Daily Archives: 2009/08/29

Os “X-Files” da marinha russa são falsos ou verdadeiros?

Segundo o site do jornal “Russia Today” cita um texto do “Svobodnaya Pressa” que afirma que a Marinha Russa publicou diversos relatórios do tempo da Guerra Fria sobre encontros com OVNIs. Digo “afirma”, porque embora tivesse procurado não encontrei nenhuma referência oficial a essa desclassificação… Apenas referências cruzadas aos mesmos sites e, neles, sobretudo ao site “Svobodnaya Pressa” cujo URL… não existe. Suspeito, admitamos… Os registos supostamente desclassificados pertencem à era soviética e são o produto do trabalho de um grupo da Marinha soviética liderada pelo Almirante Nikolay Smirnov. Estas funções não constam da sua lista de atividades oficiais, em vários sites de língua russa, o que pode ser ou não, indício de uma notícia falsa… É certo que o oficial fez a sua carreira nos submarinos começando como navegador em 1939, passando pelo posto de comandante da frota de submarinos do Mar Negro, mas não há referências ao comando dessa unidade. A fonte primária da notícia parece ser um tal de “perito OVNI russo” Vladimir Azhazha, ou “Dr. Vladimir Azhazha”, um “Físico e Professor de Matemática da Universidade de Moscovo” que apesar dos títulos, apenas deixou obra escrita sobre OVNIs e sobre as alegadas “falsas missões lunares Apollo” (ver AQUI). Ou seja, os dados reunidos até agora não são bons para a credibilidade da notícia…

A notícia indica vários encontros, a maioria consistentes com incidentes semelhantes ocorridos noutros locais do mundo, e nomeadamente nos EUA, com a US Navy. Num dos casos, um submarino nuclear, em missão no Pacífico (Smirnov chegou a ser o comandante da frota do Pacífico) encontrou seis objetos submarinos. O navio teria sido perseguido os OSNIs (“Objetos Submarinos Não Identificados”), sem lhes conseguir fugir, tendo o comandante ordenado a subida à superfície. Os OSNIs seguiram-lhe o exemplo, mas ao contrário do submarino, continuaram as ascensão e desapareceram numa rápida subida. Noutro caso, supostamente ocorrido não longe do famoso Triângulo das Bermudas, um submarino comandado pelo depois Contra Almirante Yury Beketov descreve a “falha de todos os instrumentos” e que teriam encontrado objetos que “nos instrumentos do navio se moviam a velocidades impossíveis. Alguns cálculos indicavam que se moviam a 230 nós. Uma tal velocidade seria possível no ar, mas não com a resistência da água. Era como se esses objetos desafiassem as leis da Física. Há só uma explicação: as criaturas que os construíram ultrapassam-nos muito em desenvolvimento”, terá dito o oficial. Existe de facto um oficial reformado com esse nome que se pronunciou recentemente sobre a eventual recuperação do submarino Kursk (ver AQUI), por aí nada a dizer… Ou seja, o facto de se colocar na boa deste oficial a afirmação não prova, nem deixa de provar que os acontecimento sucederam assim, da forma descrita.

Os supostos relatos incluem também um encontro no Lago Baikal, o lago de água doce mais profundo do mundo em que “mergulhadores militares encontraram um grupo de criaturas humanóides com fatos prateados (…) tentaram apanhar os visitantes mas três dos sete homens morreram no processo e os restantes quatro acabariam seriamente feridos.” Isto teria acontecido em 1982 a cerca de 50 metros de profundidade. É estranha a omissão de mais dados… Faltam nomes dos militares, os detalhes exatos dos ferimentos, certamente presentes no relatório (se este existisse).

Toda esta incerteza se consolida quando numa nota de imprensa da agência noticiosa russa ITAR-TASS, emitida em Moscovo a 29 de julho de 2009 se nota que “A Marinha Russa declarou não ter conhecimento oficial de documentos desclassificados sobre encontros militares soviéticos com objetos voadores não identificados (OVNI)”.

Fontes:

http://www.godlikeproductions.com/forum1/message850294/pg1
http://www.russiatoday.com/Top_News/2009-07-21/russian-navy-ufo-records-say-aliens-love-oceans.html
http://www.foxnews.com/story/0,2933,534960,00.html

http://www.warheroes.ru/hero/hero.asp?Hero_id=1851http://uk.news.yahoo.com/5/20090728/twl-ufos-prefer-water-for-close-encounte-3fd0ae9.html

Categories: Mitos e Mistérios, OVNIs | 3 comentários

As árvores artificiais para captura de CO2

Cientistas norte-americanos estão a trabalhar numa “árvore sintética” que seja capaz de captar carbono de uma forma mil vez mais rápida que qualquer árvore verdadeira. A estrutura foi concebida de forma a captar o carbono à medida que o vento passa pelas suas folhas de plástico, recolhendo-o e comprimindo numa câmara de armazenagem na forma de dióxido de carbono líquido. A tecnologia inspira-se nos novos métodos de captura testados em algumas centrais de carvão no mundo, como esta recentemente inaugurada nos arredores de Berlim pela Vattenfall.

O objetivo é o de capturar carbono fora dos grandes locais de emissão, como estas centrais, que em Portugal corresponde a 21% da produção, e que segundo o coordenador do projeto, o professor Klaus Lackner da Universidade de Columbia são mais de metade de todas as emissões de CO2. Estas “árvores artificais” poderiam ser colocadas ao longo das grandes vias rodoviárias e dos aeroportos, captando o CO2 de automóveis (63% das emissões) e aviões (3% das emissões). Outra opção seria rodear as centrais de carvão mais antigas de círculos sucessivos de “árvores artificiais”, captando as suas emissõe, num processo que seria muito mais económico do que instalar sistemas de captura de carbono idênticos a da central da Vattenfall acima indicada.

Naturalmente, a “árvore artificial” precisa de energia para funcionar e esta – por sua vez – pode emitir CO2 para ser produzida. Contudo, segundo Lackner, o processo de acumulação de CO2 líquido consome apenas 50 quilojoules por 44 gramas, algo que deve ser comparado com a produção das mesmas 44 gramas pela produção de 230 quilojoules de eletricidade – em média – numa central nos EUA. Ou seja, energeticamente o sistema seria muito compensador.

Obviamente, este sistema não será “a” solução milagrosa para o problema do Aquecimento Global. Esta terá que ser multipla, multifacetada e multidisciplinar, tamanha é a escala do problema que ameaça a espécie humana de extinção. Nesse sentido, as “árvores artificiais” captadores do CO2 que escapar às nossas reduções poderão ser decisivas e são certamente uma abordagem muito viável. E instaladas em grande número e em elevada concentrações em locais onde os ventos são particularmente intensos, cada “árvore” poderia captar até uma tonelada de CO2 por dia, contribuindo significativamente para reduzir os 22 mil milhões de toneladas métricas anualmente emitidas…

Fontes:
http://www.bbc.co.uk/blogs/magazinemonitor/2007/01/10_things_we_didnt_know_last_w_9.shtml
http://edition.cnn.com/2009/TECH/science/06/22/synthetic.tree.climate.change.ccs/index.html
http://www.nationmaster.com/graph/env_co2_emi-environment-co2-emissions

Categories: Ciência e Tecnologia, Ecologia, Economia | 1 Comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade