Sobre o “mistério do metano” de Marte

A Mars Express (http://www.esa.int)

A Mars Express (http://www.esa.int)

Pensava-se que Marte era um planeta geologicamente morto. Até agora. Em 2004, descobriu-se que havia metano na ténue – mas existente – atmosfera marciana. A presença de metano significava que ou havia vida – já que na Terra essa é de facto uma das suas origens – ou que havia atividade vulcânica.

O mistério do metano de Marte teve o seu início em 2003, com a chegada da sonda europeia Mars Express e quando o seu instrumento “Planetary Fourier Spectrometer” (PFS) começou a identificar vários gases na atmosfera marciana, entre os quais algo de inesperado: o Metano. A descoberta foi depois confirmada por telescópios terrestres.

Acredita-se que o metano marciano tenha condições para se manter estável durante 300 anos. Por isso, seja la qual for o processo de geração deste gás, há uma forma de o ir renovando, caso contrário, já não haveria metano em Marte. Uma investigação realizada no começo deste ano revelou concentrações deste gás em três regiões de Marte, o que significa que nestas regiões algo o está a produzir… Seja atividade vulcânica ou atividade biológica.

Contudo, os modelos teóricos que estimavam que o metano fosse capaz de resistir 300 anos na atmosfera não se confirmaram. De facto, já em começos de 2006, quase todo o gás detectado dois anos antes já tinha desaparecido. Isto significa que os modelos estavam errados e que algo de inesperado estava a remover o metano a uma velocidade muito elevada.

Um estudo da ESA, publicado recentemente, veio colocar em dúvida estes modelos. Algo em Marte estava a remover o metano 600 vezes mais depressa que o inicialmente previsto. E esse é atualmente um dos maiores mistérios de Marte.

A resposta ainda não é conhecida. Mas deve existir na superfície do Planeta Vermelho: ou se trata de um composto químico desconhecido com a capacidade de remover grandes quantidades de metano em pouco tempo e se o há, então as moléculas orgânicas são severamente atacadas e será muito mais difícil encontrar vida em Marte. A menos que… Este metano esteja ele próprio a ser consumido por um processo biológico desconhecido… Uma forma de vida?

Fontes:
http://www.spaceref.com/news/viewpr.rss.html?pid=28930

http://www.esa.int/esaMI/Mars_Express/SEMB9OE3GXF_0.html

Anúncios
Categories: Ciência e Tecnologia, SpaceNewsPt | Etiquetas: , | Deixe um comentário

Navegação de artigos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

%d bloggers like this: