Confirmado: A Gripe A é menos mortífera que a Gripe Sazonal

Apesar de todo o pânico induzido pela OMS e pelos Media, a troco de sabe-se lá o quê e em serviço das multinacionais farmacêuticas, eis que afinal a montanha pariu um rato: a Gripe A é menos mortífera que a Gripe Sazonal! Durante o pico da Sazonal, de 2008/2009, em Portugal registaram-se 1960 falecimentos ligados a esta forma de gripe. Isto significa que a Gripe E se revelou uma doença ligeira, ainda que capaz de afetar escalões etários mais novos que a gripe sazonal.

O vírus da Gripe A também se viria a revelar muito mais estável do que pensava e anunciava a OMS, não ocorrendo qualquer mutação conhecida, que fosse capaz de aumentar a sua letalidade ou que inutilizasse as vacinas cujas encomendas massivas se acabaram por revelarem serem muito exageradas.

Em suma: a OMS falhou em toda a linha. O vírus da Gripe A pouco mais foi do que um pânico mundial que enriqueceu (muito) as farmacêuticas e empobreceu os Estados que compraram antivirais ineficientes como o Tamiflu ou vacinas de reduzido valor clínico. O vírus beneficiou muito os media (que venderam papel como nunca e que tudo fizeram para instalar o pânico) e ainda mais as multinacionais farmacêuticas. De permeio, a OMS ganhou uma visibilidade nova, mas agora… Nunca mais será levada a sério. Porque tantas vezes grita Pedro que “lá vem o lobo”, que quando ele vier… Quem o ouvirá? E neste caso, o lobo bem que pode vir com a pele de uma ave… Já que a Gripe Aviária (muito letal entre as aves) continua a poder mutar de forma a poder infetar hospedeiros humanos.

Fonte:
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1487349

Categories: Ciência e Tecnologia, Saúde | Etiquetas: | 5 comentários

Navegação de artigos

5 thoughts on “Confirmado: A Gripe A é menos mortífera que a Gripe Sazonal

  1. Rui Montenegro

    A gripe A foi sobretudo um excelente negócio para as multinacionais farmacêuticas produtoras da vacina.
    Estranho é que a OMS tenha embarcado neste negócio. Mas por outro lado, pode não ser tão estranho assim, se pensármos nos interesses e testas de ferro de uma industria tão poderosa como é o caso da farmacêutica.
    Veja-se quem são os laboratórios produtores da dita vacina e está tudo dito!

  2. estranho não… aposto que se seguissem a carreira dos médicos que passam pela OMS veriam que ela termina em conselhos de administração de muitas farmacêuticas…

  3. Sim, é um facto…
    Não se percebe ainda porque motivo a OMS não retirou o grau de alerta 6, correspondente a Pandemia!
    Mais, a vacina da Gripe A será administrada no próximo ano conjuntamente com a gripe sazonal.
    O que mais estará para vir nestes dias deprimentes?

  4. porque tal não conviria ao pânico que alimentou e que tanto serviu os interesses desses lobbies…

  5. Ana

    Penso que tudo isso foi jogada para arrecadar muito dinheiro com vacinas e com medicações, como o Tamiflu; por q não existe similar ou genérico do mesmo??
    Pode ser ignorância minha, pensar assim…
    Mas também penso que a gripe A matou mais pessoas do que foi notificado; Muitas pessoas morreram de pneumonia; pessoas jovens, que coletaram o exame, e morreram antes de vir o resultado… no inverno de 2009, o exame , principalmente no RS, demorava quase 30 dias para vir o resultado, devido ao acúmulo de solicitações, e faltava material para a coleta também, tanto que restringiram bastante as coletas…só coletavam de pessoas internadas em hospital em estado grave!
    Muitas pessoas morreram sem ter o diagnóstico confirmado;
    muitas pessoas jovens morreram de pneumonia! Pneumonia viral!!
    e aí??
    Essa é a realidade!

Deixe uma Resposta para Clavis Prophetarum Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: