A sonda Cassini encontra dois possíveis vestígios de vida em Titã

A sonda Cassini (http://www.astro.uio.no)

A sonda Cassini (http://www.astro.uio.no)

A intrigante lua de Saturno que tem o nome de Titã, ficou ainda mais intrigante com a descoberta de duas “assinaturas de vida” pela sonda Cassini. Não é impossível que estes dois indícios sejam também o produto de uma reação química mais ou menos exótica, mas existe uma probabilidade relativamente elevada que sejam provas da existência de formas de vida em Titã.

Sabe-se que Titã é demasiado frio para suportar água líquida na sua superfície, mas alguns exobiologistas sugeriram que poderia existir formas de vida muito diferentes daquelas que existem na Terra nos seus lagos de metano líquido.

Em 2005, o investigador Chris McKay da NASA demonstrou que era possível conceber um micróbio que respirasse oxigénio e se alimentasse pela ingestão de moléculas de acetileno gerando metano como subproduto. Este processo biológico poderia ser observado pela ausência de acetileno em Titã e uma raridade de hidrogénio junto da superfície do satélite saturnino. Ora foi precisamente isto que a sonda Cassini agora registou em Titã através do seu instrumento “Visual and Infrared Mapping Spectrometer” ou VIMS que não encontrou acetileno em Titã e que encontrou dados que sugerem que algo faz desaparecer o hidrogénio da superfície de Titã, precisamente como previa o modelo de Chris McKay. Estes dados foram confirmados por outros instrumentos da Cassini e podem

Fonte:
http://gizmodo.com/5555413/hints-of-life-found-on-saturn-moon

Anúncios
Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: , | 9 comentários

Navegação de artigos

9 thoughts on “A sonda Cassini encontra dois possíveis vestígios de vida em Titã

  1. Otus scops

    às vezes fico a pensar no que disse Stephen Hawking sobre o perigo de encontrar-mos vida extra-terrestre e suas consequências.
    mas a curiosidade do ser humano é insaciável…

    http://www.timesonline.co.uk/tol/news/science/space/article7107207.ece

    http://www.ionline.pt/conteudo/56867-stephen-hawking-avisa-nao-falem-com-extraterrestres

    http://dsc.discovery.com/videos/stephen-hawkings-universe-fear-the-aliens.html

  2. Odin

    Otus Scops! Eu tenho muito respeito por pessoas como Stephen Hawking e, levo a sério o que ele diz. Supondo que as supostas aparições de OVNIs, o que os ufólogos têm alegado não seja real, que ainda não foram vistos extraterrestres neste planeta, eu concordo com ele de que não devemos atrair, chamar a atenção dos ets pra cá, caso existam. Pois há possibilidade de virem alienígenas imperialistas, conquistadores, etc. Por outro lado, acho devemos procurar saber o que existe no espaço sim, entre os diversos planetas e satélites naturais. Mesmo que sejam missões não tripuladas por humanos, que sejam enviados robots. Ficarmos quietos não vai impedir que eles nos encontrem aqui. Os antigos nativos da América não chamaram a atenção dos europeus. Os europeus queriam ir a Índia, ver se havia passagem pelo oeste e encontraram eles no meio do caminho. O que podia ter acontecido com a Europa se os portugueses e espanhóis não tivessem se arriscado às navegações? O que poderia ser a Europa hoje? O que a humanidade pode vir a perder por ignorar o céu e se enfeudar na Terra?

    • Otus scops

      olá Odin
      eu além de um profundo respeito pelo sucessor de Isaac Newton tenho por ele uma admiração ainda maior, a sua competência científica, capacidade de trabalho e potência do seu pensamento, com uma terrível doença incapacitante e progressiva.
      realmente temos que ter cautela com a nossa curiosidade. não sabemos sequer se teremos capacidade de nos defendermos contra alguma ameaça. apenas penso que a lógica nos diz que se alguém superior quisesse aniquilar-nos já o teria feito ou então esses entes não precisam de nós nem da Terra. quanto aos inferiores esses não nos podem fazer mal. o problema maior será algum tipo de contaminação que possa suceder.
      a analogia com a expansão marítima não é aplicável aqui, pois estamos a falar do mesmo planeta e da mesma espécie, apesar das diferentes culturas que existiam (e existem).
      curiosa a pergunta “O que poderia ser a Europa hoje” ou até o Mundo? nem consigo conceber. ou havia uma estagnação tecnológica e viveríamos todos como no séc. XIII ou então é aquilo que é hoje em dia. no global a Humanidade ficou a ganhar (uns mais, outros mais ou menos mas alguns ficaram a perder…)

  3. por acaso… das duas uma: ou “eles” não existem (porque se extinguiram, como nós estamos a caminho de fazer) ou estão muito caladinhos, no seu canto, fazendo figas para não serem descobertos-invadidos-comidos por ninguém…

  4. Odin

    Otus, e mesmo com a doença, o Hawking é de imenso valor à humanidade.

    O SETI é um erro, quanto a emitir sinais daqui para o espaço para tentar descobrir se há vida inteligente por lá. É necessário cautela com a ansiedade de encontrar ets. Sim, a lógica nos diz que, se fosse para sermos conquistados por ets, já teria acontecido. Encontrar no sentido de menos evoluídos quanto a conhecimento científico e tecnologia, vai ser algo parecido com o filme “Avatar” (tomara que os da Terra não os alcance antes de criar a devida maturidade para tratar os ets como gostariam de ser tratados por eles).
    Se vermos as grandes navegações nos tempos renascentistas, no sentido de deixar o medo de lado, de se aventurar a querer conhecer o desconhecido, há muitas semelhanças sim, embora estas tenham acontecido no mesmo planeta e entre a mesma espécie. O mundo, isso mesmo que você escreveu, o mundo seria menos evoluído do que é hoje, sem os descobrimentos.

    Clavis, ou a forma de os ets mais evoluídos do que nós em termos de ciência e tecnologia verem a realidade seja diferente da nossa. De repente eles tiveram experiências desastrosas e decidiram não deixar os menos evoluídos do que eles nem saberem que eles existem sem terem alcançado a devida maturidade. Provavelmente devem ter passado perto da autodestruição e deixaram de lado a violência, a ambição, o sentimento de querer enriquecer as custas de prejudicar outros, chegaram a conclusão que o maior favor que fazem aos menos evoluídos é não interferir…

  5. o SETI não emite, só recebe. E acho que houve apenas um ou dois casos de emissões, um deles feito na Rússia. Curiosamente, o cientista russo responsável escreveu-me um comentário, que está ainda aqui algures no Quintus defendendo-se!
    e sim… podem estar todos em Nirvana…
    Ou a jogar a sua versão de PSP!

    • Odin

      Me desculpem! Eu escrevi besteira aqui. O SETI se dedica à detecção e análise de ondas de rádio vindas do espaço, procurando identificar algum sinal produzido artificialmente por algum ser inteligente. Não é um erro não.

      E de uma maneira não intencional, o homem tem emitido continuamente, há mais de 50 anos, sinais capazes de ser detectados fora do sistema solar, tais como ondas eletromagnéticas produzidas por transmissões de alta freqüência de rádio, televisão e radares.

  6. A vida por lá encontrada tem uma procedência : a terra, de nós, contaminação…tão somente; até prova em contrário.Somo os únicos, seremos os semeadores do universo e mutiverso.

  7. certo, até prova em contrário.
    de facto, até ver ainda não estou convencido, e bem que gostaria de estar!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: