O PAK-FA (ou Sukhoi T-50), o novo caça de 5ª geração russo, está prestes a realizar o seu primeiro voo

O PAK-DA ou Sukhoi T-50 em http://warfare.ru

O PAK-FA (ou Sukhoi T-50), o novo caça de 5ªa geração russo, está prestes a realizar o seu primeiro voo. Depois de vários adiamentos no programa de desenvolvimento do PAK-FA, o seu primeiro protótipo deverá ter sido terminado já em novembro e realizar o seu primeiro voo ainda antes do final de 2009.

O PAK-FA está a ser construído na fábrica Sukhoi de Knaapo em Komsomolsk-na-Amur, onde estão 5 protótipos, em fases diferentes de finalização. Três destes serão usados em testes de voo, um para testes estáticos no solo e o quinto não deverá nunca voar, sendo usado em exibições e em testes de solo.

O segundo T-50 já construído – em agosto – foi entregue à base de Zhukovsky e está desde então a ser testado pelo Instituto TsAGI.

Todos os protótipos serão equipados com motores NPO Saturn 117S. Uma opção temporária, enquanto não termina o desenvolvimento de novos motores para o PAK-FA. Os aviões irão receber também os radares AESA Sh121, logo que estes estiverem terminados, a partir de meados de 2010.

Fonte:
Air Forces Monthly, dezembro de 2009

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , , | 6 comentários

Navegação de artigos

6 thoughts on “O PAK-FA (ou Sukhoi T-50), o novo caça de 5ª geração russo, está prestes a realizar o seu primeiro voo

  1. Tema interessante, totalmente ignorado pela mídia comercial, bom saber que ao menos nesse espaço qualquer interessado pode discutir e se informa sobre isso.

    As redes de comunicação no Brasil ignoram esse tema totalmente não vi matérias ou artigos publicados nem em redes de TV publica ou particular isso é preocupante.

  2. Pegasus

    As forças armadas brasileiras e seu sucateamento, desde o final da ditadura, não são mais dignos de nota pela imprensa brasileira, um erro imperdoavel que custou anos de defasagem e uma fragilidade absurda em termos de defesa de um país com o tamanho e a importancia que o Brasil teria que adquirir.
    Colocou-se no pós ditadura que não se poderia dar enfase aos militares com medo de dar força a um novo periodo ditatorial, prova de um país sem preparo organizacional como nação, com recentimentos profundos, transformando-se em presa facil para opiniões estrangeiras.
    Meu país é um gigante de joelhos frente a governantes pré-históricos que para avançar, tera que fazer como Deus fez com os Hebreus no deserto, terá que esperar 40 anos até a morte de uma geração “viciada”, que no caso do Brasil, é de politicos descomprometidos com a nação de forma progressista.
    Nossa sorte é que esse tempo de 40 anos começou em 1989, com a votação direta para governantes, portanto, temos ainda 20 anos para esperar e ja se pode contar que nos 20 anos que se passaram, muitos politicos retrogrados da velha escola ja partiram…20 anos, só mais 20 anos.

  3. as décadas de 80 e 90 foram anos em que o Brasil malbaratou todo o know-how e as empresas (como a Engesa). O governo Lula (por muitos defeitos que tenha) pelo menos reativou programas estancados e procurou reativar o setor de Defesa. Muito há a fazer, mas pelo menos começou-se…
    falta agora uma presença mais ativa nos cenários internacionais de crise e uma maior integração com a CPLP.

  4. jnpnhr

    Olha ele ai!

  5. serafim

    mais uma grande maquina russa . pra mim não é novidade nenhuma pois reconheço a capacidade dos russos no fabrico de grandes aviões mlitares . fui estudante na antiga união sovietica onde me formei na aviação militar primeiro em helicopteros mi-8 e mi-17 posteriormente em caças interceptores, em especial o mig-23 . tive o previlegio de ver e assistir ao vivo voos do mig -29 na base aerea de logavoi na asia central

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: