Daily Archives: 2010/01/05

Relatório britânico sobre o acidente com um avião Nimrod: A RAF fez “outsourcing de pensamento”

Um relatório, produzido pelo governo britânico sobre o acidente fatal com o avião Nimrod XV230 que levou a vida aos seus 14 tripulantes em 26 de setembro de 2006 é extremamente crítico para com a política do Ministério da Defesa de aumentar o papel da indústria na manutenção e aprovisionamento dos serviços de suporte da RAF. Esta política está na base de sérias deficiências no suporte aos aviões da força aérea e está na razão do acidente investigado.

O relatório critica o desempenho das duas principais empresas que mantêm os Nimrod: a BAE Systems e a QinetiQ. A primeira terá produzido manuais de operação com “deficiências sérias” e a segunda falhou ao desempenhar o seu papel de supervisão da primeira. Demolidor, o relatório conclui que o grupo de projeto Nimrod do Ministério da Defesa britânico “foi desleixado e complacente e fez outsourcing ao raciocínio”. Que esta conclusão sirva de lição a todos aqueles que no setor da Defesa defendem o outsourcing massivo (a “mercenarização” dos exércitos) e até nas empresas privadas: deve-se realizar outsourcing para atender a picos de atividade ou a situações anómalas, mas nunca sem fazer “outsourcing de pensamento” ou de conhecimento, que devem ser sempre internos à organização, empresa privada, pública ou… RAF.

Fonte:
Air Forces Monthly, dezembro de 2009

Anúncios
Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , | 1 Comentário

Quids S17: Quem desenhou este “concept car”?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S17 | 12 comentários

Quids S17: Em que ano foi tirada esta fotografia?

Regras:

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados pela manhã. Entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos e correrão até que um nickname novo, num IP novo, chegue aos 100% ou se tendo passado mais de 48 horas, ao participante que recolher melhor classificação.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S17 | 3 comentários

A Rússia vende 20 MiG-29 Fulcrum SMT a Myanmar (Birmânia)

A Rússia vai entregar 20 aviões MiG-29 Fulcrum SMT a Myanmar em troca de 570 milhões de dólares. A força aérea de Myanmar opera atualmente 10 MiG-29B e 2 MiG-29UB (bilugares de treino) pelo que estes aviões terão uma manutenção simplificado representado ainda assim um notável incremento da capacidade da força aérea da ditadura militar birmanesa devido às capacidades de manobrabilidade do aparelho russo. Não sendo certo, é muito provável que os aparelhos vendidos sejam os mesmos que a Argélia recusou em 2007 por não estarem nos padrões de qualidade esperados…

O MiG-29SMT tem um alcance mais alargado do que qualquer versão anterior, resolvendo parcialmente um dos problema crónicos deste excelente caça russo, uma agilidade acrescida devido aos motores de jato orientado, mantêm os elevados padrões de manutenção de todos os caças MiG-29. Incorpora nova aviónica eletrónica, assim como um novo radar ZHUK-ME, miras no capacete e pode utilizar um extenso leque de armamento como os mísseis ar-ar RVV-AE, R-27ER1, R-27ET1, R-27R1, R-27T1, R-73E, os mísseis ar-superfície Kh-31A, Kh-31P, Kh-29T (TE), Kh-29L e as bombas KAB-500KR (OD), KAB-500L, mantendo sempre o canhão GSh-301 essencial para “dogfight“.

A compra enquadra-se num programa de modernização da força aérea de Myanmar que começou na década de 90 e que começou pela instalação de novos sistemas eletrónicos pela empresa israelita Elbit nos 36 aviões de origem chinesa F-7 e FT-7 permitindo-lhes usar o míssil Rafael Python Mk. II. Posteriormente, a China terá entregue à ditadura militar mais um esqueadrão de aparelhos F-7, mas estes não chegaram a ser atualizados pela Elbit.

No total, ainda que opere MiG-29, pelo que teoricamente até poderia ser uma força aérea com uma operacionalidade muito respeitável, a qualidade da força aérea é baixa, como ficou demonstrado pelo seu fraco desempenho durante as escaramuças da “Batalha do Posto Fronteiriço 9631” com a Tailândia.

Fontes:

http://aeiou.expresso.pt/armamento-russia-vai-fornecer-20-avioes-mig-29-a-birmania-imprensa=f554458
http://en.wikipedia.org/wiki/Myanmar_Air_Force
http://movv.org/2007/12/20/os-novos-desenvolvimentos-do-mig-29-fulcrum-o-mig-29-smt-e-o-mig-35/
http://en.wikipedia.org/wiki/Mikoyan_MiG-29SMT
http://www.acig.org/artman/publish/article_346.shtml

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , , | 2 comentários

Sobre a espiral luminosa que apareceu nos céus da Noruega a 9 de dezembro de 2009

Em 9 de dezembro de 2009, os habitantes do norte da Noruega foram surpreendidos pela aparição de uma gigantesca espiral luminosa. Estando a tais latitudes, não é raro observarem Auroras Boreais tão espantosas como esta:

Mas o que observaram a 9 de dezembro foi muito mais invulgar. As imagens são tão espantosas que parecem digitalmente manipuladas, mas existem múltiplas fotografias e filmes, captados por várias testemunhas que contradizem essa possibilidade. Algumas testemunhas referiram que o fenómeno começou por aparentar-se a uma Aurora Boreal comum de cor predominantemente verde, com uma espiral rotativa numa extremidade, mas depois, cresceu até se tornar num grande halo luminoso, tocando o solo, numa das suas extremidades. O fenómeno foi observado em praticamente todo o extenso território norueguês e portanto, deve ter ocorrido a elevadas altitudes.

Ainda que a explicação mais sedutora possa ser a aparição de um OVNI a verdade parece residir para as bandas do… urso russo. De facto, é altamente provável que esta estranha espiral tivesse sido provocada por um lançamento de teste de um míssil intercontinental a partir de um submarino russo algures no Ártico. Essa hipótese resulta de um alerta emitido para o sistema de alertas para a navegação marítima que terá emitido um alerta notificando par uma zona onde não poderiam circular aviões, precisamente no Mar Branco, para esse dia 9 de dezembro. A espiral assim observada seria a criada pelo motor de foguete desse míssil, que parece ter ficado fora de controlo e ascendido em espiral. É claro que fica a pergunta…: Se estava fora de controlo, porque é que o comando de terra não emitiu uma ordem remota para a sua autodestruição?

O míssil russo aqui testado terá sido um dos novos “Bulava”, que de facto, não apresenta grande registo nos seus testes… Com falhanços que recuam ao primeiro teste em junho de 2004 a que se seguiram vários outros, sobretudo com o seu terceiro estádio, como terá também acontecido desta feita. No total, de 13 lançamentos, 7 resultaram em falhanços! (havendo quem diga até, que de todos, apenas um foi bem sucedido).

De facto, em 9 de dezembro corresponde à data do último teste de um míssil Bulava a partir de um submarino submerso, precisamente falhando no seu terceiro estádio, quando se encontrava mais alto na atmosfera, quando o terceiro estádio falhou pela quarta vez. A coincidência de datas indica que terá mais este teste falhado a causa do fenómeno observado nos céus da Noruega: o terceiro estádio de um Bulava subindo descontrolado em espiral nas camadas mais altas da atmosfera.

Fontes:
http://blog.uncovering.org/archives/2008/01/auroras_boreais.html
http://www.spaceweather.com/archive.php?view=1&day=09&month=12&year=2009
http://www.hidrografico.pt/avisos-a-navegacao-navtex.php
http://en.wikipedia.org/wiki/RSM-56_Bulava
http://en.rian.ru/russia/20091210/157186305.html

Categories: Ciência e Tecnologia, DefenseNewsPt, OVNIs | Etiquetas: , , | 4 comentários

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade