Daily Archives: 2009/12/08

A projetada estação espacial chinesa Tiangong

A China tem um plano para construir uma estação espacial que terá o nome de “Tiangong”. Exteriormente, será semelhante à soviética Mir e as imagens de planos que delas são conhecidas mostram-na com uma cápsula Shenzhou atracada, com uma versão chinesa do “Spacelab” europeu da década de 80.

A semelhança com a Mir pode ser mais do que cosmética, já que todo o atual material que a China envia para o Espaço, desde os foguetões às cápsulas são réplicas atualizadas da tecnologia soviética da década de 80.

A China prossegue assim a sua cuidadosa e até agora muito bem sucedida estratégia espacial de “pequenos passos” a partir do know-how soviético da década de 80. Assim, arriscam pouco e mantêm altos padrões de segurança (e impacto mediático), com custos baixos (os soviéticos é que pagaram os custos de desenvolvimento) e elevados níveis de sucesso.

Foi em 2000 que se soube pela primeira vez que a China tinha planos para construir a sua Tiangong. Mas o programa parece ter ficado hibernado e subfinanciado até recentemente. A ideia fundamental é construir uma estação a partir de vários módulos, lançados separadamente e cada um deles completamente autónomo (com energia, propulsão e navegação), e não especializados, como sucede com a ISS. No total, isso poderia garantir uma grande redundância à estação e uma teórica capacidade de expansão quase ilimitada, de facto, havia planos para fazer o mesmo com a Mir, que o fim da Guerra Fria fez abandonar e que agora podem ser retomados pela China, fabricando uma estação espacial que potencialmente até pode ser maior e com mais tripulantes que a própria ISS.

Fonte:
http://nasawatch.com/archives/2009/10/chinas-mir.html

Anúncios
Categories: China, SpaceNewsPt | 2 comentários

Quids S17: Que desenhador é este?

1. Todos os quids valem um ponto.

2. Os Quids são lançados entre as 21:00 e as 24:00 (Hora de Lisboa)

3. As pistas só serão dadas à hora de almoço (12:30-14:30) ou mais cedo, se possível. Contudo, nesse período do dia seguinte podem ser dadas várias pistas, desde que pedidas por um (qualquer) dos participantes.

4. Só há quids entre 2ª e 6ª (incluindo feriados). Salvo imprevisto…

5. Os Quids terminam quando um concorrente chegar aos 20 pontos.

6. A qualquer momento, poderão sair “QuidsExtra” de texto ou de imagens, com as mesmas regras dos demais, mas sem limite de dia ou de hora. Estes quids valerão sempre 3 pontos.

7. É vivamente desencorajado o uso de vários nicknames para o mesmo concorrente, já que desvirtua o espírito do jogo. Lembrem-se que o IP tudo revela…

Categories: Quids S17 | 6 comentários

O F-35: breve resenha

O F-35 pode não ser em termos meramente unitários o caça mais caro de sempre. Mas globalmente, é efetivamente o programa mais caro da História… Com efeito, com 1763 aviões pedidos pela USAF, 680 pela US Navy, 150 pelo Reino Unido e centenas de outros aparelhos pedidos pelos outros parceiros no programa: Austrália, Canadá, Dinamarca, Israel, Itália, Holanda, Singapura e Turquia, estaremos perante um total de perto de 3000 aparelhos.

Existem várias versões do F-35:
O CTOL (Conventional Take-Off and Landing) F-35A; o STOVL (Short take-off and Landing) F-35B e o F-35C que será usado em porta-aviões. A versão F-35B ainda não foi capaz de provar que poderia funcionar e a versão F-35C também ainda não foi testada e só deverá voar pela primeira vez em finais de 2009.

Uma das decisões mais polémicas foi a escolha por um avião com um só motor, um Pratt & Whitney F135, que equipará todas as versões do aparelho. O motor também não é dos pontos mais apreciados no aparelho, já que muitos preferiram um motor mais moderno, como o F136. Há também informações de que será medíocre em manobrabilidade… A sua velocidade máxima é de apenas 1,6 Mach (por comparação a do F-15 é de 2,5 Mach). Mas o ponto mais criticado é a reduzida carga militar que transporta, já que para manter as suas características stealth, apenas pode transportar essa carga internamente, sem os abundantes suportes externos da maioria dos aviões militares atualmente em uso, numa escala de 1 para 4, se o compararmos com o F-15!

Fonte:
Air Forces Monthly, outubro de 2009

Categories: DefenseNewsPt | Etiquetas: , , | 1 Comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade