Foi descoberta uma cratera meteorítica ao largo dos Açores e… da ZEE portuguesa

Investigadores portugueses descobriram no fundo do Atlântico, não longe do arquipélago dos Açores uma depressão que terá criada por um impacto meteorítico. A cratera é circular, com seis km de largura e uma cúpula central.

A descoberta foi realizada pelos cientistas que trabalham para a “Estrutura de Missão para a Extensão de Plataforma Continental” que acrescentou que haveria a necessidade de aprofundar a descoberta, desde logo recolhendo amostras do local que deverão ser a próxima fase de trabalhos nesta região.

O estudo do fundo do “Mar Português” determinado pela Zona Económica Exclusiva é vital para a sua defesa e para a preparação do derradeiro último recurso que resta a Portugal. Talvez depois da Índia, do Brasil e de África, Portugal, país que nas sábias palavras de Eduardo Lourenço, sempre foi um país que foi um Império, do que um país que teve um Império (como França ou Inglaterra), talvez agora Portugal tenha que buscar nas riquezas ignotas do fundo do Atlântico uma nova via de Desenvolvimento e Prosperidade, como outrora foi o Ultramar. Importa assim em primeiro lugar, estudar e explorar cientificamente essas riquezas, erguer de seguida uma malha defensiva (naval e aérea) capaz de afirmar aqui a nossa soberania contra os predadores estrangeiros e – simultaneamente – combater as “anexações” e explorações que os europeus já executam hoje sobre a nossa ZEE. Para isso, importa rejeitar o Tratado de Lisboa (que efetivamente entrega à Europa a ZEE), criar instituições capazes e robustas de investigação oceanográfica e uma Marinha de Guerra capaz de defender esta ZEE. E de seguida, começar a erguer empresas privadas capazes de explorarem as riquezas submersas que podem constituir o mesmo tipo de prosperidade que os diamantes e o ouro do Brasil forneciam no século XVIII e a Pimenta do Oriente em meados do século XVI…

Fonte:
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=1451170

Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | 3 comentários

Navegação de artigos

3 thoughts on “Foi descoberta uma cratera meteorítica ao largo dos Açores e… da ZEE portuguesa

  1. Fenix

    Muito bom texto como sempre tenho que dizer ouro de outras nunca foi bem empregue espero que como os erros do passado se aprenda alguma coisa. Outra coisa cuidado porque se houver mesmo grandes riquesas os açores e a madeira vão pedir a independencia e ai tenho mais um grande problema.

  2. Pegasus

    Geralmente o deposito mineral decorrente de meteoros e meteoritos é rico em ferro e niquel, este ultimo, muito apreciado no comercio mundial, quem tem uma mina de niquel, esta bem, não nos esqueçamos que o deposito mais explorado do mundo, pelo que sei, é do Canada de procedencia de um meteoro que caiu aqui quase na formação da propria terra.

  3. é verdade. era para ter escrito também nessa vertente, mas acabou por me esquecer.
    bem observado.
    mais um argumento a favor da exploração da ZEE… com empresas e tecnologias nacionais.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: