Mais um passo para a “humanidade” dos chimpanzés: rituais funerários

Um estudo recente revelou aquilo que alguns já suspeitavam: os chimpanzés lidam com a morte de uma forma semelhante aquela com que o humanos enfrentam esse desafio – literalmente – final.

Um grupo de chimpanzés foi filmado acariciando e fazendo o luto para com uma fêmea idosa recentemente falecida, e isto durante vários dias depois da sua morte.

Vários biólogos já tinham observado mães chimpanzés levando as suas crias mortas durante dias, mas a prova de que são capazes de reconhecer a morte de um dos seus pares representa um patamar de autoconsciência completamente distinto. Já se sabia que os chimpanzés eram capazes de produzirem raciocínios elaborados, que tinham capacidades linguísticas, variações culturais geográficas e autoconsciência, mas que tinham rituais funerários é algo de completamente diferente. E que encurta consideravelmente a distancia que separa o Homo Sapiens deste “animais”.

O ritual observado através de câmaras de infravermelhos consistiu em rondas regulares ao corpo da fêmea idosa falecida, numa redução notável dos padrões de ruído entre o grupo e de longas permanências noturnas junto ao cadáver. A sua filha permaneceu junto ao corpo durante toda uma noite, no dia em que morreu, na plataforma onde nunca antes tinha dormido. Todo o grupo, aliás, alterou os seus hábitos nómadas, ficando no mesmo local durante vários dias.

Estudos como este demonstram que a Humanidade não deve ser um conceito reservado aos seres humanos, e que o conceito de “Pessoa” deve ser alargado de forma a incluir “pessoas humanas” e “pessoas não humanas” e que os chimpanzés devem passar a fazer parte do mesmo… recebendo também “direitos humanos” e tudo o que isso tem que implicar, sobretudo no domínio da experimentação clínica e cosmética sobre primatas evoluídos como o chimpanzé.

Fonte:
http://news.bbc.co.uk/2/hi/science/nature/8645283.stm

Categories: Ciência e Tecnologia | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: