F/A-18E/F Super Hornet: Uma resenha sumária

Para muitos o Super Hornet é o melhor caça do mundo… Algo que resulta mais do se custo unitário, do que das suas características “brutas” e sobretudo porque se tornou a peça fundamental da força aérea embarcada e porque tem permitido colmatar a fraca disponibilidade de Raptors na USAF.

O avião tem a capacidade de funcionar em rede (ao contrário do Raptor) incluindo um Link 16 Datalink e um aumento de capacidade em relação ao Hornet original de um maior raio de ação resultante de depósitos 33% maiores. Por isso o avião é mais longo e largo de asas. Foram também instalados mais dois suportes para armamento, que agora são um total de 11.

O avião utiliza uma turbina General Electric F414-GE-400, uma variante do F404.

O primeiro Block II foi entregue em setembro de 2003 com uma parte frontal redesenhada e mudanças necessárias para que pudesse acolher o radar Raytheon APG-79 AESA. Futuramente, todos os Super Hornet serão atualizados para o padrão Block II.

Em 2012, a US NAVY terá 493 Super Hornets e este será o ano em que a construção do aparelho será encerrada. Contudo, a Boeing propôs à US Navy a entrega de 170 novos aviões para que esta mantivesse a sua operacionalidade até à entrega dos F-35. Cada um destes aviões custaria apenas 49,9 milhões de dólares. A maior vantagem do avião, já que devido aos problemas com as turbinas F414 não ganhou boa reputação e que pela ausência de características stealth não é um verdadeiro aparelho de 4,5 geração…

Fonte:
Air Forces Monthly, outubro de 2009

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , | 3 comentários

Navegação de artigos

3 thoughts on “F/A-18E/F Super Hornet: Uma resenha sumária

  1. LuisM

    Apenas uam correção: o F-18E não é operado pela USAF mas sim pela US NAVY dado ser um avião de porta-aviões.

    Entre outros, este avião substitui os F-14, A7s e as primeiras versões do F-18 (F-18A) nos porta-aviões classe NIMITZ.

    Na USAF o velhinho F-16 continuará até entrar ao serviço o novo F-35 (JSF)

  2. é verdade. obrigado pela precisão, Luís.

  3. É querem q o BRASIL, comp´rem o velho F 18…de graça tá caro.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: