Daily Archives: 2010/02/03

Manuel Alegre. O sapo que se segue?

http://wehavekaosinthegarden.files.wordpress.com

Kaos... genial como sempre... (http://wehavekaosinthegarden.files.wordpress.com)

Agora que Manuel Alegre se tornou como a melhor alternativa possível a mais cinco anos de seráfico e imbecilizador Cavaquismo, importa refletir se Portugal precisa mais de Alegre do que de Cavaco.

O discurso de Alegre é oco. Todos o sabemos. Está recheado de alusões mais ou menos vagas à “República” e a uma “moral republicana”, anacrónica e descontextualizada, inócua e estéril. E provavelmente com a sua devida parte de contradições, como o degradante episódio da reforma de Manuel Alegre de 3219 euros em troca das suas funções de alguns meses na RDP de “coordenador de programas de texto”. É certo que Alegre faz parte dos quadros da rádio desde 1975, mas suspendeu a sua presença efetiva aqui, preferindo ocupar um lugar de deputado.

A reforma poderá ser “legal” e é certo também que Alegre optou por receber apenas um terço destes mais de 3 mil euros, acumulando-os contudo com o seu ordenado de deputado. Mas num país onde a maioria dos jovens licenciados tem salários precários de 500 euros e onde os adultos de mais de 40 anos estão a ficar cada vez mais desempregados, tais acumulações e reformas babilónicas não revelam uma fraca tessitura moral em alguém que fez da “ética republicana” o cerne do seu discurso político e a bandeira principal de uma alternativa ao Cavaquismo?

E contudo, perante o degradante espetáculo de ver o pior, mais inculto e ignorante Presidente de sempre renovar o seu mandato, teremos realmente alternativa senão votar neste oco e inconsequente Manuel Alegre?

Fonte:
http://www.publico.clix.pt/Política/manuel-alegre-reformado-com-tres-mil-euros-por-tres-meses-na-rdp_1265170

Anúncios
Categories: Política Nacional, Portugal, Sociedade Portuguesa | Etiquetas: | Deixe um comentário

Quids S18: Que filme é este e… onde está o “easter egg”?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S18 | 9 comentários

A Martifer avalia os recursos renováveis de Timor-Leste

Martifer
(Martifer)

A empresa portuguesa Martifer está a avaliar o potencial de Timor-Leste no que respeita à exploração local de energias renováveis, devendo este trabalho terminar já em maio de 2010.

As conclusões do trabalho da Martifer serão entregues ao governo timorense, havendo já conclusões preliminares que apontam para explorações potenciais nas áreas das energias hidroeléctricas, eólica, geotérmica, fotovoltaica, biogás e biomassa.

Há contudo dúvidas legítimas quanto à viabilidade da exploração de algumas destas energias e logo, da qualidade deste levantamento da Martifer, já que não há em Timor grandes rios para abastecerem barragens, nem atividade vulcânica para aquecer a água da geotermia e a eólica é prejudicada pelas numerosas montanhas do país… Resta assim a fotovoltaica, que de facto deverá ser uma boa aposta, embora seja de todas estas opções aquela que exige um maior investimento inicial, algo que numa grande escala dificilmente poderá estar ao alcance do empobrecido país… Em suma, esperemos pelo relatório final da Martifer e que as suas conclusões sejam reveladas na totalidade, já que os dados preliminares são, no mínimo… Demasiado otimistas!

Fonte:
http://aeiou.expresso.pt/timor-leste-martifer-avalia-potencial-em-energias-renovaveis=f550442

Categories: Ciência e Tecnologia, Ecologia, Lusofonia | Etiquetas: | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade