Rafale: o vencedor declarado do F-X2


Dassault Rafale em Le Bourget 2009

Para quem – como eu – sempre defendeu a opção Rafale, no concurso internacional brasileiro F-X2, contra o Super Hornet norte-americano ou o Gripen NG sueco, a notícia segundo a qual Lula da Silva confirmou durante uma entrevista a 6 de setembro que as “negociações com a França a propósito da venda de 36 caças Rafale estão muito avançadas” são uma boa notícia. Se isto não significa que o avião francês leva vantagem sobre os aparelhos da concorrência, então não sei o que significará… Estas declarações foram proferidas horas antes da chegada de Sarkozy ao Brasil, algo que só reforça a vantagem do Rafale.

Lula colocou o acento no ponto central das negociações ao afirmar “Todo mundo sabe que uma das exigências do Brasil é ter acesso à tecnologia”, algo a que os EUA nunca souberam responder com plena sinceridade e onde os suecos não podem, porque dependem dos reatores norte-americanos que equipam os seus Gripen. A França, pelo contrário, domina toda a tecnologia dos seus Rafale e logo, está em melhores condições para transferir tecnologia, já que, simplesmente, a tem para transferir, e não receia perder a liderança tecnológica para uma potencia emergente longínqua dos seus interesses estratégicos tradicionais (África e Médio Oriente).

O Brasil cumpre neste projeto F-X2 o seu papel. Desde cedo que uma das maiores exigências do país lusófono era a transferência de tecnologia, que capacitasse a induístria aeronáutica brasileira a reforçar o domínio da Embraer nalguns setores comerciais e de Defesa (reconhecimento, treino e contra-guerrilha/COIN) com o domínio da tecnlogia de motores e de aviação que o Rafale exibe. Assim, se esta é uma boa notícia para a França – que nunca tinha conseguido exportar o seu caça, ao contrário dos comercialmente bem sucedidos Mirage – é também uma boa noticia para a Embraer… Isso mesmo diz Lula, nesta entrevista: “Não podemos comprar um avião caça sem possuir a tecnologia e é justamente porque pensamos em produzir uma parte deste avião no Brasil. Temos uma importante empresa que é capaz de fazê-lo”.

O contrato entre o Brasil e a França envolve 4 biliões de dólares por 36 aviões e a chegada do presidente francês neste contexto só pode significar que a França triunfou. E com ela, o Brasil já que a sua indústria consegue a tecnologia que outros levaram décadas a desenvolver, a Embraer que poderá dar um verdadeiro “salto quântico” com esse novo know-how e até a França, que agora tem mais um argumento para convencer a Índia – onde decorre o mais importante concurso internacional da atualidade – das capacidades do seu caça.

Fonte:

AFP

Anúncios
Categories: Brasil, DefenseNewsPt | Etiquetas: , | 24 comentários

Navegação de artigos

24 thoughts on “Rafale: o vencedor declarado do F-X2

  1. Luiz Ely Silveira

    Será uma opção lógiaca a do Rafale, haja vista as outras intenções militares do Brasil com a França, sem falar das ligações da Embraer. Uma “aliança” militar com um país de língua latina que mantém um território ultramarino fronteiriço com o Brasil não parece má idéia. Para bons entendedores essas palavras bastam.

  2. Até concordo com os exposto, + uma parceria com os Rússos , possivelmente seria mt melhor p nós tecnológicamante e militarmente…e bom ter cuidados com os gauleses….Argentina 1982, lembra-se? …

  3. Bem, apesar da noticia, acho que a melhor opção seriam os Su-30 / Su-35.
    Mas como essa opção foi descartada de facto a 2ª melhor opção é de facto o Rafale.

    Não deixa de ser uma excelente escolha !

  4. LynO_____

    Dassault Rafale vence o FX-2
    BRASÍLIA

    O presidente Luiz Inácio da Silva está neste momento no Palácio da Alvorada em reunião com o presidente francês Nicolas Sarkozy. A presidência da República acaba de divulgar nota conjunta dos dois países confirmando que o Brasil vai comprar o caça Rafale. Segundo nota do divulgada agora há pouco, o país vai adiquirir 36 aviões de combate. O anúncio significa que foi encerrado o processo de seleção feito pela Força Aérea Brasileira (FAB), o chamado programa FX-2. Perderam a disputa o caça sueco Gripen e o americano F18.

    O Globo: Lula anuncia que comprará caça francês.
    http://oglobo.globo.com/pais/mat/2009/09/07/lula-anuncia-que-comprara-caca-frances-767507377.asp

    Justiça seja feita: O melhor venceu! ;D.

  5. é isso.
    acabou-se a incerteza
    deu mesmo Rafale e ainda bem!
    sinal de que haverá quase de certeza Rafales navais, o que ainda é melhor notícia para a projeção dos interesses brasileiros no mundo!

  6. Pegasus

    Rafale como novo caça brasileiro, classificação pra copa encima da Argentina…os brasileiros nunca tiveram um feriadão tão satisfatorio…ah moleque, chora cavaco.

  7. Acabou a incerteza, q venham os rafales,os Subs SSKs e Cascos p o sub nuclear,e o satélite geo estacionário…assim q começa um reequipamento das FAs armadas de uma potencia herbivora e benigna.

  8. Luiz Ely Silveira

    Parceria com russos só para o Chávez. Aliás, este faz parceria até com o diabo, pois só lhe interessa cutucar os EUA. Qualidade, operacionalidade, treinamento, manutenção e preço, são detalhes menores. Além disso, as diferenças culturais e a distância que dificultaria a logística em casos urgentes devem sempre ser consideradas nas compras brasileiras. De qualquer forma está feito, está decidido.
    Porém o mais importante tem ficado em segundo plano na mídia: o submarino nuclear. O Brasil tem um reator compacto operacional, pronto para colocar em um submarino, que não sabe construir. Agora o problema será resolvido com essa parceria franco-brasileira.

  9. Distância em um mundo cheio de meios de comunicação variados, E.mail, skipe,até o velho código morse.+ q foi bem vinda esse pacto militar..é mt bom, veio em boa hora é q dé frutos…É q venham os subs , os rafales e mt +…Vive le France e mt + o BRASIL.

  10. paulo alves

    Meus amigos,podemos estar a assistir á colocação dos primeiros “pilares” para uma grande super-potencia que pode emirgir,o brasil.
    Agora com as novas descobertas de petroleo feitas no brasil,o pais de vera-cruz pode se tornar em poucos anos um gigante economico.O brasil não pode cometer os erros de outros,ou seja,paises com muito petroleo e um pais pobre,o brasil tem que saber canalizar o dinheiro que vai ” jorrar” pelas suas torneiras para o povo brasileiro,tem que dár prioridade á educação das crianças, pois elas são o futuro,têm que resolver o problema das favelas,um autentico cancro social. O brasil vai se tornar um pais muito “apetecivel” para os abutres que mandam no mundo,muitas armadilhas vão ser criadas ao brasil para que a riqueza brasileira vá para os bolsos daqueles que moram bem longe de solo brasileiro e que somente uma minoria de brasileiros usufruam dessas riquezas,não deixem “angolanizar” o brasil.O brasil agora está numa encruzilhada,ou os seus governantes são intelegentes e conseguirão fazer com que o brasil dê o salto para o sucesso e para a abundancia,ou serão demasiadamente gananciosos e farão com que o brasil dê um salto para o abismo,o povo brasileiro deverá ter muita atenção pois muitos falsos profetas baterão á porta do brasil para “mamár” daquela riqueza.
    As terras que Cabral descobriu tem das maiores riquezas do planeta,petroleo,diamantes,amazonas,terra riquissima para agricultura,már,flora,fauna,praias,até neve.O brasil tem tudo para ser feliz.
    Vejam o exemplo do canadá,esse pais é uma grande potencia devido ao seu petroleo,eles canalizaram essa riqueza em pró do bem estar do seu povo,em pró da educação da sua gente,o brasil pode vir a ser o canadá dos tropicos,mas tambem caso os seus politicos sejam gananciosos,o brasil poderá se tornar a angola da america latina,essa é a encruzilhada em que o brasil se encontra.

  11. gaitero

    Clavis, no seu texto esta escrito 26 caças, não seria 36???

    Grande Abraço..

  12. gaitero:
    sempre atento!
    obrigado! estava errado na segunda referência, de facto!

  13. Os francos assinaram um grande acordo com uma grande pótencia …vão recebe o prEMIO PELA AJUDA no futuro…Viva o BRASIL .

  14. Lucas Calabrio

    Prezados
    Isso nunca foi uma concorrência e sim uma compra direta, governo a governo.
    Abraços

  15. Lucas Calabrio

    Sou partidário do envolvimento brasileiro com a SAAB também, pois agregaremos duas tecnologias par num futuro sair uma
    sds

  16. Ainda bem….com a tranferência de tecnológia e total, então valeu.Vive le france e mt + ainda o BRASIL.

  17. Weverton Leite

    Prezados, o mais importante não é o fato da compra em sí, mas as normas impostas pelo país sul americano. Os aviões serão montados pela Embraer. Os submarinos serão construídos em território brasileiro. Ou seja, além de reequipar as forças armadas, o Brasil estará a gerar novos empregos e dominar tecnologias que solidificaram mais ainda sua liderança no subcontinente, tornando-o fornecedor de equipamentos de última geração. Deve-se acurar apenas para que esse potencial seja canalizado para ações pacíficas. Aliás, o bom relacionamento com todas as nações do mundo é consequência direta da forma respeitosa dos brasileiros em relação às outras nações, enxergando-as como parceiras para que se explorem as oportunidades conjuntamente. Não é a toa que o País é tão respeitado mundialmente hoje.

  18. rui dinis

    para quando uma pareceria economica e tecnologica entre o brasil e israel? O brasil iria ganhar em muito aspectos,muitos brasileiros são descendentes dos cristãos-novos,este facto poderia aproximar israel ao brasil.
    á quem diga que o brasil é o segundo isrrael,se repararem é possivel escrever o nome ISRRAEL do nome de BRASIL é só por o “i” em primeiro lugar,depois a letra “s” a seguir “r” e assim sucessivamente,á que diga que foram os novos cristãos e conseguiram que o rei de portugal de então mudasse o nome de “vera cruz” para brasil,ou seja,uma maneira camufulada de escrever ISRAEL

  19. gaitero

    Segue alguns dados da venda…

    Mesmo que não confirmada oficialmente o Rafale já venceu a concorrência.

    Motivo?

    Os custos de aquisição, muito mais elevados que os da concorrência, foi reduzidos em quase 40%, segundo consta, o custo do desenvolvimento foi retirado da equação.

    O custo de manutenção que era o mais elevado da concorrência foi reduzido ao mesmo valor do principal concorrente, o F/A-18.

    O quesito tecnologia foi decisivo, amplo pacote com o apoio do governo.

    Capacidade inquestionável, o Rafale é sem dúvida o melhor entre os concorrentes…

    Grande Abraço.

  20. gaitero:
    obrigado pelas preciosas elucidações.
    Assim, fica mais clara, a opção rafale…

  21. Tb acho que seria melho para o Brasil, uma parceria com a Russia, afinal a Russia domina a tecnologia aeroespacial, e, neste campo, até os EUA comem nas mãos dos Russos. É só lembrar o caso da Estação Espacial Internacional.

  22. mas a Rússia já dançou do F-X2…

  23. A Rússia dançou , pelo medo do BRASIL cópiar os seus Su 35, assim como os Chinese fazem…burrice, nós somos + moralistas…Que os Sus 35/37 são os maiores caças do mundo, ninguém , nem ianks podem dizer ao contrario…são imbativeis. Seriam os melhores p o BRASIL..Que venham os Rafalles..então.

  24. ..isso pelo acordo nuclear ,p a construção dos Subs , a ajuda p lançar o amarrado VLS…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

O Vigia

O blog retrata os meus pensamentos do dia a dia e as minhas paixões, o FLOSS, a política especialmente a dos EUA, casos mal explicados, a fotografia e a cultura Japonesa e leitura, muita leitura sobre tudo um pouco, mas a maior paixão é mesmo divulgação científica, textos antigos e os tais casos ;)

%d bloggers like this: