralmente no Barreiro, pela Fabrequipa. O seu gerente já veio esclarecer que “a Fabrequipa não se atrasou nem só um minuto na entrega de unidades” e sugerindo que esta pressão se devia de facto ao desejo de encontrar uma razão para quebrar o contrato.

É verdade que esta polémica pode ameaçar a sobrevivencia da Fabrequipa e criar ainda mais desemprego no nosso país mas – sejam ou responsabilidade da empresa portuguesa – existem serios problemas com a rapidez da entrega destes blindados. Se o fabricante nao consegue resolvê-los restam apenas ao Estado português duas solucoes: ou denuncia ao contrato e recebe as verbas já pagas à empresa ou renegoceia o contrato, em termos financeiros mais vantajosos para Portugal. E está deve ser a opcao a seguir: para que Portugal mantenha esta importante empresa em funcionamento, para que o programa de substituicao das Chaimite por um veículo verdadeira e finalmente moderno prossiga e para que se aproveite este flagrante incumprimento da Steyr neste momento de aperto orçamental.

Fonte:
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1633750

Categories: DefenseNewsPt, Defesa Nacional, Política Nacional, Portugal | 1 Comentário

Quids S20: Como se chama a entidade que elaborou este projeto?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 5 comentários

Sobre o “Plano de Ataque” dos EUA às instalações nucleares do Irão

Instalações nucleares do Irão (http://www.inewscatcher.com)

Instalações nucleares do Irão (http://www.inewscatcher.com)

Um alto responsável do exército dos EUA admitiu que existia um plano de ataque para impedir o Irão de obter armas nucleares. Mas também admitiu estar seriamente preocupado com as consequências de tal ataque. Quem falava (provavelmente demais) era o almirante Mike Mullen do Estado-Maior dos EUA. O almirante acrescentou que continuava a esperar que os esforços diplomáticos e as sanções económicas produzissem efeito e que não fosse necessário recorrer à opção militar.

Apesar do discurso esperançoso e “diplomático” o certo é que – ao que me recorde – é a primeira vez que um alto responsável militar dos EUA admite publicamente a existência de um plano de ataque detalhado às instalações nucleares da República Islâmica. Tal reconhecimento implica também uma “quase certeza”: assim que o Irão detonar a primeira bomba nuclear experimental o plano é ativado… ou então a existência de tal plano de ataque é um puro absurdo. E não é.

Fonte:
http://www.defpro.com/news/details/17262/

Categories: DefenseNewsPt, Política Internacional | Etiquetas: , | 13 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade