Monthly Archives: Junho 2010

Após alguns receios, o programa F-16 MLU, a modernização dos C-130H e dos P-3 Orion vai prosseguir

F-16 MLU (http://www.aereo.jor.br)

F-16 MLU chileno (http://www.aereo.jor.br)

Entre os múltiplos cortes que se preparam em Portugal, um dos que se temiam que seriam feitos, seria o programa de modernização dos muito preciosos e úteis aviões de transporte Hercules C-130H da Força Aérea Portuguesa… O programa teria início previsto para 2011, e os contratos assinados entre o Ministério da Defesa e as OGMA poderiam estar agora em risco, com as presentes dificuldades orçamentais do Governo português, mas afinal, nada será alterado ou suspenso. Os contratos são mesmo para cumprir, e nas datas inicialmente previstas (2011), pelo menos segundo as palavras de Augusto Santos Silva, o ministro da Defesa.

As atuais restrições orçamentais ditaram a suspensão de todos os novos programas de aquisição de equipamento militar, mas aquelas que estavam já contratualizadas prosseguem. Isto significa duas coisas: que o programa de modernização dos caças multifunções F-16 para o padrão MLU vai prosseguir e que a prevista atualização dos Hercules também prossegue, apesar de todas as dificuldades. O mesmo sucederá com os P-3 Orion.

De facto, todos estes 3 aparelhos são cruciais para manter as capacidades mínimas da FAP. Os 6 Hercules são o aparelho mais usado em todo o inventário e a sua presença em cenários de emergência tem-se revelado essencial para Portugal, inúmeras vezes. Os F-16 são simplesmente o único aparelho com capacidade de combate real na FAP, pelo que é vital mantê-los a voar e com alguma P-3 são aviões de vigilância e salvamento marítimos, igualmente essenciais num país marítimo e com uma das mais extensas e ricas Zonas Económicas Exclusivas do Mundo. Por fim, recordemo-nos de que todas estas atualizações serão feitas por uma empresa portuguesa, com emprego português, pelas OGMA, em Alverca, num argumento que neste ambiente de crise e desemprego nunca poderá ser escamoteado…

Fonte:
http://sol.sapo.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=173884

Categories: DefenseNewsPt, Defesa Nacional, Economia, Política Nacional, Portugal | 1 Comentário

Quids S20: Que objeto é este?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 8 comentários

A sonda Cassini encontra dois possíveis vestígios de vida em Titã

A sonda Cassini (http://www.astro.uio.no)

A sonda Cassini (http://www.astro.uio.no)

A intrigante lua de Saturno que tem o nome de Titã, ficou ainda mais intrigante com a descoberta de duas “assinaturas de vida” pela sonda Cassini. Não é impossível que estes dois indícios sejam também o produto de uma reação química mais ou menos exótica, mas existe uma probabilidade relativamente elevada que sejam provas da existência de formas de vida em Titã.

Sabe-se que Titã é demasiado frio para suportar água líquida na sua superfície, mas alguns exobiologistas sugeriram que poderia existir formas de vida muito diferentes daquelas que existem na Terra nos seus lagos de metano líquido.

Em 2005, o investigador Chris McKay da NASA demonstrou que era possível conceber um micróbio que respirasse oxigénio e se alimentasse pela ingestão de moléculas de acetileno gerando metano como subproduto. Este processo biológico poderia ser observado pela ausência de acetileno em Titã e uma raridade de hidrogénio junto da superfície do satélite saturnino. Ora foi precisamente isto que a sonda Cassini agora registou em Titã através do seu instrumento “Visual and Infrared Mapping Spectrometer” ou VIMS que não encontrou acetileno em Titã e que encontrou dados que sugerem que algo faz desaparecer o hidrogénio da superfície de Titã, precisamente como previa o modelo de Chris McKay. Estes dados foram confirmados por outros instrumentos da Cassini e podem

Fonte:
http://gizmodo.com/5555413/hints-of-life-found-on-saturn-moon

Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: , | 9 comentários

Quids S20: Como se chama este objeto?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 9 comentários

Foi descoberto um planeta extrasolar (GI581d) que pode ter água líquida

Planetas Extrasolares (http://www.jaredworkman.com)

Planetas Extrasolares (http://www.jaredworkman.com)

Todas as dezenas de planetas até agora descobertos orbitando estrelas distantes estavam fora da chamada “zona habitável”, isto é, ou estavam muito longe ou muito perto da sua estrela. Até agora. O recentemente descoberto planeta GI581d está praticamente no limite da “zona habitável” ou seja, há uma forte probabilidade de existir água líquida em GI581d.

O problema é que este planeta parece estar numa região do seu sistema solar que o sujeita a fortes ondas gravitacionais, algo que pode afetar a estabilidade da vida que eventualmente possa existir na sua superfície. Apesar disto, GI581d continua a ser o local mais hospitaleiro para vida tal como a conhecemos jamais descoberto em toda a Via Láctea. E um excelente candidato a ser escutado pelo Seti@Home, lá nas nossas casas…

Fonte:
http://www.spaceref.com/news/viewsr.rss.spacewire.html?pid=34209

Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | 9 comentários

Mário Soares, Fernando Nobre e as possibilidades (reais) desta candidatura presidencial

Jantar do 1 de maio com o Dr. Fernando Nobre

Jantar do 1 de maio com o Dr. Fernando Nobre

Mário Soares numa entrevista recente a Mário Crespo afirmou aquilo que fica evidente a quem quer que siga as notícias: os Media não dão à campanha presidencial de Fernando Nobre a mesma atenção que dedicam às demais candidaturas, especialmente à de Manuel Alegre. Soares referiu também algo que quem siga minimamente os Media não pode deixar de observar: há uma descarada falta de atenção mediática à candidatura de Fernando Nobre. Por exemplo, no jantar de 1 de maio, no Mercado da Ribeira (Lisboa) o candidato reuniu perto de 530 apoiantes naquele que foi maior encontro jamais organizado via facebook em Portugal mas um jantar de tal dimensão não mereceu das televisoes mais que um minuto e meio de atenção!  Em contraponto, o mais insignificante encontro de Alegre merece ampla cobertura mediática e o mais irrelevante arroto de Cavaco é imediatamente alvo de total cobertura televisiva.

Tenho que ser claro: não aprecio todo o percurso político de Soares e não lhe posso deixar de imputar uma importante parcela de responsabilidade no doentio Rotativismo com que os governos do bipartido PS-PSD nos brindaram nos últimos trinta anos e que respondem pelo essencial da responsabilidade da gravíssima crise financeira que atravessamos. Mas Soares – num quadro geral de incompetência e de tibieza gerais – é uma das maiores figuras políticas da nossa democracia. Por isso, aquilo que diz deve ser escutado e, no minimo, ponderado por todos. Sobretudo, aquilo que Mário Soares diz deve ser escutado com especial atenção no seu próprio Partido, o PS. Soares sempre teve algo que falta hoje a muitos políticos: instinto. E diz-lhe o instinto que não serve ao PS nem ao país o apoio a um candidato tão egótico e esvaziado de conteúdo ideológico como Alegre.

Assim que surgiu a notícia de que Fernando Nobre iria avançar como candidato presidencial, surgiram notícias que davam conta de que o estava a fazer sob “comando remoto” de Soares. Isso não corresponde à verdade, tendo tido eu próprio oportunidade de confirmar isso mesmo junto do próprio Fernando Nobre. O presidente da AMI, não é de resto do tipo de pessoa que deixe manipular como se de um simples e passivo peão num jogo de xadrez soarístico-vindicativo se tratasse.

Apesar de ser literalmente “levado em ombros” sendo cada uma das suas mais insignificantes ações de pré-campanha amplamente coberta pelos Media, Alegre já perdeu a primeira grande batalha: unir a Esquerda em torno da sua candidatura. A sua aproximação ao BE foi bem sucedida, mas custou-lhe a repulsa de grande parte do eleitorado do PS que Sócrates tantas vezes afrontou no Parlamento e que agora tem que engolir.

O grande problema de Alegre não é contudo Sócrates, mas Fernando Nobre. Existe uma possibilidade muito séria de que logre agregar mais votos do que o próprio Alegre, que pelas suas hesitações e oscilações diversas acabou por repelir boa parte dos votos que reuniu em 2006. Como o meu, por exemplo… É claro que Nobre não vai captar apenas votos à Esquerda, já que o seu percurso humanista, discurso patriótico e até simpatias pessoais irá provar-se como capaz de recolher alguns votos que Cavaco Silva, pelas suas múltiplas asneiras soube malbaratar. Só isso, pode alterar radicalmente o quadro eleitoral e impedir a eleição de Cavaco à primeira volta, que em 2006 apenas a impediu por escassos 0.6% dos votos. E sem dúvida que Nobre recolherá muitos votos no BE (que apoiou nas últimas eleições para o Parlamento Europeu), no PS (e nao somente entre soaristas, mas também entre socráticos) e até no PCP pelo seu percurso de vida e alinhamento político-ideológico à Esquerda.

Nobre beneficia contudo e sobretudo de um descontentamento generalizado do país para com uma classe política que não soube resolver os problemas da maioria da população e que nos levou à maior crise financeira das últimas décadas. Nobre tem assim o potencial para recuperar o milhao de “eleitores de protesto” que Alegre cativou em 2006.

Fonte:
http://aeiou.expresso.pt/o-factor nobre=f582600

Categories: Fernando Nobre, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Quids S20: O que é isto? (nome exato)

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 11 comentários

Medina Carreira: A causa maior do desiquilíbrio crónico dos orçamentos de Portugal é a existência de mais de 6 milhões de pessoas que vivem de subsídios ou de ordenados. Ou não.

Medina Carreira (http://ruimacdonald.com)

Medina Carreira (http://ruimacdonald.com)

Recentemente, o economista Medina Carreira recordou aquilo que é efetivamente a causa maior do desequilíbrio crónico dos orçamentos de Portugal: a existência de mais de 6 milhões de pessoas que vivem de subsídios ou de ordenados da função pública, cativando assim perto de 87% de todas as receitas do Estado. Isto quer dizer que toda a margem orçamental à disposição de qualquer governo é de apenas 13%, ou seja, insuficiente e logo, passível apenas de ser reforçada com recurso a um aumento da carga fiscal.

Visto assim, parece inevitável que qualquer política séria e consistente de ajustamento orçamental tem que passar pela reducao da função pública e dos subsídios sociais. Mas terá mesmo que ser assim? A primeira falácia destes economistas está em que toda a despesa em vencimentos da Função Pública é irreprodutível, isto é, que nao produz riqueza. Isso, obviamente é falso. Se for tomado à letra, todos os setores de atividade indispensáveis à boa Administração da Res Publica, mas não lucrativos numa perspetiva economicista de curto prazo teriam que ser encerrados. E quem quer – a começar por Medina Carreira – viver numa Sociedade sem Polícia, sem Tribunais (por maus que sejam), nem Defesa? Se acabassemos com a Polícia e esta se tornasse numa rede de “seguranças privados” que apenas os ricos poderiam pagar como se poderia defender a propriedade e a vida de todos os cidadãos que nao conseguissem viver sob esse dispendioso guarda-chuva securitário? Se não existisse Justiça, como haveria Lei e sem Lei como se poderia viver sem anarquia? E como pode haver Democracia sem Saúde nem uma Educação gratuita e universal que dê a todos condições mínimas para poderem exercer as suas potencialidades como cidadãos úteis e geradores de riqueza? Todos os médicos e professores que permitem que estes cidadãos concretizem o seu pleno potencial são um “peso morto financeiro”, ou serão, pelo contrário, condições indispensáveis ao seu sucesso? Por tudo isto, e por muito mais que nao cabe aqui enumerar: cuidado com os discursos meramente economicistas de Medina Carreira…

Categories: Economia, Política Nacional, Portugal | 12 comentários

O novo submarino russo Project 885, o “Severodvinsk” será provavelmente o único da sua classe

Submarino Project 885, o “Severodvinsk”

Submarino Project 885, o “Severodvinsk”

O primeiro submarino da classe Project 885, o “Severodvinsk” arrisca-se a ser o primeiro e… único navio da sua classe. Os elevados custos de cada submarino, dito de “4ª geração” são tão elevados que a Rússia, simplesmente, não os pode custear.

Todo o projeto foi alvo de severos atrasos, tendo a construção deste submarino agora finalmente entregue à Marinha Russa começado já em 1993 no estaleiro de Sevmach em Severodvinsk, onde o navio esteve praticamente parado durante anos, sempre por dificuldades financeiras. Compreensíveis, já que se estima que cada 885 custe mais de um bilião de dólares e a Rússia já não tem os mesmos recursos que tinha a União Soviética…

É assim muito provável que a Rússia procure agora desenvolver um modelo de submarino menos sofisticado e mais económico a partir da já existente Yasen (Graney), capazes de lançar um amplo leque de 24 mísseis de cruzeiro, com cargas nucleares ou convencionais, para além de oito tubos lança-torpedos e colocadores de minas.

Fonte:
http://www.defpro.com/news/details/16087/

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: | 2 comentários

O Google Car apanhava(apanha?) passwords e mails das redes abertas…

Já viu alguma vez um daqueles carros citadinos que a Google usa para recolher imagens para o Google Street View? Se não viu, então é porque não está atento ou porque não vive numa grande cidade. Eles são ubíquos e percorrem com relativa regularidade as principais artérias das grandes cidades, captando imagens de 360º e, sabe-se agora, muito mais… Segundo a própria empresa norte-americana os carros teriam recolhido “acidentalmente” dados de redes WiFi abertas.

Ora quando a comissão de proteção de dados francesa viu esses dados descobriu que além de captar dados sobre redes WiFI abertas (o que é relativamente inócuo, já que todos o fazemos se caminharmos numa grande artéria lisboeta, com um telemóvel que suporte WiFi), gravou também palavras-chaves de correio eletrónico e segmentos de mensagens de eletrónico das redes que encontrou! Com que objetivo foram recolhidos estes elementos? Para serem entregues a alguém fora da Google?… Tipo a NSA ou o governo norte-americano? E mesmo se não fosse, se este via NSA ou Tribunais requeresse estes dados, não seria a Google obrigada a cedê-los?

Fonte:
http://www.gizmodo.com.br/conteudo/dados-wi-fi-capturados-pelos-carros-do-google-street-view-incluiam-senhas

Categories: Informática, Política Internacional, Sociedade | 2 comentários

A DARPA quer saber o que pensamos para… saber o que vamos fazer a seguir (Projeto SMITE)

DARPA (tf.nist.gov)

DARPA (tf.nist.gov)

Nos Estados Unidos, um projeto da DARPA – A entidade federal que rege os projetos de investigação militares – está a trabalhar num projeto chamado SMITE ou “Suspected Malicious Insider Threat Elimination”.

Aparentemente, parece tratar-se de criar uma base dados de ações que correspondam a um “comportamento malicioso”, nomeadamente… espionagem ou terrorismo. A ideia é assim detectar comportamentos perigosos antes mesmo deles terem lugar. É claro que um tal projeto coloca toda uma série de questões… Desde logo, porque pressupõe uma recolha massiva de dados – de vários tipos e origens – sobre a vida de todos os cidadãos de uma sociedade, ou seja, uma sociedade intensamente vigiada e escutada, bem ao género dos regimes autoritários da China e do Irão, mas (supostamente) inadequada a uma sociedade democrática como a dos Estados Unidos.

Há também outro factor ético a ter em conta no projeto SMITE: Como impedir que os dados e a projeções comportamentais assim recolhidas não seriam usadas para fins diversos aos inicialmente previstos? Por um Governo sem escrupúlos para perseguir opositores, para antecipar ações de partidos na oposição, em suma, para se eternizar no Poder através de uma rede secreta, neomaçónica, de manipulação dos Media e em conluio com os grandes grupos económicos? Soa-lhe familiar? Espero que sim, porque é já isto que se passa hoje na maioria das Democracias Ocidentais e em Portugal com o Rotativismo do Bipartido PS-PSD.

Fonte:
http://www.engadget.com/2010/05/23/darpa-program-will-detect-your-anomalous-behavior-eliminate-you/

Categories: DefenseNewsPt, Informática, Política Internacional | Etiquetas: , | 8 comentários

O revolucionário projeto espacial alemão Shefex II

O Centro Aeroespacial Alemão está a trabalhar no projeto Shefex II (SHarp Edge Flight EXperiment) que visa responder de forma original, mas económica e eficiente a um dos maiores problemas da astronáutica: a reentrada das naves espaciais pela atmosfera terrestre.

O projeto Shefex II consiste num veículo estreito e muito angular com arrefecimento ativo do seu escudo de calor. Um modelo à escala foi testado num túnel de vento em Gottingen e no começo do ano que vem o veículo será lançado para o Espaço na Austrália. Este protótipo não foi desenvolvido no quadro da Agência Espacial Europeia (ESA) sendo, pelo contrário, um projeto totalmente financiado pelo governo alemão.

O veículo está completamente automatizado e a sua forma angular permitir-lhe-á entrar na atmosfera submetendo o seu escudo de calor a menores temperaturas do que aquelas a que tem resistir o Space Shuttle mas sem ter a sua complexidade uma vez que não tem nada da complexidade induzida pela manutenção e regular substituição dos mais de 25 mil tijolos térmicos já que o Shefex possuí um sistema ativo de refrigeração em que o gás quente flui através dos poros dos tijolos térmicos, arrefecendo e regressando depois à sua superfície, a uma temperatura já mais reduzida. Desta forma se forma se cria uma camada protectora de ar menos quente que o ar exterior. Esta tecnologia não é nova. De facto, foi descoberta em Peenemunde e usada nas V-2. A tecnologia está hoje na base da refrigeração de todos os motores de foguete e sem ela estes derreter-se-íam, mas esta aplicação é nova e pode inovar radicalmente no setor espacial.

Curiosamente, este revolucionário e promissor engenho será lançado por um foguete brasileiro S30, nos céus da Austrália. O Shefex II mede 12.6 metros e tem pequenas asas canards, que lhe permitem obter uma certa manobrabilidade. O veículo será capaz de alcançar uma altitude de 200 km após o que reentrará na atmosfera, altura em que os seus inovadores sistemas de reentrada serão postos à prova. A cápsula será depois ejetada e aterrará por meio de um paraquedas de forma a que o protótipo possa ser analisado.

Fontes:
http://www.space-travel.com/reports/DLR_Tests_New_Sharp_Edged_Spacecraft_999.html
http://www.dlr.de/bk/en/desktopdefault.aspx/tabid-4519/7395_read-10112/
http://www.springerlink.com/content/70107042v7925754/

Categories: SpaceNewsPt | Etiquetas: | 3 comentários

Fernando Nobre: Devia haver “discriminação positiva” a favor “dos cidadãos que estejam social e economicamente mais fragilizados”

Recentemente, o Dr Fernando Nobre apelou à existência de uma “discriminação positiva” a favor daqueles cidad?os que estejam social e economicamente mais fragilizados. Esta “discriminação” deveria ser capaz de os proteger contra as medidas de austeridade que se abateram sobre todos, nas com especialmente incidência sobre aqueles que nada têm.

Não pode haver dúvidas de que a maioria das ditas “medidas de austeridade” recaíram sobre não quem as pode pagar, mas contra quem menos poder tem para se defender delas. Os desempregados, as famílias numerosas, os trabalhadores e assalariados foram assim rapidamente imolados num altar onde os impostos dos banqueiros, as transacções milionárias dos Especuladores e as grandes fortunas continuam virgens. Este governo – como tantos outros antes dele do bipartido ps-psd – optou por fazer assentar sobre os mais fracos o essencial do esforço de contenção orçamental.

Fernando Nobre sugere que todos os que recebem menos de 700 euros por mês deveriam ter ficado além deste denso aumento da carga fiscal. Tal sugestão implicava que o aumento do IVA – uma medida que se abate sobre todos, mas com especial incidência sobre os mais pobres – não devia ter sido decidido. Pelo contrário, teria feito muito mais sentido reforçar os impostos nos últimos escalões do IRS, nas transações financeiras (taxa tobim), na Banca (acabando com a imoral taxa máxima de 15%) e criando um imposto especial sobre as grandes fortunas e patrimónios.

Fonte:
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1569432

Categories: Fernando Nobre, Política Nacional, Portugal, Sociedade Portuguesa | Deixe um comentário

Um robot humanóide caminhando na Lua?

Uma empresa japonesa, a SOHLA ou “Space Oriented Higashiosaka Leading Association” está a ultimar planos para enviar um robot humanóide, de duas pernas para a Lua até 2015. O robot custará cerca de 10,5 milhões de dólares e será batizado de “Maido-kun” e está a ser desenvolvido pela agência espacial japonesa (JAXA) e pela SOHLA.

A forma do robot poderá não ser a melhor, já que não é sem razão que todos os rovers já enviados e a enviar para a Lua e para Marte andarão sobre rodas… Mas que será espectacular ver um robot humanóide na Lua, isso será!

Fonte:
http://www.engadget.com/2010/04/29/japan-sending-humanoid-robot-to-the-moon-by-2015/

Categories: SpaceNewsPt | Etiquetas: | Deixe um comentário

Quids S20: Que filme é este?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 10 comentários

Mais um adiamento com a central nuclear EPR de Olkiluoto

Reactor 3 da Central Nuclear EPR de Olkiluoto (http://weblog.greenpeace.org/makingwaves/archives/2009/09/areva_nuclear_asskicking.html#more)

Reactor 3 da Central Nuclear EPR de Olkiluoto (http://weblog.greenpeace.org)

Os problemas com a construção da central nuclear finlandesa de última geração não param. A construção da central de Olkiluoto foi entregue ao gigante francês do ramo, a Areva.

A central – com a inovadora tecnologia EPR da Areva – deverá agora entrar apenas em serviço a partir de finais de 2012. Isto representa um novo atraso de seis meses em relação à última data conhecida… Especialmente preocupante quando se sabe que inicialmente se pensava que a central devia entrar ao serviço em meados de 2009!

A central de Olkiluoto será (quando finalmente entrar em funcionamento) a primeira usando a tecnologia de Terceira Geração EPR “European Pressurised Reactor”. A Areva está a construir outro EPR em França, que deverá estar operacional em 2013 e mais outros dois na China, que deverão estar também a funcionar em 2013 e 2014. Isto se não tiverem os mesmos atrasos (fundamentalmente com os sistemas de tubagens) da central finlandesa… E se as críticas dos ambientalistas não se confirmarem (como a Greenpeace) quanto à falta de redundância de alguns dos sistemas da central, algo que pode ter consequências dramáticas num acidente…

Fonte:
http://www.nuclearpowerdaily.com/reports/Areva_postpones_start_of_Finnish_nuclear_reactor_999.html
http://en.wikipedia.org/wiki/Olkiluoto_Nuclear_Power_Plant

Categories: Ciência e Tecnologia | Deixe um comentário

Quids S20: Que arma é esta?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 8 comentários

O Brasil vai recomeçar a construção do reator nuclear Angra III

A empresa brasileira Electronuclear arrancou recentemente com os trabalhos de construção de um terceiro reator para a Central Nuclear de Angra dos Reis. Este terceiro reator estava no papel desde há 24 anos, mas somente agora, por impulso do governo federal é que a sua construção começou.

O custo total da construção de Angra III deverá ascender a mais de 4,9 biliões de dólares. A construção deverá terminar em 2015. Uma vez construído, o novo reator será capaz de produzir até 1405 megawatts de energia elétrica.

Além de Angra III, o Brasil pretende também construir 8 novas centrais nucleares durante os próximos vinte anos.

O nuclear entra assim como uma fonte estrategicamente importante de energia, fornecendo uma parcela mais importante dos consumos crescentes de um país em desenvolvimento acelerado e sustentado. Atualmente, 85% da energia brasileira é de origem hidroelétrica e apenas 5% de origem nuclear, um desiquilíbrio que este ambicioso plano irá alterar significativamente.

Temos as nossas reservas quanto à Energia Nuclear, mas somos defensores moderados e cuidadosos da adopção do Nuclear Civil… Sem dúvida que as consequências de um acidente nuclear são tremendas e que mesmo os sistemas mais seguros e redundantes podem falhar… mas num país de necessidades energéticas crescentes – como o ,Brasil – e desde que se assegurem o cumprimento estrito de todas as medidas de segurança, teremos o direito de negar o recurso à Energia Nuclear e ao baixo custo por watt e nulas emissões de CO2 que implica? O maior risco do Nuclear nao reside na construção de novas (e modernas) centrais…. reside na sua militarização e, sobretudo, nas dezenas de reatores nucleares obsoletos (alguns com mais de 40 anos) que ainda hoje estão em funcionamento um pouco por todo o mundo.

Fonte:
http://www.nuclearpowerdaily.com/reports/Work_starts_on_Brazils_third_nuclear_reactor_999.html

Categories: Ciência e Tecnologia, Ecologia, Economia | Etiquetas: | 44 comentários

Quids S20: Como se chamam estes dois?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 7 comentários

Descobertas reservas minerais no Afeganistão superiores a 1 trilião de dólares

Uma equipa de geólogos norte-americanos descobriu, no Afeganistão, grandes reservas de ferro, cobre, cobalto, ouro e lítio. No total, as reservas agora localizadas poderão representar mais de um trilião de dólares… Entre todos os minerais descobertos, o lítio é o mais importante, quer porque é uma matéria-prima essencial para a indústria de informação e dos telemóveis. A quantidade de lítio é tão grande que uma fonte do Pentágono afirmou que o Afeganistão se poderia tornar na “Arábia Saudita do Lítio”.

Atualmente, o PIBdo Afeganistão é de apenas 12 biliões de dólares, estas reservar superiores a 1 trilião de dólares poderão ter um grande impacto na economia do país. De maior exportador mundial de ópio, o país pode tornar-se num dos maiores exportadores de alguns dos minérios mais procurados no planeta. A riqueza assim gerada pode afastar muito da cultura e venda de ópio e trazer prosperidade onde hoje há apenas miséria e bases de recrutamento para os extremistas islâmicos.

Para que a mineração assuma este papel central na economia afegã há ainda que estabelecer a paz, contratos de exploração que favoreçam efetivamente o povo afegão e não apenas algumas élites corruptas. Mas pelo menos há agora condições para um efetivo e sustentado desenvolvimento de um dos países mais pobres e mais mal governados do mundo. Assim para a continuada presença do exercito dos EUA neste país…

Fonte:
http://news.slashdot.org/story/10/06/14/0652217/1-Trillion-In-Minerals-Found-In-Afghanistan?from=rss&utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+Slashdot/slashdot+(Slashdot)

Categories: DefenseNewsPt, Economia | Etiquetas: | 3 comentários

A vela solar da sonda japonesa IKAROS foi aberta com sucesso

Vela solar da sonda IKAROS japonesa (http://www.sail-world.com)

Vela solar da sonda IKAROS japonesa (http://www.sail-world.com)

A primeira vela solar foi aberta no Espaço. Dando um bom sinal dos tempos, tal feito não foi feito nem por uma sonda norte-americana, nem russa ou europeia, mas por uma sonda espacial japonesa.

A vela solar foi instalada na sonda IKAROS da agência espacial japonesa (JAXA). A tecnologia tem um enorme potencial, especialmente para voos nos planetas interiores (Vénus e Mercúrio) porque é aqui que o vento solar é mais intenso. Uma vela solar dispensa o uso de combustível, pelo que pode aumentar radicalmente o raio de ação de uma sonda interplanetária.

Mas construir uma vela solar é um desafio técnico monumental… uma das maiores dificuldades é abri-la no vácuo do Espaço e sem gravidade e o facto de os japoneses o terem conseguido fazer foi já um feito notável e que denota o elevado grau de maturidade do programa espacial nipónico. O método seguido com sucesso consistiu na geração de uma força centrífuga colocando a sonda em rotação e lançando assim a vela com as suas minúsculoas 0.0003 polegadas de espessura.

Tudo aponta para que estejamos na antecâmara de uma nova era na exploração espacial: naves mais baratas, com maior alcance e com mais espaço para instrumentos de comunicações e de pesquisa. Mas terão elas as bandeiras das atuais potencias espaciais ou de outras? O facto da IKARUS ser japonesa parece apontar para a segunda possibilidade…

Fonte:
http://inhabitat.com/2010/06/10/japanese-spacecraft-successfully-deploys-first-solar-sail-in-space/

Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: | 2 comentários

Quids S20: Em que Estado dos EUA foi tirada esta fotografia?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 6 comentários

Fernando Nobre: “Nunca fiz parte do sistema”

Fernando Nobre (http://5dias.net)

Fernando Nobre (http://5dias.net)

Portugal vive atualmente a maior crise das últimas décadas e, provavelmente, dos últimos cem anos. Perante tal situação é imperativo que ocorra alguma renovação na classe política. Nobre, ao explicar porque é que se decidira a encetar uma intervenção política de primeira linha, precisamente nas Presidenciais de 2011 explicou que “neste momento da nossa crise nacional, eu tinha deveres para com Portugal”. Foi por um “imperativo de cidadania” (a expressão é sua) que decidiu avançar agora, porque a gravidade da situação do país é de tal modo grave que todos devemos dar o nosso melhor para a ultrapassar, de forma a que Portugal possa vencer estes ataques que os Especuladores lançam sobre si e que se possam corrigir os numerosos erros que a partidocracia cometeu nos últimos 20 anos.

E só Nobre pode realmente alegar não ter responsabilidades na situação atual. Quer Cavaco (Primeiro-ministro em vários governos e agora Presidente), quer Alegre (deputado e ex-vice presidente do Parlamento) são parte do Problema, não da solução. Enquanto um e outro, por ação ou por inação, arruinavam o país, Fernando Nobre fundava a AMI, salvava vidas um pouco por todo o mundo e servia de embaixador de uma forma muito mais eloquente do que qualquer burocracia diplomática

Como resume Nobre: se queremos continuar como estamos “vão ter com os candidatos do sistema: votem neles”, continuem a acreditar no mito da separacao Esquerda-Direita e escolham um dos candidatos promovidos e escudados pelos aparelhos partidários tradicionais. Só assim haverá a certeza que após estas eleições tudo fica fundamentalmente na mesma. Para grande gáudio dos Federalistas Europeus e dos Iberistas de Madrid e para grande risco de Portugal.

Fonte:
http://www.publico.pt/Pol%EDtica/fernando-nobre-salienta-que-se-distingue-por-nunca-ter-feito-parte-do-sistema_1440721

Categories: Fernando Nobre, Política Nacional | Deixe um comentário

Fernando Nobre: “Não estou minimamente preocupado com o apoio do PS ao doutor Manuel Alegre”

Fernando Nobre (http://estb.msn.com)

Fernando Nobre (http://estb.msn.com)

Quando o Dr. Fernando Nobre diz que “Não estou minimamente preocupado com o apoio do PS ao doutor Manuel Alegre” toca com o dedo na ferida: Este apoio que o PS socrático deu a Manuel Alegre não vai impedir que muitos militantes socialistas votem em Fernando Nobre, nem que a votação de Alegre seja pouco mais do que uma sombra daquilo que foi em 2006. Um pouco por todo o país, são vários os presidentes de câmara – eleitos nas listas do PS – que já expressaram o seu apoio a Fernando Nobre e o seu desagrado em relação à candidatura de Manuel Alegre. Idêntico exemplo foi seguido por muitas estruturas concelhias e “coordenadores de juventudes socialistas”, nas palavras do próprio Fernando Nobre.

Temos a certeza de que o descontentamento surdo que está hoje genericamente disseminado um pouco por toda a sociedade portuguesa e que se fazia já sentir em 2006 e que aliás explicou grande parte dos votos então reunidos por Alegre poderá hoje ser capitalizado pela candidatura de Fernando Nobre e que pela tripla via do seu ego inflacionado, retórica vazia e ziguezagues políticos, Alegre já malbaratou.

Alguns insistem contudo em ver na candidatura de Nobre um “sopro” de Mário Soares, tornando o presidente da AMI num mero joguete de uma vingançazinha soárica contra Alegre. No seu devido tempo, tive ocasiao de colocar esta mesma questão – pessoalmente e de viva voz – ao próprio Fernando Nobre. Nobre asseverou-me que não, que não avançou com a sua candidatura DEPOIS de Mário Soares o ter sugerido, mas ANTES de ter falado com Soares e falando com o antigo Presidente da República pouco depois de ter falado como outro (Ramalho Eanes) e de ter consultado outros seus amigos. Ou Nobre me mentiu descaradamente e de olhos nos olhos e, logo, é um grandíssimo mentiroso e um excelente ator ou é sincero e honesto. Como nada na sua relação passada (contactos no âmbito MIL-AMI) e no seu percurso de vida o dão como mentiroso, então sinto que devo acreditar em Nobre e não naqueles que dizem que ele é apenas uma marioneta de Soares.

Dito isto, nada há a admirar se Soares ficar contente ou se mesmo apoiar publicamente Fernando Nobre. Pelo que tenho ouvido na rua, nas Bancas de Recolha de Assinaturas onde tenho estado presente, tal apoio poderá até ser mais negativo para a campanha de Nobre, do que positivo, mas, como diz o próprio Fernando Nobre, Soares é “um dos poucos estadistas que Portugal teve no pós 25 de Abril” algo que é especial raro numa atualidade plena de líderes fracos, sem visão e imersos numa miríade de problemas éticos e judiciais.

Fontes:
http://sol.sapo.pt/PaginaInicial/Politica/Interior.aspx?content_id=174254
http://www.fernandonobre.org/

Categories: Fernando Nobre, Política Nacional, Portugal | Deixe um comentário

Quids S20: Onde fica esta sala?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 7 comentários

Cavaco Silva: Sobre a sua ausência (enquanto Presidente da República) nas cerimónia fúnebres de José Saramago

Como escrevia a 21 de junho Daniel Oliveira: “Ao faltar ao funeral de José Saramago, o Presidente da República mostrou que põe o cidadão Aníbal e o político Cavaco acima do cargo que ocupa. Mostrou ser demasiado pequeno para representar o País.”

Não há dúvidas que os dois cidadãos, José Saramago e Cavaco Silva nunca foram amigos. Não há também dúvidas de que nunca se moveram pelas mesmas áreas políticas ou mentais. De resto, à sofisticação mental de Saramago correspondeu sempre um certo primarismo grunho de Cavaco, numa contraposição entre “progressismo comunista” (SIC) e “rigor salazarento” (SIC) que nunca poderia ter aproximado estes dois personagens.

Não nos esqueçamos, de resto, que a principal razão que levou Saramago a buscar sair do país, foi precisamente o apoio público e pessoal prestado pelo então Primeiro Ministro Cavaco Silva a um dos mais obscuros secretários de Estado de sempre, um tal de Sousa Lara. Saramago, abandonou Portugal, amargurado e passou desde então a residir em Espanha (Lanzarote) e adoptar atitudes cada vez mais pró-Espanholas e iberistas, indo inclusivamente ao ponto de se recusar a falar português na Galiza (onde seriam entendido na perfeição) e a optar falar aí… inglês, para grande espanto dos representantes da intelectualidade galega nessa visita, em 2009.

Perante tal situação de antagonismo Cavaco Silva sairia sempre perdedor se tivesse “o azar” de Saramago vir a falecer durante a sua Presidência. Vindo às cerimónias poderia ser acusado (justamente) de hipocrisia, já que foi ele, no essencial, o responsável pelo exílio voluntário do escritos e único prémio nobel da literatura português. Não vindo, seria acusado de falta de sentido de Estado e de respeito por uma das figuras mais gradas e mundialmente conhecidas de Portugal.

Enredado num dilema criado pela sua própria boçalidade e incapacidade intelectual, Cavaco sabia (ou sabia, porque lhe diziam os seus assessores) que de uma forma ou de outra sairia perdedor, e que só lhe restava esperar que Saramago viesse a falecer tão longe das eleições de janeiro quanto o possível, de forma a atenuar na mente dos portugueses a sua desastrada e indigna conduta enquanto Chefe de Estado. Teve sorte, Cavaco… José Saramago veio a falecer em Junho, em pleno Mundial de Futebol, e num mundo onde as notícias são tão rápidas e o ciclo noticioso tão instável, a notícia da sua ausência das cerimónias fúnebres do maior e mais reconhecido escritor português da atualidade será rapidamente esquecida.

Mas Cavaco Silva é mais do que um ex-Primeiro Ministro (receba ou não essa reforma, algo que ainda se está para ver…). Cavaco Silva é hoje muito mais do que o antigo Primeiro Ministro. O povo português elegeu-o (à primeira volta!) como supremo magistrado da Nação, como Presidente da República e nessa função, Cavaco torna-se responsável já não pelo seu partido nem pela sua memória ou passados pessoais, mas pela figura do Estado que passa a representar. Não teve contudo, o atual Presidente, essa hombridade, essa capacidade de Perdão, nem sequer o sentido de Estado suficientes para deixar para trás essas querelas, deixar bem claro (como Rajoy, em Espanha) que estavam todas ultrapassadas, agora que Saramago tinha partido e que respeitava (pelo menos) o Homem de Letras e o insigne Lusófono. Cavaco não demonstrou (de novo), neste episódio ter a estatura intelectual e moral que se exige para a função de Presidente da República e concedeu argumentos adicionais a todos aqueles que defendem que Portugal merece melhor representação do que aquela oferecida por um Homem que acumula reformas com ordenados num país à beira da Bancarrota, que promulga Decretos em que não acredita por argumentos “economicistas”, que usa viagens de Estado para fazer “turismo na Capadócia” e que agora, é incapaz de assumir a dignidade da função em que o povo o investiu e de suspender férias para prestar a derradeira homenagem ao português atualmente mais reconhecido e admirado por todo o mundo.

Fonte:
http://aeiou.expresso.pt/o-anibal-o-cavaco-e-o-presidente=f589290

Categories: Livros, Política Nacional, Portugal | Etiquetas: | 5 comentários

Quids S20: Como se chama este clube?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S20 | 3 comentários

Resposta a um artigo de Camilo Mortágua sobre a candidatura de Fernando Nobre

Camilo Mortágua e Manuel Alegre (http://dn.sapo.pt)

Camilo Mortágua e Manuel Alegre (http://dn.sapo.pt)

Camilo Mortágua, fez publicar no site de apoio à candidatura presidencial de Manuel Alegre um texto sobre Fernando Nobre que iremos agora comentar.

“Apreciava o homem de sensibilidade solidária e vocação universalista. Sempre apreciei a sua capacidade para levar a solidariedade de Portugal aos mais longínquos e trágicos lugares do mundo, (hoje interrogo-me se este homem não está sendo obrigado a pagar a factura dos apoios concedidos para o seu protagonismo na execução de tão meritórias tarefas).”

Senhor Mortágua, se apreciava sinceramente Fernando Nobre pela sua “sensibilidade solidária e vocação universalista” não há razão para parar de o admirar, porque o passado do médico da AMI não se evaporou apenas porque decidiu apoiar um candidato diferente daquele que é – para o bem e para o mal – o seu.

“A surpresa do seu salto da causa humanitária para a disputa política, nas condições objectivas em que acontece, a isso me impelem.”

A sua surpresa é compreensível, caro Camilo Mortágua. Todos foram surpreendidos, a começar por mim próprio – antigo eleitor de Manuel Alegre – e entre todos, os partidos em especial e o próprio Alegre que julgava já seus todos os votos da Esquerda. Mas afinal os votos da tradicional “maioria de esquerda” portuguesa não eram propriedade de Alegre e assim se compreende melhor a frustração dos seus apoiantes… os votos dos portugueses não são de ninguém. São de quem souber provar os cidadãos que está em melhores condicões para os representar, independentemente do decreto de qualquer partidocracia ou de qualquer expressão de voto tida em 2006.

“Respeitando inteiramente o seu direito a tomar essa decisão, sinto a necessidade de dar voz ao meu lamento, repito, não porque não tenha ele o pleno direito a candidatar-se, mas porque o contexto em que o faz, em minha opinião, afecta irremediavelmente a dimensão ética da sua imagem.”

Em que é que a expressão livre, de cidadania e de cumprimento de um direito cívico aberto a qualquer português pode afectar a “dimensão ética” da imagem de Fernando Nobre? Perde-se a ética porque se avança para a política, Camilo? E se assim é, o que dizer então do seu alegre candidato, que nunca teve um emprego na vida que não fosse na política?

“Prestar-se a ser muleta dos falcões do PS.”

Uma coisa é descer baixo. Outra coisa é enterrar-se na lama. E esta última foi efetivamente a opção aqui seguida. Desde logo porque insulta uma das pessoas que pelo seu passado humanista e humanitário mais respeito merece em Portugal e depois, porque presume que os “falcões” do PS são os “soaristas”, quando na verdade estes são os “socráticos” como se viu pelo efeito de eco provocado pela ordem de apoio à candidatura de Alegre dada pelo primeiro-ministro.

“para potenciar a eleição de Cavaco Silva em”

já cá faltava o argumento do “divisionismo”… para recorrer ao mesmo é preciso ter mesmo muita desfaçatez ou uma memória muito curta ou seletiva. Nas últimas presidenciais, Alegre dividiu o voto do PS com Soares. Mas disto, Camilo Mortágua ja não se deve lembrar…

“detrimento de um candidato que no plano ético, moral e cívico, e como defensor dos valores fundamentais duma esquerda de princípios e não de negócios”

e de uma Esquerda que na vida, nunca trabalhou e que recebe uma reforma duvidosa da RDP. São estes os princípios de Esquerda a que aqui se aludem?

“confirmar a sua condição de cata-vento ideológico, namorador da direita à esquerda, tendo por única convicção coerente a de querer ser guindado ao poder”

um discurso tão rasteiro e ignóbil nunca devia ter sido permitido sobreviver mais do que alguns segundos no site oficial de Manuel Alegre. Mas foi, sinal que é nestas águas tortuosas que navega a campanha alegrista. Além do mais: “cata-vento”? E Alegre que ora chama Sócrates de “inquisidor”, ora o abraça e pede punjentemente pelo seuo apoiozinho? Pelo contrário, Nobre nunca saiu a favor ou contra o seu próprio partido (não o tem) e nunca assentou lugar no Parlamento durante décadas, entre colegas de um partido contra quem lançava cobras e lagartos.

“O Senhor Dr. Fernando, só tornará a ser NOBRE credível e digno de confiança política, quando assumir publica e frontalmente, que a sua acção é um acto (espero que mal sucedido) que visa impedir a eleição de um candidato de esquerda à Presidência da Republica”

Segundo este “brilhante” e sectário raciocínio, qualquer candidato que se atreva a violar o sacrossanto monopólio da vida política e cívica detido pelos partidos é maléfico e, provavelmente, satânico. Todos aqueles que vindos da Esquerda e que se identifiquem com os seus valores fazem-no não porque estejam de boa fé, mas apenas para seguir as ordens de um qualquer “Papa mítico” do PS, Fazem-no não porque queiram exercer um direito cívico que é seu, não porque acreditam que o sistema político-partidário está bloqueado, mas apenas para incomodar o “dono” de todos os votos da Esquerda: Manuel Alegre. Pois bem, senhor Camilo. Lamento, mas Alegre não é dono do meu voto. Ele é meu, e boto-o onde quiser. E eu quero deitá-lo em Fernando Nobre. Por muito que isso irrito o Senhor de todos os votos da Esquerda. Azar. Ainda sou livre de votar onde quiser, assim como NOBRE também é de se candidatar, por muito que isso machuque o grande ego de Manuel Alegre.

Fonte:
http://www.micportugal.org/index.htm?no=22001854

Categories: Fernando Nobre, Política Nacional, Portugal | Etiquetas: | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade