Daily Archives: 2009/06/13

Violaram a conta de Selma Hayek e algumas derivações em torno da sua Sex Tape e sobre a segurança dos sistemas de webmail

(Selma Hayek. Hum. Aguarde cinco minutos e já pode tornar a respirar em http://gordonkeith.files.wordpress.com)

Depois de toda a polémica erguida em torno da aparição de uma “Salma Hayek Sex Tape” na Internet (falsa, na minha opinião), não deixa de ser tristemente curioso que a vida da bela e talentosa (a vários níveis) atriz mexicana tenha alcançado um novo nível de devassa da vida privada com a notícia de que a sua conta de correio eletrónico tinha sido violada e o conteúdo da mesma exposto publicamente (ainda que e forma não tão crua como no dito vídeo). Com efeito, a conta de Salma Hayek no serviço da Apple MobileMe teria sido exposta e o seu conteúdo revelado. Este, segundo o site da Apple poderia ser uma visão tão detalhada da vida da atriz como esta:

Email, contacts, and calendars.
In sync everywhere you go.

You might have a Mac at home, a PC at work, and an iPhone or iPod touch. How do you keep them all in sync? With MobileMe, your email, contacts, and calendar stay the same wherever you check them, no matter what device you use.

Works with the applications
you already use.

MobileMe works with the applications you know well. Microsoft Outlook on a PC. Mail, Address Book, and iCal on a Mac. Changes you make in these desktop applications are regularly synced with MobileMe.

Me.com.
Your desktop everywhere.

Access and manage your email, contacts, calendar, photos, and files at me.com. All with feature-rich web apps so easy to use, you might prefer them to your desktop applications.

Mas qual foi o erro da atriz? Isto é, para além de manter um controlo muito lasso sobre as suas gravações privadas, queremos nós dizer? Bem, aparentemente o seu erro foi ter confiado numa característica comum à maioria dos sistemas de correio online e que faz depender a reposição de acesso a uma conta perdida da resposta correta a uma pergunta de reativação demasiado simples. No concreto, a questão para a pergunta de “Forgot Password” implica no MobileMe (como na maioria dos sistemas semelhantes, aliás) o conhecimento do endereço de mail de alguém, algo que não é difícil de obter, seja por adivinhação (tipo tentando os seus nomes ou os nomes dos namorados/maridos ou filhos), procurando a data de nascimento, os nomes dos pais, etc. Toda essa informação está disponível na Internet, especialmente se o alvo fôr uma figura pública… E isso mesmo nos conta o caso em tudo idêntico de Sarah Palin , cujo mail foi violado por alguém que presumiu (bem) que a sua password era o nome do marido e o ano em que ela o conheceu, no Liceu…

O grande problema com o serviço da Apple (e com outros semelhantes, já agora!) é que quando alguém pede um reset da password, não é enviado um mail avisando o dono da caixa de correio que este reset foi pedido

Fonte:
http://technologizer.com/2009/04/23/dont-be-like-selma-hayek/

Categories: Cinema, Informática, Sociedade | Etiquetas: | 9 comentários

COMUNICADO MIL: AINDA SOBRE A GUINÉ-BISSAU

Conforme notícia da Agência Lusa, Baciro Dabó, ministro da Administração Territorial e candidato presidencial à Guiné-Bissau, foi assassinado na madrugada de hoje, bem como um antigo ministro da Defesa, Hélder Proença.

Estes assassinatos, que se seguem a todos os outros que ocorreram nestes últimos meses, provam, uma vez mais, a necessidade de um maior envolvimento da comunidade internacional e, em particular, da comunidade lusófona, em prol de uma efectiva pacificação da sociedade guineense, como o MIL: MOVIMENTO INTERNACIONAL LUSÓFONO insistentemente tem reclamado.

A esse respeito, o MIL relembra, em particular, a Petição que lançou recentemente, antecipando que em irá promover um debate público sobre “O futuro democrático da Guiné-Bissau no espaço lusófono”, a realizar-se no dia 4 de Julho, às 16h, na Associação Agostinho da Silva, que contará com a presença de Francisco José Fadul, ex-primeiro-ministro da Guiné e primeiro subscritor da Petição:

EM PROL DA CONSTRUÇÃO DE UM ESTADO DE DIREITO DEMOCRÁTICO NA GUINÉ-BISSAU: http://www.gopetition.com/online/26953.html


MIL: MOVIMENTO INTERNACIONAL LUSÓFONO
Comissão Coordenadora

Categories: Lusofonia, Movimento Internacional Lusófono | Deixe um comentário

Site no WordPress.com.

Eleitores de Portugal (Associação Cívica)

Associação dedicada à divulgação e promoção da participação eleitoral e política dos cidadãos

Vizinhos em Lisboa

A Vizinhos em Lisboa tem em vista a representação e defesa dos interesses dos moradores residentes nas áreas, freguesias, bairros do concelho de Lisboa nas áreas de planeamento, urbanismo, valorização do património edificado, mobilidade, equipamentos, bem-estar, educação, defesa do património, ambiente e qualidade de vida.

Vizinhos do Areeiro

Núcleo do Areeiro da associação Vizinhos em Lisboa: Movimento de Vizinhos de causas locais e cidadania activa

Vizinhos do Bairro de São Miguel

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos

TRAVÃO ao Alojamento Local

O Alojamento Local, o Uniplaces e a Gentrificação de Lisboa e Porto estão a destruir as cidades

Não aos Serviços de Valor Acrescentado nas Facturas de Comunicações !

Movimento informal de cidadãos contra os abusos dos SVA em facturas de operadores de comunicações

Vizinhos de Alvalade

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos de Alvalade

anExplica

aprender e aprendendo

Subscrição Pública

Plataforma independente de participação cívica

Rede Vida

Just another WordPress.com weblog

Vizinhos do Areeiro

Movimento informal, inorgânico e não-partidário (nem autárquico independente) de Vizinhos do Areeiro

MDP: Movimento pela Democratização dos Partidos Políticos

Movimento apartidário e transpartidário de reforma da democracia interna nos partidos políticos portugueses

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

THE UNIVERSAL LANGUAGE UNITES AND CREATES EQUALITY

A new world with universal laws to own and to govern all with a universal language, a common civilsation and e-democratic culture.

looking beyond borders

foreign policy and global economy

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade