O poder da superstição em África: a caça aos “albinos”

Na Tanzânia não é hoje seguro ser albino. Só num ano, 25 albinos foram assassinados em casos ligados à prática de feitiçaria. Uma das últimas vítimas foi apenas um bebé de sete meses, mutilado de forma a obter varias “doses” para rituais de feitiçaria.

Os rituais de feitiçaria africana são ainda hoje em dia especialmente ativos nestas paragens do globo, e na Tanzânia, no norte do país. A BBC investigou alguns destes cruéis assassinatos e concluiu que, pelo menos em alguns casos, a polícia local era paga para “olhar para o lado”, tal é o tipo de quantias que a feitiçaria aqui implica.

Um outro caso particularmente dramático foi o de um homem albino chamado Nyerere Rutahiro atacado quando comia no exterior da sua casa por um grupo de 4 homens que gritavam “queremos as tuas pernas”.

A própria polícia tanzaniana admite que estes crimes resultam da atividade de gangs organizados trabalhando para empresários, feiticeiros e clientes dispostos a pagarem por partes corporais de albinos.

Aparentemente, segundo estes feiticeiros, os albinos teriam o “poder” de atrair a riqueza. Certamente, não sobre eles próprio e muito duvidosamente sobre aqueles que embarcam neste logro, mas certamente sobre todos os que estão envolvidos direta ou indiretamente neste lúgrebe e cruel “negócio”… Prova cabal que o reinado da superstição está muito longe de ter terminado sobre a Terra e que a ignorância ainda singra sem controlo em muitas partes do mundo.

Fonte:
http://news.bbc.co.uk/2/hi/africa/7518049.stm

Categories: Política Internacional, Sociedade | Etiquetas: | 2 comentários

Navegação de artigos

2 thoughts on “O poder da superstição em África: a caça aos “albinos”

  1. Pigy Wii

    As pessoas Negras qe são de africa, qe são albinas são brancas??? nao entendo…entao sao as duas cores??
    Feitiçaria??Qe parvoice!!

  2. para saber mais:
    “O albinismo é uma patologia hereditária causada por um gene recessivo, na qual o portador nasce sem a melanina ou quase nenhuma, resultando em uma pele extremamente clara e desprotegida do sol, e com o cabelo claríssimo.”

    http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080401233710AAuw3Ko

    a feitiçaria é uma parvoíce, que floresce sempre que há espaço para a ignorância, onde quer que esta apareça…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

PEDAÇOS DE SABER

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

<span>%d</span> bloggers like this: