Municipalismo, Desenvolvimento do Interior e Dr. Fernando Nobre

Dr. Fernando Nobre (http://www.cm-lagos.pt)

Dr. Fernando Nobre (http://www.cm-lagos.pt)

Um dos pontos mais importantes da Declaração de Princípios e Objetivos do MIL é e será a defesa incondicional de uma “descentralização municipalista”. E sem dúvida que o crescente ermamento económico e demográfico do nosso interior e a doentia concentração de todas as atividades sociais, culturais e económicas no Litoral é um dos mais graves desequilíbrios do Portugal contemporâneo.

A recente declaração do Dr. Fernando Nobre prometendo exercer uma “magistratura de influência” para se opor ao subdesenvolvimento do interior do país surge como atual, oportuna e profundamente relevante para o apoio que o MIL escolheu lhe consagrar.

As declarações do candidato presidencial foram produzidas em Viseu, durante um encontro com o núcleo local de voluntários onde afirmou “conhecer bem o interior despovoado” acrescentando que o essencial do trabalho de “reordenamento do território e o desenvolvimento integrado” esteja ainda por fazer.

Nobre acredita que uma parte essencial dos deveres presidenciais é o estabelecimento de uma ligação direta entre os cidadãos e o Presidente da República e que essa ligação só poderá ser criada com uma constante presença no interior do país, batendo-se pela manutenção aqui de serviços essenciais às populações: nomeadamente aqueles que se referem “à saúde, à educação, à eletricidade, aos correios, não abandonem certas partes do território nacional votando-as à desertificação”. E por este apoio ao interior do país e a uma municipalização da nossa sociedade, o Dr. Fernando Nobre, mostra mais uma razão para merecer o nosso apoio pessoal e o do MIL: Movimento Internacional Lusófono, que fez da regionalização municipalista uma das suas causas de eleição.

Fonte:
http://aeiou.expresso.pt/pr-fernando-nobre-promete-exercer-magistratura-de-influencia-para-desenvolver-interior=f572175

Categories: Movimento Internacional Lusófono, Municipalismo, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: