A Google regressa à China e… à sua censura?

Alguns ainda se lembrarão – talvez – da recente “guerra” entre a Google e a ditadura chinesa a propósito da permanência neste país do motor de busca. Ora, recentemente a China renovou a licença da empresa para operar no seu território e isto significa a rendição total-ao-tapete da Google porque tal renovação implica a adesão às leis de censura chinesas e o fim do redirecionamento do tráfego para http://www.google.com para o site da google em Hong Kong (não censurado).

Zhang Feng, um alto responsável do regime de Pequim já veio gabar-se publicamente da vitória, declarando que a “Google tinha prometido obedecer à lei chinesa” (censura) e evitar mostrar resultados na sua página de busca que apontassem para material que fosse “uma ameaça para a segurança nacional ou para a estabilidade social”.

Em resposta a esta bombástica declaração chinesa, um representante da Google tentaria corrigir: “Fomos muito claros sobre o nosso compromisso em não censurar os nossos produtos para os utilizadores na China. Os produtos que mantemos em google.cn (como o Translate e o Product Search) não requerem qualquer tipo de censura pela Google. Outros produtos, como o Web Search, que oferecemos através do google.hk não têm qualquer censura”.

Mas então a declaração deste alto responsável do ministério chinês da comunicação e tecnologia não têm fundamento? De facto, quem aceder hoje a http://www.google.cn (tente) vai direto para o http://www.google.hk, não censurado (para testar basta procurar por tiananmen), mas desde já, quem procurar por essa palavra em google.cn no Google Books apanha no Google com resultados censurados…


Fonte:

http://yro.slashdot.org/story/10/07/21/1322207/China-Says-Google-Pledged-To-Obey-Censorship-Demands?from=rss&utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+Slashdot/slashdot+(Slashdot)

Anúncios
Categories: China, Ciência e Tecnologia, Informática, Política Internacional | Etiquetas: | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: